Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/98345
Title: A evolução da Implantação Percutânea da Válvula Aórtica (TAVI) e o seu papel na Estenose Aórtica de baixo fluxo e baixo gradiente (EA LFLG)
Other Titles: The evolution of Transcatheter Aortic Valve Implantation (TAVI) and its role in low-flow low-gradient aortic stenosis
Authors: Peixoto, Daniela Filipe
Orientador: Silva, Joana Sílvia Delgado
Gonçalves, Lino Manuel Martins
Keywords: estenose aórtica; baixo fluxo; baixo gradiente; implantação percutânea da válvula aórtica; aortic stenosis; low flow; low gradient; transcatheter aortic valve replacement; transcatheter aortic valve implantation
Issue Date: 8-Jun-2021
Serial title, monograph or event: A evolução da Implantação Percutânea da Válvula Aórtica (TAVI) e o seu papel na Estenose Aórtica de baixo fluxo e baixo gradiente (EA LFLG)
Place of publication or event: Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
Abstract: Percutaneous aortic valve implantation (TAVI) has been showing similar results to surgical aortic valve replacement (SAVR), but its benefit in patients with low flow and low gradient aortic stenosis (LFLG AS) is not yet fully understood. The purpose of this thesis was to review the literature on TAVI and its evolution in the treatment of AS, namely LFLG AS – its advantages, disadvantages, which prognostic markers can guide the Heart Team's decision and what outcomes can be expected from the percutaneous intervention. For this, a total of 86 articles were reviewed, from a careful search in the PubMed / MEDLINE and EMBASE databases and the addition of some extra articles.The LFLG AS is divided into classic and paradoxical, both with myocardial dysfunction; the second, with a more controversial pathophysiology and, consequently, a harder evaluation of the stenosis severity – indication for intervention. TAVI has been seen as an alternative to SAVR, but in the articles reviewed in the present thesis, both had similar outcomes, with TAVI showing better early results: lower morbidity and mortality, faster functional recovery and shorter hospital stay. Classical LFLG AS is the one (of all types of aortic stenosis) with the worst prognosis, with higher mortality rates, however, with improvements in quality of life comparable to the others; TAVI has a clear benefit over the conservative approach.In patients with EA LFLG, with basis cardiac dysfunction, the percutaneous, a minimally invasive approach, is a valid option and, looking at the early outcomes, preferable. Publications of new studies with prostheses of more recent generations are awaited to see if the outcomes improve to the point that, both in patients with high or low surgical risk, with greater or lesser reserve of cardiac functionality, TAVI is preferable to SAVR.
A implantação percutânea da válvula aórtica (TAVI) tem vindo a mostrar resultados comparáveis à substituição cirúrgica da válvula aórtica (SAVR), porém o seu benefício em doentes com Estenose Aórtica de baixo gradiente e baixo fluxo (EA LFLG) ainda não se encontra totalmente esclarecido. A presente tese teve como propósito rever a literatura acerca da TAVI e da sua evolução no tratamento da EA, nomeadamente da EA LFLG – as suas vantagens, desvantagens, que marcadores de prognóstico podem orientar a decisão da Heart Team e que outcomes podemos esperar da intervenção percutânea. Para isso foram revistos um total de 86 artigos, resultantes de uma pesquisa criteriosa nas bases de dados PubMed/MEDLINE e EMBASE e da adição de alguns artigos extra. A EA LFLG divide-se em clássica e paradoxal, ambas com disfunção miocárdica de base, sendo que a fisiopatologia da segunda, e, consequentemente, a avaliação da severidade da estenose – indicação para intervenção valvular aórtica – é mais controversa. A TAVI tem sido vista como alternativa à SAVR, mas nos artigos analisados na presente tese ambas apresentaram outcomes semelhantes, com a TAVI a demonstrar melhores resultados precocemente: menor taxa de morbimortalidade, recuperação funcional mais rápida e menor tempo de hospitalização. A EA LFLG clássica (de todos os tipos de estenose aórtica) é a que apresenta pior prognóstico, com maiores taxas de mortalidade, porém, com melhorias na qualidade de vida comparáveis aos restantes; sendo que a TAVI apresenta um benefício claro em relação à abordagem conservadora. Em doentes com EA LFLG, com disfunção cardíaca de base, a abordagem percutânea, minimamente invasiva é uma opção válida e, a olhar para os resultados precoces, preferível. Aguardam-se publicações de novos estudos com próteses de gerações mais recentes, para perceber se os outcomes melhoram ao ponto de, quer nos doentes de alto risco cirúrgico quer nos com baixo, com maior ou menor reserva de funcionalidade cardíaca, a TAVI seja preferível à SAVR.
Description: Trabalho Final do Mestrado Integrado em Medicina apresentado à Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10316/98345
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese MIM - Daniela Peixoto.pdf941.63 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

9
checked on Aug 12, 2022

Download(s)

16
checked on Aug 12, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons