Title: O desafio da Estrutura de Apoio e Acompanhamento, uma resposta institucional a jovens durante e após o acolhimento
Authors: Palaio, Carla 
Pinheiro, Maria do Rosário 
Velho, Cristina 
Santos, Laura 
Santos, Sónia 
Lopes, Liliana 
Keywords: Finalização do Acolhimento;Transição;Apoio e acompanhamento;Acolhimento residencial;Jovens em risco
Issue Date: Dec-2016
Project: Projet'Ar-te, financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian no âmbito do Programa Gulbenkian de Desenvolvimento Humano "Crianças e Jovens em Risco" 
Abstract: A Casa do Canto, casa de acolhimento pertencente à CrescerSer, desenvolveu uma Estrutura de Apoio e Acompanhamento (ESAAC) no âmbito do Projet’Ar-te (projeto financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, Programa Crianças e Jovens em Risco, Jovens em Acolhimento Institucional, 2012-2015) como resposta ao desafio de promover a desinstitucionalização bem-sucedida das adolescentes e a continuidade do processo de autonomização após a sua saída do acolhimento. Para estes fins, promove-se a manutenção de uma relação de proximidade entre o adulto de referência e a jovem, com vista à manutenção de contactos regulares, de prestação de apoio psicossocial, suporte afetivo, formativo/laboral e vínculo à instituição. A metodologia de avaliação da ESAAC é realizada a partir de uma avaliação por indicadores (nº de contactos, tipos de apoio, encaminhamentos, problemas presentados, etc.), questionários de avaliação estandardizada, tendo sido criado um protocolo de avaliação (online), uma entrevista semiestruturada telefónica e entrevistas narrativas. Atualmente a ESAAC integra 37 jovens do sexo feminino. Os resultados indicam que 92,9% das jovens considera importante ou muito importante aderir à ESAAC após o seu acolhimento. Quanto ao nível de satisfação relativamente aos apoios prestados, apenas duas jovens se manifestam indiferentes (14,3%), referindo a maioria (85,7%) estar satisfeitas ou muito satisfeitas. Entre os indicadores de pertinência e sustentabilidade deste recurso institucional, verificou-se a superação dos resultados esperados no que diz respeito à taxa de adesão, apoios prestados e satisfação das jovens relativamente aos mesmos. O processo de finalização do acolhimento passou a ser planificado e implementado de forma exaustiva, conforme recomendação da Quality4Children - Normas de Acolhimento de Crianças Fora da sua Família Biológica na Europa.
URI: http://hdl.handle.net/10316/46955
Rights: openAccess
Appears in Collections:I&D CINEICC - Artigos e Resumos em Livros de Actas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
XIII_SPCE_2016_atas.pdf44.17 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.