Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/98450
Title: Rastreio de Cancro do Pulmão em Portugal: Análise Económica
Other Titles: Lung Cancer Screening in Portugal: Economic Analysis
Authors: Figueiredo, José António Domingues Gonçalves Rodrigues
Orientador: Almeida, Lúcio Teixeira Dias de Meneses de
Rodrigues, Victor José Lopes
Keywords: Análise Económica; Cancro do Pulmão; Rastreio; TC de Baixa Dosagem; Economic Analysis; Lung Cancer; Screening; Low-Dose CT (LDCT)
Issue Date: 31-Mar-2021
Serial title, monograph or event: Rastreio de Cancro do Pulmão em Portugal: Análise Económica
Place of publication or event: Faculdade de Medicina, Universidade de Coimbra, Portugal
Abstract: Introduction: Lung cancer is often diagnosed at advanced stages, which substantially worsens the disease prognosis. This reinforces the need for a screening programme which, however, has not been implemented in Portugal yet. Thus, the aim of this study is to perform an economic analysis of potential population-based screening programmes for lung cancer in Portugal, by determining its break-even point. Methods: NELSON and UKLS studies were used to select and quantify the number of individuals of the target-population, as well as the number of screening tests that would be performed in a given period. Afterwards, four scenarios were considered, according to the study used for the target-population selection and with the time interval of the screening test application (annual vs biennial). Regarding the identification of fixed, variable costs and sales price, it was used a structure similar to the one employed in the Breast Cancer Screening Programme in Portugal. Results: The break-even point was reached in less than a year in all the considered scenarios. With a contribution margin of €58.41 (78.19%) per screening test, it was necessary to perform between 32 529 to 78 754 tests, with total costs ranging from €2 429 978 to €5 883 105.26, so that the profit was null. Discussion: It was found that an annual screening programme was associated with higher costs compared to a biennial programme, as well as the target-population selection according to the NELSON study compared to the UKLS. Strategies such as the use of algorithms for the selection of the target-population are promising, as well as an annual screening programme because, despite the higher associated costs, it would be more cost-effective. Conclusions: Taking into account the results, the need for the development of a population-based lung cancer screening programme in Portugal is reiterated.
Introdução: O cancro do pulmão é frequentemente diagnosticado em estádios avançados, o que agrava substancialmente o prognóstico da doença. Tal reforça a necessidade da existência de um programa de rastreio que, contudo, não está ainda implementado em Portugal. Assim, o objetivo deste estudo é realizar uma análise económica de possíveis programas de rastreio, de base populacional, de cancro do pulmão em Portugal, mediante a determinação do seu ponto crítico. Métodos: Recorreu-se aos estudos NELSON e UKLS de forma a selecionar e quantificar o número de indivíduos da população-alvo, assim como o número de testes de rastreio que seriam efetuados num determinado período de tempo. De seguida, consideraram-se quatro cenários, de acordo com o estudo utilizado para a seleção da população-alvo e com o intervalo de tempo de aplicação do teste de rastreio (anual vs bienal). Relativamente à identificação dos custos fixos, variáveis e do preço de venda, adotou-se uma estrutura semelhante à utilizada no Programa de Rastreio de Cancro da Mama em Portugal. Resultados: Atingiu-se o ponto crítico em menos de um ano em todos os cenários considerados. Com uma margem de contribuição de 58,41€ (78,19%) por teste de rastreio, foi necessário realizar entre 32 529 a 78 754 testes, com custos totais que variaram entre 2 429 978,26€ a 5 883 105,26€, de forma a que o lucro fosse nulo. Discussão: Verificou-se que um programa de rastreio anual está associado a maiores custos comparativamente a um programa bienal, assim como a seleção da população-alvo de acordo com o estudo NELSON relativamente ao UKLS. Estratégias como a utilização de algoritmos para a seleção da população-alvo são promissoras, assim como um programa de rastreio anual, pois apesar dos maiores custos associados, terá uma melhor custo-efetividade. Conclusões: Tendo em conta os resultados obtidos, reitera-se a necessidade do desenvolvimento de um programa de rastreio, de base populacional, de cancro do pulmão em Portugal.
Description: Trabalho Final do Mestrado Integrado em Medicina apresentado à Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10316/98450
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Trabalho Final.pdf1.25 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

35
checked on Aug 12, 2022

Download(s)

47
checked on Aug 12, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons