Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/98614
Title: Revealing social values in the context of peer-to-peer energy sharing: a methodological approach
Authors: Klein, Lurian Pires
Orientador: Silva, Manuel Carlos Gameiro da
Allegretti, Giovanni
Keywords: peer-to-peer energy sharing; social value assessment; valuation framework; energy community; renewable energy trading; user-centric energy services; partilha de energia entre pares; avaliação de valor social; avaliação social da partilha de energia entre pares; comunidade de energia; serviços de energia centrados no utilizador final
Issue Date: 20-Dec-2021
Project: POCI-01-0247-FEDER-018015 
Abstract: The peer-to-peer energy sharing concept refers to flexible, decentralised, synergistic, and direct exchanges of (often the case) distributed renewable electricity between grid-connected end-users. Fundamentally, peer-to-peer energy sharing models are based on complex social networks that thrive on the local embeddedness and social wiring among end-users, rather than on competing economic self-interests. This challenges the traditional approach of energy markets, which is usually characterised by a rigid top-down hierarchical structure that leads to individualistic and antagonistic behaviours at the end-user level. By evidencing the intricate social interconnectedness that characterises peer-to-peer energy sharing models, this Ph.D. research argues that these models might influence the social values systems of those directly involved with it. Nonetheless, the scientific literature still fails to provide fit-for-purpose methodologies that can transfer the inherently qualitative nature of social values into quantitative measures in the context of peer-to-peer energy sharing. In view of that, this Ph.D. research aims to provide the first systematic investigation of the social values-based dimension of peer-to-peer energy sharing models. To do so, it developed the first overarching social values-based assessment framework that allows the identification of underlying social values associated with peer-to-peer energy sharing model. This framework was trialled and validated in three pilots in Portugal from the Community S demonstration project - the first to have validated the concept of peer-to-peer energy sharing in real-life settings and under real market conditions before its deregulation in the country. Because of that, this Ph.D. research also demonstrated and validated the business model behind the Community S project, as well as the end-user engagement framework that guaranteed its sucessful roll out. The impact of the social values-based assessment framework was analysed. A valuable element of this framework is the overarching reference list of 194 individual social values that can be explicitly associated with peer-to-peer energy sharing interactions, which were categorised under 33 social value macro themes for operationalisation purposes. Results suggest that 26 out of the 33 social value macro themes were considered validly “active” in the context of the pilot sites, including: belonging, achievement, responsibility, resilience, altruism, influence, emancipation, awareness, participation, collaboration, collectivity, dialogue, support, commitment, motivation, impartiality, progress, professionalism, environmentalism, purpose, originality, personal development, wellbeing, effect change, advocacy, and long-sightedness. The social values-based framework also allowed participants to make inferences about the nature of each active social value uncovered. In this respect, participants perceived these 26 active social value macro themes as previously existing social values that were reinforced by the peer-to-peer energy sharing activities. Participants also identified coercion as a social value macro theme that did not relate to peer-to-peer energy sharing. These results are scalable provided that the result interpretations drawn here are put in perspective and validated through the cohesive validity check on a case-by-case basis proposed by this Ph.D. research. All is all, This Ph.D. research defends that there must be a fundamental shift in the way that social values are accounted for in the transition towards a desirable carbon-neutral future. Since only part of the overall value created by peer-to-peer energy sharing models seems to be assimilated into market relations, this Ph.D. research highlighted the need to demonstrate the real impact of what can be truly achieved with peer-to-peer energy sharing, instead of just what is easily quantifiable. For that, social values should be considered core outcomes of peer-to-peer energy sharing services provision and commissioning, rather than just an incremental externality. In conclusion, this Ph.D. research expects to create a new social values-based language that is explicitly associated with peer-to-peer energy sharing.
