Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/30923
Title: As imagens e as representações na afirmação estratégica dos lugares. O caso particular do cinema e da cidade de Coimbra
Authors: Gaspar, Carolina Maria Vaz Goucha 
Orientador: Fernandes, João Luís Jesus
Keywords: Imagem; Image; Representações; Cinema; Posição estratégica; Cidade de Coimbra; Perceptions; Strategic position; City of Coimbra
Issue Date: 20-Sep-2016
Citation: GASPAR, Carolina Maria Vaz Goucha - As imagens e as representações na afirmação estratégica dos lugares : o caso particular do cinema e da cidade de Coimbra. Coimbra : [s.n.], 2016. Tese de doutoramento. Disponível na WWW: http://hdl.handle.net/10316/30923
Abstract: O objetivo primordial desta investigação centra-se na temática da imagem da cidade de Coimbra e do cinema, enquanto contributo para a construção de representações de um lugar. Nas últimas décadas, Coimbra tem perdido importância estratégica no contexto nacional face ao emergir de um conjunto de fatores que competem com as suas centralidades tradicionais. Após uma breve reflexão sobre alguns dos desafios atuais impostos a esta cidade, a aplicação de uma entrevista a um primeiro focus group e consequente tratamento de dados, permitiram tecer considerações sobre as imagens que diferentes atores da cidade possuem sobre este espaço urbano e seu posicionamento estratégico. Tendo em vista analisar as representações da cidade, a partir do cinema, recorreu-se ao estudo das imagens, diálogos e territorialidades de algumas personagens divulgadas nos filmes Capas Negras (1947) e Rasganço (2001), que têm Coimbra como cenário. A reflexão quanto às perceções existentes sobre este centro urbano, obtidas a partir do visionamento destas duas produções fílmicas, resultaram, de igual modo, da aplicação de metodologias de recolha e tratamento de dados (qualitativas), a um segundo focus group. Apresentando imagens diversificadas e antagónicas, de forma global, Coimbra é observada como sendo detentora de uma imagem estereotipada e real. Esta constrói-se, sobretudo, a partir da sua Universidade, apesar da referência a outros capitais identitários da urbe como a “saúde” e a “cultura”. É descrita como uma cidade que só ganha projeção de forma pontual, o que traduz uma imagem enfraquecida. Apesar de ser considerada como um espaço urbano com qualidade de vida, beleza paisagística, cosmopolita, com capacidade de produzir conhecimento, este é também caracterizado como tradicional e velho, como tendo dificuldade em comunicar, projetar-se e em fixar capital humano qualificado. Algumas destas reflexões encontram-se representadas nos filmes Capas Negras (1947) e Rasganço (2001). Nestes filmes, a cidade é retratada como sendo um lugar “tradicional”, caracterizado por rituais singulares associadas à Universidade de Coimbra. Apesar dos laços de filiação que consegue criar, este é representado como um espaço urbano de “passagem”. É também transmitida a representação de uma cidade “dual”, ou seja, de um lugar onde se verifica uma separação entre a comunidade estudantil e universitária e a população local efetiva. Através de um segundo focus group realizou-se uma análise às perceções sobre Coimbra, retiradas a partir do visionamento das duas películas. Apesar de não corresponder à imagem que têm de Coimbra, esta é percecionada, pelos entrevistados, como sendo uma urbe cuja imagem se constrói, sobretudo, a partir da sua Universidade e estudantes. Observada como um território com dificuldade em fixar jovens recém-licenciados e como sendo um lugar no qual há uma separação entre classes sociais. Este trabalho científico pretende colocar em destaque que a “imagem de um lugar” é um tema complexo e importante, demostrar que o cinema pode apresentar-se como um contributo à representação de lugares, construção de perceções e refletir que o meio audiovisual constitui um mecanismo de interpretação das dinâmicas de um território.
The central theme of this study is the image of the city of Coimbra and its use in the valuation of cinematography as means of portraying the characteristics of a living place. Over the last decades, this urban center have lost some of their strategic importance nationwide, in face of emergent factors competing with some traditionally dominant roles of the city. Taking into consideration some present challenges facing Coimbra, an insight into its urban space and strategic position was obtained by interviewing and analyzing the opinions of a first “focus group” composed of persons residing in the city. In order to analyze the representations of the city through cinema, we resorted to the study of images, dialogues and territorialities of various personalities appearing in the movies Capas Negras (1947) and Rasganço (2001), which have Coimbra as background scenery. The perceptions and opinions of a second “focus group”, to whom these films were presented, were also obtained. Similar (qualitative) methodologies for gathering of data and their interpretation were used for both groups. In a general way, by showing diversified and antagonistic images, a stereotypic vision of Coimbra is created. The latter is built up around the University, although some relevance is given to “health” and “culture”. The city is projected in a small scale, which weakens its overall image. Although it is considered as a cosmopolitan center with good quality of life, beautiful landscape, and capable of promoting knowledge, the city is equally pictured as an old and traditional place, withdrawn, unable to project itself into the future and to attract new human resources. Some of these thoughts are expressed in ‘Capas Negras’ and ‘Rasganço’. In these movies, the city is portrayed as a “traditional” place, characterized by typical rituals related to University life. In spite of her many attractions as a city to live in, Coimbra is presented as an urban center just for “passer byes”. Furthermore, the idea is put forward of a “dual” city where there exists a separation of two distinct populations, one made up of transient students and the other of local residents. On analyzing the reactions to the movies shown to the second “focus group”, as obtained by individual interviews, the overall interpretation, although not as reductive as that of the movies, is that a city whose image is constructed from the University and its students; of a place where new graduates find difficulty to hold on; and where there is some separation among social classes. This scientific work clearly shows that the “image of a place” is an important but complex subject and demonstrates that cinematography can contribute significantly for representation of places, construction of perceptions, and mechanism for interpretation of the whole dynamics of a territory.
Description: Tese de doutoramento em Geografia, no ramo de Geografia Humana, apresentada à Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/30923
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Geografia - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
As imagens e as representações na afirmação estratégica dos lugares.pdf9.9 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 20

524
checked on Jun 18, 2019

Download(s) 10

1,068
checked on Jun 18, 2019

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.