Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/31328
Title: Percepção das relações pais-filhos e a sua relação com o sucesso escolar: estudo com crianças do 4º ano de escolaridade
Authors: Coimbra, Ana Raquel Pinheiro Teixeira 
Orientador: Almeida, Ana Cristina Ferreira de
Keywords: Relações pais-filhos; Sucesso escolar; Práticas educativa; estilos parentais
Issue Date: 2015
Serial title, monograph or event: Percepção das relações pais-filhos e a sua relação com o sucesso escolar :estudo com crianças do 4º ano de escolaridade
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O sucesso escolar é uma meta visada, mas é também uma medida do desenvolvimento alcançado, que começa antes e se prolonga além da escola. Escola e família são os contextos privilegiados do desenvolvimento social, cognitivo e emocional das crianças e jovens em idade escolar. Neste estudo explorámos as relações pais-filhos, tal como são percebidas pelas crianças. Participaram no estudo 30 alunos que frequentaram o 4º ano de escolaridade em 2013/14. A perceção da relação pais-filhos foi avaliada a partir de dois instrumentos: o Teste de Figuras para Crianças – uma entrevisa semi-projetiva Bar-Ilan (Iskwitz & Strauss, 1982, edição e adap. port.por CEGOC-TEA, 1998), e o O EMBU-C (Inventory for Assessing Memories of Parental Rearing Behaviour – Children, Castro, Toro, Vander Ende & Arrindell, 1993, adap. port. Canavarro & Pereira, 2007). A perceção das práticas educativas e do envolvimento familiar na vida escolar das crianças foi estudada em função de variáveis sociodemográficas (sexo, agregado familiar, profissão dos pais) e relacionada com o sucesso escolar avaliado pelas notas de Português, Matemática e Estudo do Meio obtidas no final do ano letivo. Concluímos que, genericamente, as crianças percecionam estarem ambos os progenitores envolvidos na vida escolar dos filhos, sendo percebida a participação da mãe com maior saliência, designadamente, no suporte emocional e tentativa de controlo.
School success is a goal, but it is also a measure of development achieved, which begins before and extends beyond school. School and family are the privileged contexts of social, cognitive and emotional development of children and young people at scholar age. In this study we explored the parent-child relationships, as they are perceived by children. Participated in the study 30 students who attended the 4th grade in 2013/14. The perception of parent-child relationship was based on two instruments: the Picture Test for Children - a semi-projective interview, Bar-Ilan (Iskwitz & Strauss, 1982 edition and adap port.por CEGOC-TEA, 1998), and the EMBU-C (Inventory for Assessing Memories of Parental Rearing Behavior - Children, Castro, Toro, Vander Ende & Arrindell, 1993 adap port Canavarro & Pereira, 2007). The perception of educational practices and family involvement in the children´s school life was studied according to socio-demographic variables (gender, household, parents' profession) and related to school success measured by portuguese, mathematics and “estudo do meio” rating obtained in end of the school year. We concluded that,generally, children perceive both parents involved in their scholar life, seing the mother's participation with greater emphasis in particular on emotional support and attempt to control.
Description: Dissertação de mestrado em Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Aconselhamento apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/31328
Rights: openAccess
Appears in Collections:FPCEUC - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE MIP Ana Raquel Coimbra 2015.pdf517.18 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

653
checked on Sep 21, 2020

Download(s) 50

511
checked on Sep 21, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.