Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/100022
Title: Influência da estratégia de ventilação no consumo energético dos edifícios de serviços com utilização intermitente e elevadas cargas térmicas internas
Authors: Vidigueira, Valter Alexandre Ferreira
Orientador: Raimundo, António Manuel Mendes
Keywords: Ventilação; Arrefecimento noturno; Edifícios de serviços; Simulação dinâmica; Consumos energéticos; Climatização; Ventilation; free cooling; Service Buildings; Dynamics Simulation; Energy consumption; HVAC
Issue Date: Jan-2013
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Uma parte significativa dos custos associados ao funcionamento de um edifício de serviços deve-se aos gastos de energia com o AVAC. Assim sendo, a necessidade da sua redução torna-se importante no sentido da poupança de energia e claro está, na poupança monetária. No presente trabalho efetua-se uma análise de consumos energéticos referentes à climatização (aquecimento e arrefecimento) e à ventilação de um edifício de serviços com ocupação intermitente e elevadas cargas térmicas. O edifício estudado foi um supermercado com uma área bruta de pavimento de 1143 m2, classificado com uma inércia fraca segundo a regulamentação nacional. O objetivo passou por avaliar a influência de cada estratégia no consumo energético, preservando as condições de ocupação do edifício, para identificar estratégias mais eficazes na redução dos consumos de energia. O estudo foi efetuado com o auxílio de ferramentas computacionais de simulação dinâmica de edifícios, utilizando o programa EnergyPlus associado à interface gráfica DesignBuilder. Para a execução deste estudo foram considerados sistemas de ventilação mecânicos, naturais e híbridos. Foi ainda estudada a influência da existência ou não de estratégias “economizadoras” como o arrefecimento noturno e a recuperação de calor contido no ar de rejeição. A análise de resultados foi feita com base nas necessidades e nos consumos anuais de energia para a ventilação e para a climatização, nas suas componentes para aquecimento e para arrefecimento.
A significant portion of the costs associated with the operation of a service building is due to the energy comsuptions from HVAC. Thus, the need of reduction becomes important to saving energy and of course, for monetary savings. This paper, makes an analysis of energy consumption related to HVAC (heating and cooling) and ventilation of a building services with intermittent occupancy and high thermal loads. The building model was a supermarket with a gross floor area of 1143 m2, with an inertia rated poor according to national regulations. The aim is evaluate the influence of each strategy on energy consumption, maintaining the conditions of occupancy of the building in order to identify the most effective strategies for reducing energy consumption. The study was done with the aid of computational tools for dynamic simulation of buildings using the software DesignBuilder. To implement this study were considered mechanical ventilation systems, natural and hybrids. "Saving" strategies were studied such as: free-cooling, and heat recovery. Analysis of results was based on the requirements and annual energy consumption for ventilation and air-conditioning, in its components for heating and cooling.
Description: Dissertação de Mestrado em Engenharia Mecânica, na especialidade de Energia e Ambiente, apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/100022
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Eng.Mecânica - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese_Valter_Vidigueira_2007107069.pdf1.71 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

11
checked on Aug 19, 2022

Download(s)

8
checked on Aug 19, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.