Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/1680
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorTrindade, Bruno Miguel Quelhas de Sacadura-
dc.contributor.authorSimões, Fernando António Gaspar-
dc.date.accessioned2008-12-04T14:20:54Z-
dc.date.available2008-12-04T14:20:54Z-
dc.date.issued2005-05-28en_US
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/1680-
dc.descriptionTese de doutoramento em Engenharia Mecânica (Ciência dos Materiais) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia da Univ. de Coimbra-
dc.description.abstractO desenvolvimento de novos materiais para a indústria de transportes tem sido direccionado para a produção de materiais cada vez mais resistentes mecanicamente, leves e capazes de manter as características estruturais numa gama muito alargada de temperaturas, de entre os quais se destacam as ligas de titânio e, em particular, os intermetálicos à base de aluminetos e silicietos de titânio. Estes, além de apresentarem boa relação resistência mecânica/peso (resistência específica), possuem propriedades mecânicas vocacionadas para suportar solicitações a elevada temperatura. Todavia, a sua restrita aplicação industrial até ao momento deve-se ao fraco desempenho que apresentam à temperatura ambiente, nomeadamente, baixa tenacidade à fractura e reduzida ductilidade. O objectivo desta dissertação foi o de produzir materiais dos sistemas Ti-Al e Ti-Si a partir de partículas processadas por síntese mecânica e estudar a influência da modificação da sua superfície, através da deposição de filmes finos de Ti e Al (revestimentos dúcteis) por pulverização catódica, no processo de consolidação por prensagem isostática a quente (HIP) e na estrutura e propriedades mecânicas dos maciços assim produzidos. Com base nos resultados obtidos foi possível concluir que: (i) a deposição de filmes finos de metais dúcteis sobre partículas de grão nanométrico de Ti-Al e Ti-Si permitiu realizar a compactação a temperaturas mais baixas que o habitual, (ii) durante a consolidação houve difusão de espécies químicas de/e para o revestimento, dando origem à formação de novas fases nanocristalinas, (iii) o revestimento das partículas com titânio contribuiu, na maioria dos casos, para o aumento da dureza e a diminuição da tenacidade à fractura dos maciços e, por último que (iv) o revestimento das partículas com alumínio permitiu reduzir a porosidade dos materiais compactados, aumentando a sua tenacidade à fractura.en_US
dc.language.isoporpor
dc.rightsembargoedAccesseng
dc.subjectCiências dos Materiaisen_US
dc.titleConsolidação de partículas compósitas de matriz Ti-Al e Ti-Si obtidas por síntese mecânica e modificadas superficialmente por pulverização catódicaen_US
dc.typedoctoralThesisen_US
uc.controloAutoridadeSim-
item.fulltextSem Texto completo-
item.grantfulltextnone-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.deptFaculty of Sciences and Technology-
crisitem.advisor.parentdeptUniversity of Coimbra-
crisitem.advisor.researchunitCEMMPRE - Centre for Mechanical Engineering, Materials and Processes-
crisitem.advisor.orcid0000-0003-2971-8465-
crisitem.author.researchunitCEMMPRE - Centre for Mechanical Engineering, Materials and Processes-
crisitem.author.orcid0000-0002-4983-9080-
Appears in Collections:FCTUC Eng.Mecânica - Teses de Doutoramento
Show simple item record

Page view(s)

297
checked on Oct 4, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.