Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/11771
Title: Causas do Atraso na Estabilização da Inflação: Abordagem Teórica e Empírica
Authors: Castro, Vítor 
Keywords: Estabilização da Inflação; Atraso na Estabilização; Conflitos de Interesses
Issue Date: 2003
Publisher: FEUC. Grupo de Estudos Monetários e Financeiros
Citation: Estudos do GEMF. 5 (2003)
Abstract: Desde a década de 50 que um grupo de países tem vindo a evidenciar níveis de inflação elevados durante longos períodos de tempo sem que as necessárias medidas de estabilização sejam adoptadas com a devida celeridade. Essas medidas são muitas vezes adiadas, sendo os respectivos programas de estabilização, baseados na massa monetária ou na taxa de câmbio, implementados apenas quando a situação económica se agrava. Porque é que isso acontece? Essa é a questão que se procura responder neste trabalho. Na literatura encontram-se várias explicações para esse adiamento ou atraso. As que parecem fazer mais sentido são as que se baseiam na racionalidade dos agentes ou no entendimento das relações económicas básicas. Essas explicações são avançadas pelos modelos políticos de conflito, nos quais o atraso resulta geralmente de problemas de coordenação causados pelos mecanismos de tomada de decisões colectivas. Embora vários estudos tenham já procurado testar os efeitos da instabilidade e fragmentação política na senhoriagem, na dívida pública, nos défices orçamentais, na inflação e mesmo na probabilidade de implementação de um programa de estabilização da inflação, nenhum deles chega a testar directamente a influência desses factores no atraso em estabilizar a inflação. Este trabalho é inovador ao proceder a esses testes. É usado um modelo tobit para se aferir os determinantes do atraso na estabilização da inflação. Os resultados empíricos destacam o grau de fragmentação do sistema político e o índice de fragmentação da distribuição dos lugares no Parlamento como importantes factores desse atraso. Estes resultados são reforçados com o uso de um modelo logit binário para a análise dos factores que poderão influenciar a propensão para implementação de um programa de estabilização. Nesta última análise verifica-se ainda que à medida que a inflação aumenta, a predisposição para que seja desencadeada a estabilização também aumenta.
Since the 1950s, several countries have been showing high levels of inflation for long periods of time without the necessary stabilization measures being adopted with celerity. Often these measures are postponed, and the money-based or exchange rate-based stabilization programs are adopted only when the economic situation is very bad. Why does that happen? That is the question one will try to answer in this study. In the literature there are several explanations to that postponement or delay. Those that seem to make more sense are the ones based in the agents’ rationality or in the understanding of basic economic relations. These explanations are given by the political models of conflict, in which delays are generally the result of coordination problems caused by the mechanisms of making collective choices. Although previous studies have tested the effects of political instability and fragmentation on seigniorage, public debt, budget deficits, inflation, and on the probability of starting a program of inflation stabilization, no one tests directly the influence of these factors on the delay of stabilization. This study is innovator in making those tests. A tobit model is used to determine the causes of the delays of inflation stabilizations. The empirical results clearly show that the degree of fragmentation of the political system and the fragmentation index of the distribution of seats in the lower house of the Parliament are important determinants of delays. These results are sustained by a binary logit model, which was estimated to analyze the probability of starting an inflation stabilization program. This last analysis also shows that as inflation increases the predisposition to start a stabilization increases as well.
URI: http://hdl.handle.net/10316/11771
Rights: openAccess
Appears in Collections:FEUC- Vários

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Causas do Atraso na Estabilização da Inflação.pdf695.47 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

356
checked on Sep 29, 2020

Download(s) 10

1,327
checked on Sep 29, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.