Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/90017
Title: Antecedentes das intenções de churn no setor das telecomunicações fixas em Portugal
Other Titles: Antecedents of churn intentions in the fixe telecommunications sector in Portugal
Authors: Correia, Édi Gonçalo Coutinho da Silva
Orientador: Torres, Pedro Marcelo Amado Garcia da Rocha
Keywords: Telecomunicações Fixas; Satisfação do Consumidor; Identificação do Consumidor com a Marca; Imagem Corporativa; Intenções de Churn; Churn Intentions; Fixed Telecommunications; Customer Satisfaction; Consumer-Brand Identification; Corporate Image
Issue Date: 30-Sep-2019
Serial title, monograph or event: Antecedentes das intenções de churn no setor das telecomunicações fixas em Portugal
Place of publication or event: Portugal, Coimbra
Abstract: O churn é uma das maiores ameaças para qualquer negócio à base de subscrições, sendo que o setor das telecomunicações não é exceção. Por esta razão, é crucial para as operadoras perceberem as razões por detrás do abandono dos seus clientes, no entanto, a literatura não dá muita atenção às intenções de churn. E mais concretamente no contexto nacional, os poucos estudos na área não abordam o churn com base nas opiniões do consumidor.Deste modo, o presente estudo analisa os vários antecedentes das intenções de churn no setor das telecomunicações fixas em Portugal, nomeadamente a qualidade global do serviço, imagem corporativa, satisfação do consumidor e a identificação do consumidor com a marca. Para esta análise foi realizado uma pesquisa quantitativa com base em questionários, no total foram obtidas 235 respostas válidas. Aplicando o modelo de equações estruturais aos dados recolhidos, é possível comprovar que a imagem corporativa e a qualidade global do serviço impactam negativamente as intenções de churn, através do efeito de mediação da satisfação do consumidor e a identificação do consumidor com a marca.O presente estudo é um contributo para a literatura não só no contexto nacional, como na literatura em geral pelo foco nas intenções de churn, demonstrando que especialmente uma boa imagem corporativa e uma alta satisfação do consumidor tem um forte impacto nas intenções de churn. Além disso, é analisado o papel da identificação do consumidor com a marca num contexto que até então este não foi abordado e comprovado o seu impacto nas intenções de churn. E é igualmente demonstrado uma relação entre o tempo de utilização do serviço e a satisfação do consumidor e as intenções de churn. E a influência do círculo pessoal do consumidor na sua satisfação e intenções de churn.
O churn é uma das maiores ameaças para qualquer negócio à base de subscrições, sendo que o setor das telecomunicações não é exceção. Por esta razão, é crucial para as operadoras perceberem as razões por detrás do abandono dos seus clientes, no entanto, a literatura não dá muita atenção às intenções de churn. E mais concretamente no contexto nacional, os poucos estudos na área não abordam o churn com base nas opiniões do consumidor.Deste modo, o presente estudo analisa os vários antecedentes das intenções de churn no setor das telecomunicações fixas em Portugal, nomeadamente a qualidade global do serviço, imagem corporativa, satisfação do consumidor e a identificação do consumidor com a marca. Para esta análise foi realizado uma pesquisa quantitativa com base em questionários, no total foram obtidas 235 respostas válidas. Aplicando o modelo de equações estruturais aos dados recolhidos, é possível comprovar que a imagem corporativa e a qualidade global do serviço impactam negativamente as intenções de churn, através do efeito de mediação da satisfação do consumidor e a identificação do consumidor com a marca.O presente estudo é um contributo para a literatura não só no contexto nacional, como na literatura em geral pelo foco nas intenções de churn, demonstrando que especialmente uma boa imagem corporativa e uma alta satisfação do consumidor tem um forte impacto nas intenções de churn. Além disso, é analisado o papel da identificação do consumidor com a marca num contexto que até então este não foi abordado e comprovado o seu impacto nas intenções de churn. E é igualmente demonstrado uma relação entre o tempo de utilização do serviço e a satisfação do consumidor e as intenções de churn. E a influência do círculo pessoal do consumidor na sua satisfação e intenções de churn.
Description: Dissertação de Mestrado em Marketing apresentada à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/90017
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Édi Correia -- TESE.pdf2.6 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

16
checked on Oct 1, 2020

Download(s)

25
checked on Oct 1, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons