Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/96495
Title: SER FAMÍLIA DE CRIANÇAS/JOVENS COM CANCRO - ACREDITAR SEM STRESSE
Other Titles: BEING A FAMILY OF CHILDREN / YOUNG PEOPLE WITH CANCER - BELIEVE WITHOUT STRESS
Authors: Gonçalves, Adriana Cristina Nunes
Orientador: Seixas, Brigitte
Gaspar, Maria Filomena Ribeiro Fonseca
Keywords: Oncologia pediátrica; Stresse parental; Família; Crianças; Educação Social; Pediatric oncology; Parental stress; Family; Children; Social Education
Issue Date: 12-Jul-2021
Serial title, monograph or event: SER FAMÍLIA DE CRIANÇAS/JOVENS COM CANCRO - ACREDITAR SEM STRESSE
Place of publication or event: Acreditar - Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro
Abstract: Em Portugal, todos os anos cerca de 400 crianças e jovens são diagnosticadas(os) com cancro (FROC, 2020).O cancro é a primeira causa de morte não acidental na população infantojuvenil apesar de nos dias de hoje, e graças aos grandes progressos ao nível do diagnóstico e dos tratamentos que se tem sentido nas últimas décadas, perto de 90% destas crianças e adolescentes sobrevivem (FROC, 2020).As/os crianças/jovens com cancro necessitam de alguns cuidados especiais não só ao nível da alimentação, mas também em relação à higiene (com especial atenção aos dispositivos introduzidos no corpo), aos comportamentos a adotar durante os tratamentos, à administração de medicamentos, ao ambiente em casa e à atividade escolar (PIPOP, 2020).Segundo Alves (2013), o suporte social dado à criança/jovem e à família, é algo que nem sempre existe. Este assunto é extremamente importante, na medida em que nem sempre a família possui os conhecimentos que lhe permitem prestar ajuda. Desta forma, o presente relatório irá centrar-se na família como um sistema que perante um momento de crise tem de se reorganizar, adaptar e adquirir estratégias para enfrentar a doença oncológica presente em crianças/jovens do seu sistema familiar (Alves, 2013).O atual projeto enquadra e descreve o estágio curricular realizado na Acreditar – Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro – no âmbito do mestrado em Educação Social, Desenvolvimento e Dinâmicas Locais, da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. Na qual, tem como objetivo potenciar nos cuidadores de crianças e jovens com cancro competências para enfrentar os desafios diários provocados pela doença, reduzir o stresse e aumentar o seu bem-estar físico e emocional e, deste modo, das crianças e jovens de quem cuidam.
In Portugal, about 400 children and young people are diagnosed with cancer everyyear (FROC, 2020).Cancer is the leading cause of non-accidental death in the child and adolescent population despite today, and thanks to the great progress in diagnosis and treatment that has been felt in recent decades, nearly 90% of these children and adolescents survive (FROC, 2020).Children / young people with cancer need some special care not only in terms of food, but also in relation to hygiene (with special attention to the devices introduced into the body), the behaviours to be adopted during treatments, the administration of medications, the home environment and school activity (PIPOP, 2020).According to Alves (2013), the social support given to the child / youth and the family is something that does not always exist. This subject is extremely important, as the family does not always have the knowledge that allows them to provide help.In this way, this report will focus on the family as a system that, in the face of a crisis, has to reorganize, adapt and acquire strategies to face the oncological disease present in children / young people in their family system (Alves, 2013).The current project fits and describes the curricular internship carried out at Acreditar – Association of Parents and Friends of Children with Cancer – under the Master's Degree in Social Education, Development and Local Dynamics, at the Faculty of Psychology and Educational Sciences of the University of Coimbra. In which, it aims to enhance the skills of caregivers of children and young people with cancer to face the daily challenges caused by the disease, reduce stress and increase their physical and emotional well-being and, thus, the children and young people they care for .
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Educação Social, Desenvolvimento e Dinâmicas Locais apresentado à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/96495
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Volume1_AcreditarSemStresse_AG_SemAnexos.pdf1.45 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons