Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/19301
Title: Caracterização morfológica e funcional das ginastas de artística feminina com idades compreendidas entre os sete e os onze anos de idade : estudo realizado com ginastas de alta competição da Associação de Ginástica do Norte
Authors: Pato, Alina Reste 
Orientador: Pereira, Artur Manuel Romão
Keywords: Ginástica artística; Desporto de alta competição
Issue Date: 2004
Abstract: Os objectivos do nosso estudo são: contribuir para definição de um perfil antropométrico e funcional das Ginastas de Artística Feminina, pertencentes à jurisdição da Associação de Ginástica do Norte, com idades compreendidas entre os 7 e os 11 anos de idade; saber qual a influência das características biossociais na prática da modalidade; comparar as ginastas de artística com não praticantes do mesmo escalão etário do Concelho da Maia e verificar a evolução das características morfológicas e funcionais de cada atleta após um ano de treino, assim como determinar a estatura adulta estimada e o respectivo grau de maturação. A amostra é constituída por dezanove ginastas, inscritas na Federação Portuguesa de Ginástica, pertencentes à população da Associação de Ginástica do Norte, com idades compreendidas entre os 7 e os 11 anos. Estas são originárias do Ginásio Clube da Maia (N=10), do Sport Clube do Porto (N=6) e do Futebol Clube de Gaia (N=3). Os resultados e as conclusões mais relevantes são os seguintes: as ginastas são mais leves, mais baixas e mais lineares que as não atletas. As ginastas tiveram um incremento na estatura e nos diâmetros do ano transacto para este ano, relativamente às pregas subcutâneas algumas aumentaram ligeiramente mas na maioria houve um decréscimo. O perfil morfológico das ginastas é semelhante ao das ginastas do resto do mundo tendo como aspectos comuns a baixa estatura, ombros largos, ancas estreitas e baixo peso. No respeitante aos valores médios dos somatótipos nos vários intervalos de idades verifica-se que as ginastas diferem das não praticantes tendo, estas últimas apresentado uma taxa elevada em endomorfia e baixa em mesomorfia, enquanto que as atletas mostram padrões contrários. O somatótipo médio das ginastas foi ectomorfo-mesomorfo. As ginastas apresentam valores maturacionais dentro do normal para a idade. No âmbito das provas funcionais, verificou-se que as atletas apresentam melhores prestações que as não praticantes. Do ano transacto para este as ginastas aumentaram a prestação no seat-and-reach em mais do dobro e na prova de velocidade diminuíram ligeiramente a prestação. Relativamente às não atletas, as ginastas apresentam valores superiores nas provas funcionais realizadas. Por último, no que respeita aos dados biossociais verificou-se que o estatuto sócio-económico dos progenitores na maioria é médio e que a média da sua estatura é mais baixa que as das não atletas, o que pode influenciar no facto da ginastas serem um grupo distinto da população em geral.
Description: Dissertação de licenciatura apresentada à Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/19301
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCDEF - Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat
monografiaginastas.pdf2.9 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

376
checked on Nov 24, 2021

Download(s) 50

497
checked on Nov 24, 2021

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.