Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/96462
Title: Valores humanos e Experiências Formativas na Área do Ambiente de uma Amostra de Estudantes Universitários
Other Titles: Human Values and Formative Experiences in the Environmental Area of a Sample of University Students
Authors: Leocádio, Sara Isabel Inteiro
Orientador: Breda, Maria São João Castilho
Keywords: Valores; Experiências formativas sobre o ambiente; Ambientalismo; Sustentabilidade; Ensino superior; Environmental values; Meaningful life experiences about the environment; Environmentalism; Sustainability; Higher education
Issue Date: 20-Jul-2021
Serial title, monograph or event: Valores humanos e Experiências Formativas na Área do Ambiente de uma Amostra de Estudantes Universitários
Place of publication or event: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação de Coimbra
Abstract: No presente estudo pretendeu-se explorar quais são os tipos de experiências dessa ordem identificadas por uma amostra de estudantes do ensino superior. É apresentada uma classificação destas experiências com base em aspetos do contexto interno (idade) e contexto ecológico em que ocorrem, e é estabelecida uma comparação com as experiências de vida identificadas nos estudos revistos por Chawla (2007). Outras dimensões estudadas foram as orientações de valores humanos correspondentes às escalas e eixos do modelo de Schwartz e a identificação ambientalista avaliada através de duas questões: o grau em que a conduta atual é percecionada como pró-ambiental, e a intenção de alterar a conduta para se tornar mais pró-ambiental. Relativamente às experiências formativas, analisaram-se um conjunto de atributos que, nos estudos prévios, haviam sido identificados como regularidades no curso de vida de sujeitos com um perfil proambiental, a fim de estabelecer se a sua presença nas experiências definia classes com uma importância maior correspondente, a que tivessem sido atribuídas maior significação, mudança persistente, e impacto ambiental pelo respondente. De igual modo se tentou perceber se esses atributos das experiências se encontravam associados ao grau de identificação da sua conduta atual como amiga do ambiente e o grau de intenção de a alterar de forma a se tornar mais pró ambiental. Explorou-se, ainda, de que forma os valores influenciam a importância atribuída às experiências vividas na área ambiental e como se refletem nestas últimas variáveis. Com este propósito foi utilizada uma amostra de 59 estudantes universitários (40 mulheres e 19 homens), com idades compreendidas entre os 22 e 64 anos (dp=7,33), tendo sido concebido e administrado o Questionário de Experiências Formativas na Área do Ambiente
The present study aimed to explore the types of experiences of this kind recalled by a sample of higher education students. A categorization of these experiences based on aspects of the internal context (age) and ecological context in which they occur is presented, and a comparison is made with the life experiences identified in the studies reviewed by Chawla (2007). In complement, human values orientations corresponding to the scales and axes of the Schwartz model were assessed alongside with two questions about the degree to which the own current behavior is perceived as pro-environmental, and the intention to change it to become more pro-environmental. A set of attributes that had been identified in previous studies as regularities in the life course of subjects with a pro-environmental profile were analyzed. Their prevalence in experiences was described and its relation to perceived significance, persistent change, and environmental impact was studied. Likewise the association of these attributes with the identification of their current behavior as environmentally friendly and the intention to change it to become more pro-environmental was analyzed. It was also explored how values influenced both the importance attributed to experiences about the environment and the latter variables. The sample was composed of 59 university students (with a dominance of female gender: 40 versus 19), aged between 22 and 64 years (sd=7.33). A questionnaire was conceived for the study (Questionnaire of Formative Experiences about the Environment).
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/96462
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação de Mestrado.pdf1.1 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons