Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/9599
Title: Inteligência artificial e arte
Authors: Machado, Fernando Jorge Penousal Martins 
Orientador: Cardoso, Amílcar
Keywords: Inteligência artificial; Arte; Crítica de arte
Issue Date: 18-May-2007
Citation: MACHADO, Fernando Penousal - Inteligência artificial e arte. Coimbra, 2007.
Abstract: A principal motivação para esta tese é o desejo de estudar as questões inerentes ao desenvolvimento de Artistas Artificiais – sistemas artificias autónomos de criação artística com capacidades semelhantes às dos artistas humanos. O percurso realizado assume frequentemente um carácter exploratório que conduz a diferentes áreas de investigação e de conhecimento. O primeiro passo neste caminho consiste na análise do estado da arte no domínio da aplicação de técnicas de Inteligência Artificial em tarefas artísticas. Com base neste trabalho identifica-se um conjunto de aspectos a ter em conta no desenvolvimento de um Artista Artificial, propondo-se um modelo para o seu desenvolvimento. A segunda etapa engloba o desenvolvimento de uma aplicação interactiva de arte evolucionária, NEvAr e na validação deste sistema enquanto ferramenta de produção artística. Segundo o modelo apresentado, esta ferramenta constitui um motor generativo que, uma vez complementado por um módulo de avaliação, poderá dar origem a um Artista Artificial. A necessidade de efectuar juízos estéticos leva ao estudo dos fenómenos estéticos e artísticos. Este permite propor uma explicação bio-evolucionária para a actividade artística e estabelecer uma relação entre percepção visual e estética. A complexidade apresenta-se como um princípio estético relevante, o que motiva a utilização desta como base para a formação de juízos estéticos. Os resultados experimentais alcançados confirmam a importância da complexidade no âmbito estético e a adequação da abordagem seguida. O sucesso alcançado leva à integração das técnicas desenvolvidas no NEvAr, que é o primeiro passo da transformação desta ferramenta num Artista Artificial. Como consequência do trabalho realizado no âmbito da avaliação estética de imagens, surge o conceito de Crítico de Arte Artificial, para o qual se apresenta uma arquitectura de desenvolvimento e uma estratégia de validação. Seguindo a metodologia proposta, desenvolvem-se críticos de arte artificiais para domínios musicais e visuais, apresentando-se os resultados experimentais obtidos em tarefas de identificação de estilo, autor e juízo estético. Por último, descreve-se a integração destes críticos no NEvAr, apresentando-se resultados experimentais preliminares.
The main motivation for this thesis is the desire to study the questions raised by the development of Artificial Artists – artificial autonomous systems of artistic creation with capabilities similar to the ones of human artists. The path taken frequently assumes an exploratory nature that conducts to different areas of knowledge and research. The first step of this journey consists of the analysis of the state of the art in the domain of the application of Artificial Intelligence techniques to artistic tasks. Based on this work, a set of relevant aspects for the development of an Artificial Artist is identified and a model for its development proposed. The second step encompasses the development of an interactive evolutionary art system, NEvAr, and its validation as a tool for artistic production. According to the presented model, this tool constitutes a generative engine that, once complemented with an evaluation module, can give rise to an Artificial Artists. The need to perform aesthetic judgments conducts to the study of the aesthetic and artistic phenomena, allowing us to propose a bio-evolutionary explanation for the artistic activity and establish a relation between visual perception and aesthetic. Complexity is seen as one relevant aesthetic principle, which motivates its use as a basis for aesthetic judgment formation. The attained experimental results confirm the relevance of complexity in aesthetics and the adequacy of the followed approach. The achieved success leads to the integration of the developed techniques into NEvAr, which is the first step towards the transformation of this tool into an Artificial Artist. As a consequence of the work pertaining the aesthetic evaluation of images, the concept of Artificial Art Critic arises. An architecture and validation strategy for this type of system is proposed. Following this methodology, Artificial Art Critics are developed for musical and visual domains, and experimental results in tasks of style and author identification and aesthetic judgment presented. Finally, the integration of these critics in NEvAr is discussed and the preliminary experimental results of the integration presented.
Description: Tese de doutoramento em Engenharia Informática (Inteligência Artificial) apresentada à Fac. de Ciências e Tecnologia de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/9599
Rights: openAccess
Appears in Collections:FCTUC Eng.Informática - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat
IAeArte.pdf348.51 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 1

2,880
checked on Sep 21, 2020

Download(s) 20

980
checked on Sep 21, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.