Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/97320
Title: Caracterização geológica-geotécnica dos solos aluvionares do Mondego em Coimbra
Authors: Lopes, Ilda Maria Carvalho
Orientador: Ferreira, Mário de Oliveira Quinta
Keywords: Rio Mondego; Fundações; Aluviões; Zonamento geotécnico; Pontes; Mondego River; Foundations; Alluvium; Geotechnical Zoning; Bridges
Issue Date: Sep-2014
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Procura-se caracterizar os solos aluvionares do Mondego em Coimbra, no troço entre a Ponte Rainha Santa Isabel e o Açude-Ponte. Dividiu-se o trabalho em seis Capítulos: no primeiro é feita a introdução, onde são descritos os objetivos do trabalho e feita uma breve introdução histórica; o segundo refere-se ao enquadramento geológico, onde é abordada a geologia geral da área em estudo, a geologia geral do troço em estudo e a evolução geomorfológica; no terceiro é descrita a caracterização geológica e geotécnica dos solos onde foram construídas as pontes entre a Ponte Rainha Santa Isabel e o Açude-Ponte e as margens do rio; o quarto faz referência aos problemas relacionados com as aluviões do Mondego, onde são descritos os problemas gerais nas pontes, problemas gerais nas barragens e os problemas nas margens do Mondego; o último capítulo relata as conclusões deste estudo. Compilando as características geológicas e geotécnicas dos terrenos, foi possível analisar a distribuição das unidades geotécnicas observadas. O zonamento geotécnico estudado em cada secção distinguiu 2 zonas nas margens do rio, 3 zonas no local do Açude-Ponte e no local da Ponte de Santa Clara, 5 zonas no local da Ponte Pedro e Inês e 6 zonas no local da Ponte Rainha Santa Isabel. As problemáticas associadas às margens do rio e obras realizadas nestes solos aluvionares, que de uma forma geral, são constituídos por areias, lodos e cascalheira, terão sido originadas pelos assentamentos, pela deficiência da capacidade de suporte destes solos de fundação, pela baixa resistência dos aterros soltos e pela consolidação das aluviões mais finas. Como medida de prevenção para melhorar as anomalias verificadas, pode-se recorrer à criação de um aterro de enrocamento, laje em betão, microestacas ou colocação de cortinas de estacas.
The work seeks to characterize the alluvial soils of the Mondego in Coimbra, in the section between the Rainha Santa Isabel Bridge and the Bridge-Weir. The work divided in six chapters: the first describes the research objectives and a brief historical introduction; the second deals with the regional geology and geomorphology; the third describes the geological and geotechnical characterization of the soils where the bridges were built, between Rainha Santa Isabel Bridge and the Bridge-Weir, including the river banks; the fourth refers to the problems related with the alluvial soils in the Mondego, and describes the general problems in bridges, dams; the last chapter reports the conclusions of this study. Compiling the geological and geotechnical features, it was possible to make the distribution of the geotechnical units observed. The geotechnical zoning studied in each section, distinguished 2 areas along the riverbanks, 3 zones on the site of the Bridge-Weir and in the site of the Santa Clara Bridge, 5 zones in the Pedro e Inês Bridge and 6 zones on the Rainha Santa Isabel Bridge. The problems associated with riverbanks and the works carried out in these alluvial soils, which in general, are composed of sands, silts and gravel, have been originated by the settlements, the weak bearing capacity of these foundation soils, the low strength of the loose landfills and the consolidation of the finer alluvium. As a preventive measure to improve any abnormalities, can be used rockfills, concrete slabs, micropiles or the construction of pile curtains.
URI: http://hdl.handle.net/10316/97320
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FCTUC Ciências da Terra - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese Ilda Lopes.pdf13.81 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

32
checked on Aug 19, 2022

Download(s)

36
checked on Aug 19, 2022

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.