Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/96024
Title: Onde A Terra Se Acaba E O Mar Começa: Habitar as arribas de São Pedro de Moel
Other Titles: Where The Land Ends And The Sea Begins: Inhabit the cliffs of São Pedro de Moel
Authors: Rosa, Ines Isabel Fachada
Orientador: Cardielos, João Paulo Vergueiro Monteiro de Sá
Keywords: frente atlântica; paisagem; lazer; espaço público; resiliência; Atlantic coast; landscape; leisure; public space; resilience
Issue Date: 20-Jul-2021
Serial title, monograph or event: Onde A Terra Se Acaba E O Mar Começa: Habitar as arribas de São Pedro de Moel
Place of publication or event: Departamento de Arquitetura da Faculdade de Ciências da Universidade de Coimbra
Abstract: Situado na costa atlântica, no interior do Pinhal de Leiria, encontra-se um lugar de excelência cultural e ambiental. Um local de tradição balnear e de recreio, que teve o seu auge na segunda metade do século XX, mas tem vindo a sofrer uma decadência nas últimas décadas. Esse lugar é São Pedro de Moel. Lugar perdido num contexto de relevância ibérica organizada através do desenho urbano de Lima Franco onde as habitações surgem por entre os pinheiros, num contínuo de baixa densidade criando uma linguagem e harmonia que não existe noutras estâncias balneares. Um território com inúmeras qualidades, onde residem 389 pessoas, que vivem em amizade com o pinhal, praia, dunas, arribas, fauna e flora. Estas unem-se a uma cultura forte e arquitetura de grande valor, criando paisagens de encanto e beleza. Devido à sua localização geográfica privilegiada, ao longo do tempo desenvolveu-se um interesse neste local como um destino balnear e de veraneio, o que levou a que construíssem aqui as suas segundas habitações. Assim tornou-se um destino que não vivia para além da busca pela praia, estando despovoado durante a maioria do ano. Para além disto, devido às questões climatéricas, a praia tem vindo a desaparecer, sendo necessário criar novas dinâmicas e atrativos que tirem proveito das qualidades únicas desta povoação, e torná-la num destino como nenhum outro da costa portuguesa, um destino singular. Assim, a presente dissertação tem como objetivo repensar a organização espacial deste território, em articulação com um programa de valorização que possa estabelecer um destino balnear renovado, com propostas para combater a sazonalidade extrema, que afeta o desenvolvimento e a qualidade de vida dos cidadãos. Deste modo, este estudo tem a intenção de reformar a entrada norte de São Pedro de Moel, mais precisamente a costa marítima, “onde a terra se acaba e o mar começa”. Uma costa alta e rochosa numa extensão de quase 2km de arribas. Um local cheio de potencial, com paisagens e valores naturais de excelência, a pedir para ser habitado. Unir-se-á aos caminhos existentes pelo Pinhal, garatindo o percurso circular do território, e permitir a visita a todos os espaços de valor. Também a construção de um edifício com um programa de lazer e recreio que possa ser usado por todo o tipo de público, horário e estação do ano, possibilitará a atração de pessoas de todas as faixas etárias para São Pedro de Moel. Será um espaço tão emblemático como as velhas piscinas oceânicas, sem afetar a pacatez tão apreciada pelos residentes. Pretende-se, através da proposta individual, reestruturar, consolidar e dinamizar o território, através da vivificação das arribas.
Located in the Atlantic coast, inside the pine forest of Leiria, there is a place of cultural and environmental excellence. A place of recreation and beaches, which reached its peak in the second half of the 20th century, suffering a decline over the past few decades. That place is São Pedro de Moel. An urban place lost in a context of Iberian relevance organized through the urban design of Lima Franco, where the houses appear in between the pine forests, in a low-density continuum, creating a language and harmony that cannot be found in any other seaside area. A territory with countless qualities, where 389 people reside amicably with the forest, beach, dunes, cliffs, fauna and flora. These are all bonded to a strong culture and architecture of great value, creating landscapes of charm and beauty. Due to its privileged geographic location, people developed an interest in this location as summer vacation destination over time, which led to them building their second homes here. Therefore, it became a destination that did not live beyond its beach appeal, being unpopulated during most of the year. Furthermore, due to climate issues, the beach has begun to disappear, so it is necessary to create new dynamics and attractions that take advantage of the unique qualities of this village, and to turn it into a destination like no other in the Portuguese coast, a unique one. All in all, this dissertation has the purpose of rethinking the spatial organization of this territory. So is done in articulation with a recovery program that can establish a renewed seaside destination, providing ideas to counter the extreme seasonality, which affects the development and life quality of the citizens. In sum, this study purposes to reform the north entrance of São Pedro de Moel, more precisely the seacoast, “where the land ends and the sea begins”. A high and rocky coast that extends for almost 2 km of cliffs. A place filled with potential, landscapes and natural values of excellence, asking to be inhabited. It will join the already existing paths throughout the forest, guaranteeing the circular route of the territory, and enable visits to all the spaces of value. Also, the construction of a building with a leisure and recreation program that everyone can use at any time and during every season, will attract people of all age groups to São Pedro de Moel. It will be a space as emblematic as the old ocean pools, without interfering with the peacefulness that the residents appreciate so much. In short, the present proposal aims to restructure, consolidate and revitalize the territory, through the vivification of the cliffs.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/96024
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação Inês Rosa.pdf37.86 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

5
checked on Nov 25, 2021

Download(s)

9
checked on Nov 25, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons