Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/97094
Title: Escavações em meio urbano utilizando a metodologia top-down. O caso da Torre Platinum em Maputo, Moçambique.
Authors: Issufo, Izel Jacinto
Orientador: Pedro, António Manuel Gonçalves
Pinto, Alexandre da Luz
Issue Date: Jul-2016
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O dimensionamento e escavação de caves de edifícios em ambiente urbano reveste-se usualmente de complexidade acrescida, visto que para além das especificidades requeridas pelo próprio projeto é necessário ter em consideração todas as condicionantes locais existentes. Estas, particularmente quando existem na periferia outros edifícios ou infraestruturas, impõem restrições ao projeto e condicionam fortemente as soluções construtivas a adotar já que a utilização de métodos tradicionais de suporte de estruturas de contenção fica limitada, quer pelas dimensões do edifício no caso de escoras, quer, sobretudo, pela impossibilidade de utilizar ancoragens dado que estas podem interferir com as condicionantes existentes. Nestes casos, é necessário recorrer a soluções construtivas inovadoras sendo uma das mais frequentemente utilizadas o top-down, ou método de construção invertida, onde são as próprias lajes do edifício que servem de apoio e suporte às pressões de terra aplicadas na estrutura de contenção periférica. Assim, esta metodologia envolve as seguintes etapas: a) construção da cortina; b) construção da laje térrea; c) escavação do primeiro nível através de uma abertura deixada propositadamente na laje; d) construção da laje na primeira cave; e) nova escavação até ao próximo nível e assim seguidamente até se atingir o número de caves desejadas. Neste trabalho procurar-se-á estudar a problemática da escavação de caves em ambiente urbano efetuando-se em primeiro lugar uma revisão bibliográfica onde as diversas metodologias construtivas são apresentadas e analisadas dando-se particular ênfase ao método top-down. Numa segunda fase apresenta-se o caso de estudo referente à construção da estrutura de contenção da torre Platinum em Maputo, Moçambique, onde foi utilizada a metodologia top-down para a construção das caves. Para além da descrição da obra, onde se inclui a apresentação dos resultados da monitorização existente, efetuar-se-á a modelação numérica e respetiva retroanálise da escavação através de modelos bidimensionais. Para além da modelação do faseamento construtivo adotado serão igualmente simuladas outras soluções possíveis tendo como objetivo avaliar comparativamente o mérito da solução encontrada. Os resultados alcançados demonstram que a utilização de uma solução ancorada poderia ser uma alternativa caso não existissem algumas restrições enquanto que a solução escorada não constitui uma boa opção face às dimensões da escavação.
The design and excavation of building basements in urban environment is commonly of increased complexity, mostly due to the fact that beyond the specifics required by the project itself, it becomes necessary to take into account all existing local constraints. These impose restrictions on the design and strongly constrain the constructive solutions already adopted particularly when located on the periphery of other buildings or infrastructures. The use of traditional methods of retaining support structures is limited both by the dimensions of the building in case of props, and, above all, the inability to use anchors as these may interfere with existing conditions. In these cases, it becomes necessary to adopt innovative construction solutions with top-down being one of the most frequently used methods, in which the slabs of the building itself support land pressures applied in the peripheral containment structure. Therefore, this method involves the following steps: a) Installation of the curtain wall; b) construction of the ground floor slab; c) excavation of the first level by means of an opening purposely left in the slab; d) construction of the slab on the first basement; e) new excavation to the next level until reaching the desired number of basements. This work deals with the issue of digging basements in urban environment. This dissertation starts with a literature review in which the various construction methods are presented and analysed, giving particular emphasis to the top-down method. In a second phase the case study is presented. It consists of the construction of the Platinum Tower containment structure in Maputo, Mozambique, in which the top-down methodology was used. Apart from the description of the work, which includes the presentation of the results of existing monitoring practices, a numerical modelling and the corresponding retro-analysis of the excavation is performed, through two-dimensional finite element numerical techniques. In addition to the modelling of the construction phasing adopted, other possible solutions aiming to comparatively evaluate the benefit of the chosen solution will also be simulated. The obtained results show that a solution using an anchored wall would be effective if it could be applied without any constrains. The solution using props is not viable in this case due to the dimensions of the excavation.
Description: Dissertação de Mestrado em Engenharia Civil apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/97094
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Eng.Civil - Teses de Mestrado
UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese-Izel.Issufo_FINAL.pdf5.94 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

24
checked on Aug 5, 2022

Download(s)

34
checked on Aug 5, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.