O conceito de partilha de energia entre pares refere-se às transações diretas, descentralizadas, sinérgicas e flexíveis do excedente de produção fotovoltaica entre utilizadores finais conectados entre si pela rede de energia. Fundamentalmente, os modelos de partilha de energia entre pares são baseados em redes sociais complexas que prosperam na integração local e na interconexão social entre os utilizadores finais, em vez de interesses econômicos individualizados e concorrentes. Isso desafia a abordagem tradicional dos mercados de energia, que geralmente é caracterizada por uma estrutura hierárquica rígida de cima para baixo que leva a comportamentos individualistas e antagônicos ao nível do utilizador final. Ao evidenciar a intrincada interconexão social que caracteriza os modelos de partilha de energia entre pares, esta tese de doutoramento argumenta que tais modelos podem vir a exercer certa influência nos sistemas de valores sociais das pessoas diretamente envolvidas com eles. No entanto, a literatura científica ainda não oferece metodologias capazes de avaliar objetivamente a natureza inerentemente qualitativa dos valores sociais no contexto da partilha de energia entre pares. Em vista disso, esta tese de doutoramento visa fornecer a primeira investigação sistemática da dimensão dos valores sociais associada aos modelos de partilha de energia entre pares. Para isso, esta tese de doutoramento desenvolveu o primeiro quadro metodológico abrangente capaz de identificar valores sociais subjacentes associados à partilha de energia entre pares. Este quadro metodológico foi testado e validado em três pilotos em Portugal sob a tutela do projeto demonstrador Community S - o primeiro a ter validado o conceito de partilha de energia entre pares em cenários reais e em condições reais de mercado antes da sua desregulamentação no país. Por causa disso, esta tese de doutoramento também demonstrou e validou o modelo de negócios por trás do projeto Community S, bem como o quadro metodológico de envolvimento dos participantes desenvolvido sob medida para garantir a sua implementação bem-sucedida. O impacto do quadro metodológico de avaliação dos valores sociais foi analisado. Um elemento valioso deste quadro metodológico é a lista de referência de valores sociais que abrange 194 valores sociais individuais distintos e explicitamente associados à partilha de energia entre pares - categorizados em 33 macro valores sociais (ou seja, macro temas) para fins de operacionalização dos valores sociais. Os resultados sugerem que 26 dos 33 macro temas foram considerados validamente "ativos" no contexto dos três pilotos, incluindo: sentimento de pertença, realização, responsabilidade, resiliência, altruísmo, influência, emancipação, consciêncialização, participação, colaboração, identidade comunitária, diálogo, suporte, comprometimento, motivação, imparcialidade, progresso, profissionalismo, consciência ambiental, propósito, originalidade, desenvolvimento pessoal, bem-estar, impacto, defesa (de uma causa) e visão de longo prazo. O quadro metodológico proposto também permitiu aos participantes fazer inferências sobre a natureza de cada macro tema ativo revelado. A este respeito, os participantes concluiram que os 26 macro temas ativos representam valores sociais previamente existentes que foram reforçados pela partilha de energia entre pares. Os participantes também identificaram coerção como um macro tema não relacionado à partilha de energia entre pares. Esses resultados são escaláveis, desde que as interpretações dos resultados aqui traçadas sejam colocadas em perspectiva e validadas caso-a-caso por meio do quadro de validação coeso proposto nesta tesa de doutoramento. Em suma, esta tese de doutoramento defende que deve haver uma mudança estrutural na forma como os valores sociais são valorizados na atual transição energética rumo à descarbonização. Uma vez que apenas parte do valor geral criado pelos modelos de partilha de energia entre pares parece ser assimilado pelas relações de mercado, esta tese de doutoramento reforça a necessidade de demonstrar o impacto real alcançado pelos modelos de partilha de energia entre pares, em vez de apenas o que pode ser quantificável. Para isso, os valores sociais devem ser considerados como aspectos centrais do fornecimento e comissionamento de serviços de partilha de energia entre pares, ao invés de apenas uma externalidade incremental. Por fim, esta tese de doutoramento espera ter criado uma nova linguagem centrada em valores sociais que está explicitamente associada à partilha de energia entre pares.
Description: Tese de Doutoramento em Sistemas Sustentáveis de Energia apresentada à à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/98614
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Eng.Mecânica - Teses de Doutoramento
UC - Teses de Doutoramento

Show full item record

Page view(s)

41
checked on Aug 12, 2022

Download(s)

38
checked on Aug 12, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons