Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/897
Title: Focos de criptas aberrantes : contribuição para o estudo da sua relação com a carcinogénese colo-rectal : uma investigação clínica, endoscópica e laboratorial
Authors: Figueiredo, Pedro Manuel Narra de 
Orientador: Freitas, Dinis da Silva
Sofia, Carlos Manuel Rico
Keywords: Doenças do cólon; Neoplasias colorrectais
Issue Date: 28-Jun-2006
Abstract: A dissertação inclui uma revisão da literatura que incide sobre a epidemiologia, carcinogénese e prevenção do carcinoma do cólon e do recto (CCR), focos de criptas aberrantes (FCA) e a colonoscopia com magnificação com cromoscopia (MG). Os objectivos da investigação foram caracterizar os FCA, tendo em vista averiguar se são precursores da sequência adenoma-carcinoma, se predizem a existência de neoplasia e se poderão ser utilizados como lesão alvo em estudos de quimioprevenção do CCR, e avaliar a acuidade da MG na predição da natureza histológica dos pólipos e dos FCA. Incluíram-se pacientes com adenoma (n=62), carcinoma (n=55), pólipos não adenomatosos (n=12) e sem lesão (n=53). Procedeu-se à caracterização endoscópica, histológica, imuno-histoquímica (proliferação, apoptose, expressão das beta-cateninas e da ciclo-oxigenase 2) e da instabilidade dos microssatélites dos FCA rectais. Entre os doentes com adenoma foi realizado um estudo controlado, randomizado, duplamente cego, com o objectivo de avaliar a acção do rofecoxibe nos FCA. Os resultados alcançados permitem concluir que a caracterização dos FCA rectais em função da localização das lesões e de factores de risco para CCR, evidenciando maior potencial evolutivo quando a neoplasia se situa no recto e quando os citados factores de risco existem, milita em favor do seu carácter pré-neoplásico. O aumento significativo da apoptose detectado nos FCA após a administração de rofecoxibe é um argumento adicional em favor desta tese, constituindo, igualmente, fundamento para a sua utilização como alvo em estudos de quimioprevenção. Quanto à possibilidade de predição da existência de neoplasia evidenciada pela quantificação e qualificação dos FCA rectais, poderá vir a ser utilizada na estratificação do risco de neoplasia, com eventuais implicações nos programas de rastreio e de vigilância após polipectomia. Por fim, os valores de acuidade apurados para a MG na predição da natureza histológica dos pólipos e dos FCA não permitem, em nossa opinião, dispensar o estudo histológico.
Description: Tese de doutoramento em Medicina Interna (Gastrenterologia) apresentada à Fac. de Medicina de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/897
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Doutoramento

Show full item record

Page view(s)

145
checked on Sep 15, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.