Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/1888
Title: Métodos de elementos finitos para a modelação a uma e duas dimensões horizontais da propagação de ondas de gravidade em engenharia costeira.
Authors: Valente, Paulo Alexandre de Avilez Rodrigues de Almeida 
Orientador: Santos, Fernando Jorge Seabra
Gomes, Fernando Francisco Veloso
Keywords: Hidráulica, Recursos Hídricos e Ambiente; Engenharia Civil
Issue Date: 31-Jul-2000
Citation: Métodos de elementos finitos para a modelação a uma e duas dimensões horizontais da propagação de ondas de gravidade em engenharia costeira. Coimbra: DEC, 1999, XXXI, 341 p.
Abstract: Neste trabalho investiga-se a aplicação do método dos elementos finitos à modelação numérica das ondas de superfície dispersivas de origem gravítica. Numa primeira parte é feita a dedução dos modelos de propagação a uma e duas dimensões horizontais de Boussinesq, Madsen e Sørensen, Seabra-Santos e Nadaoka e Beji. É utilizada uma parametrização unificadora dos modelos de águas profundas e pouco profundas. Ascaracterísticas lineares de dispersão e de empolamento desses modelos são comparadas. Os requisitos em termos de condições fronteira e iniciais são também analisados. Numa segunda parte um método de elementos finitos tipo Petrov-Galerkin, com precisão de terceira ordem para a solução numérica das equações de Boussinesq a uma e duas dimensões horizontais, é desenvolvido. O mesmo método é válido, exactamente nas mesmas condições, para o modelo de Seabra-Santos. Elementos finitos são usados nos domínios do espaço e do tempo. A correcção da dispersão numérica e um mecanismo de dissipação altamente selectivo são introduzidos por intermédio de termos adicionais do tipo upwind e crosswind nas funções de peso. As funções de interpolação são trilineares, no espaço-tempo, enquanto as funções de peso são bilineares no espaço e quadráticas no tempo. A integração no tempo resulta num esquema implícito a um passo, do tipo predictor-corrector. A análise de precisão é baseada numa expansão local em série de Taylor, resultando na equação diferencial equivalente. É também feita uma análise baseada numa solução linear em série de Fourier. A análise de estabilidade baseia-se no critério de von Neumann. O mesmo tipo de formulação foi desenvolvido para o modelo de Madsen e Sørensen, embora numa forma não consistente, com as mesmas características de precisão e estabilidade. Para o modelo de Nadaoka e Beji, recorreu-se a uma formulação de Bubnov-Galerkin baseada num esquema de interpolação mista no espaço. Os resultados numéricos foram comparados com soluções analíticas e com medições feitas em laboratório e disponíveis na literatura da especialidade. Os resultados mostraram uma boa correlação com as soluções analíticas e com as medições.
Description: Tese de doutoramento em Engenharia Civil (Hidráulica, Recursos Hídricos e Ambiente) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia da Univ. de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/1888
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FCTUC Eng.Civil - Teses de Doutoramento

Show full item record

Page view(s)

69
checked on Sep 22, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.