Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/47795
Title: Hepatite A : contributo para uma melhoria em saúde pública
Authors: Fonseca, Augusta Zulmira Ventura Duarte da
Orientador: Santos, Fernando José Lopes dos
Sargento, Maria Celene da Silva Sousa
Keywords: Hepatite A; Saúde pública
Issue Date: Jun-2012
Abstract: Introdução: As hepatites víricas, cuja descrição data provavelmente de Hipócrates, constituem ainda hoje um importante problema de saúde pública. A situação geográfica de Portugal, no extremo ocidental da Europa, é uma porta aberta para a aquisição de vírus endémicos noutras regiões do globo. Os novos fluxos migratórios, também têm contribuído bastante para a propagação de infeções virais tendo a Hepatite A assumido um especial relevo. Objetivos: Com esta revisão bibliográfica, pretende-se avaliar o contributo dado pelas técnicas de laboratório, nomeadamente as técnicas imunoenzimáticas, a reação em cadeia polimerase (PCR) em tempo real e sequenciação genómica na pesquisa do ácido ribonucleico (RNA) viral, no diagnóstico de situações a necessitar de esclarecimento e em estudos epidemiológicos. Por outro lado, estimar a importância da prevenção desta infeção viral. Desenvolvimento: A descoberta do vírus da Hepatite A ocorreu em 1975, todavia, na antiguidade já se registavam surtos de doença diagnosticados como “iterícia infeciosa” e eram frequentes em períodos de guerra e de cataclismos. O vírus da Hepatite A (VHA) tem cerca de 27 nm e está incluído na família dos picornaviridae. O seu genoma é construído por um RNA positivo e monocatenário. Está distribuído por todo o mundo, especialmente em lugares e onde as condições de higiene são escassas. Embora atualmente estejam descritas outras vias de contaminação, a principal é oro-fecal, isto é, através de alimentos e águas contaminadas. E de salientar a ocorrência de vários surtos de doença de origem alimentar. O diagnóstico laboratorial, é feito por rotina por deteção da presença serológica de anticorpos do tipo IgM e IgG e também pela enzimologia hepática. A utilização de técnicas de biologia molecular nos estudos epidemiológicos e a presença do RNA viral em alimentos contaminados contribui por certo para o reconhecimento do vírus como um grupo importante de vírus veiculado por alimentos. Estas técnicas assumiram um adicional relevo desde que as investigações da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica se tornaram mais rotineiras. Conclusões: Este estudo pretende fazer uma avaliação qualitativa dos métodos de diagnóstico laboratorial e a sua evolução. Calcular o impacto desta infeção na consulta do viajante e contribuir para uma melhoria nas condições de saúde pública em Portugal
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina àrea científica de Medicina, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/47795
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE-Hepatite A-Contributo para....docx4.38 MBMicrosoft Word XMLView/Open
Show full item record

Page view(s)

136
checked on Sep 22, 2020

Download(s) 50

571
checked on Sep 22, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.