Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/95276
Title: Avaliação Arquivística de Informação Eletrónica: da emergência teórica ao consenso sobre um modelo
Authors: Corujo, Luis Miguel Nunes
Orientador: Freitas, Maria Cristina Vieira de
Bonal-Zazo, José-Luis
Keywords: Informação de Arquivo; Avaliação de informação de arquivo; Informação eletrónica; Memória da Sociedade; Abordagens de Avaliação; Electronic Record; Archival Appraisal; Electronic Information; Society’s Memory; Appraisal Approaches
Issue Date: 27-Apr-2021
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Os arquivistas debatem-se com questões originadas pelas mudanças tecnológicas que têm implicações na sua prática e teoria, tais como o uso cada vez mais generalizado da informação de arquivo eletrónica nas organizações e a dificuldade de manter esta informação no longo prazo. Num tal enquadramento, este estudo pretende responder às seguintes questões: Quais os principais autores, projetos, iniciativas e programas a nível internacional e o seu pensamento sobre a avaliação de informação de arquivo eletrónica?; Qual o contexto da avaliação de informação de arquivo da realidade portuguesa no seio do quadro teórico e técnico internacional?; Que propostas e princípios para a avaliação da informação de arquivo eletrónica podem emergir da análise do pensamento, projetos e programas internacionais? Para tal, esta investigação tem como objetivos gerais: analisar, de um modo evolutivo, conceptual, terminológico, teórico e tendencial, o tema da avaliação da informação de arquivo no âmbito da literatura científica internacional de ponta, com ênfase na informação eletrónica, e compreender, com base numa análise sistemática comparada da literatura científica específica e dos programas, projetos e iniciativas de expressão internacional, as discussões, autores, perceções e significados, em torno do fenómeno da avaliação arquivística de informação eletrónica, num intervalo de dez anos (2006-2016), e daí inferir propostas e princípios. Nesse sentido, analisa, de um modo evolutivo, a avaliação no contexto da arquivística, realizando uma análise diacrónica das etapas da arquivística e uma contextualização sincrónica da avaliação no conjunto dessas etapas; analisa, contextualmente, a avaliação na atualidade, identificando fatores externos condicionadores, particularmente no que se refere à informação eletrónica; analisa conceptualmente a terminologia referente à avaliação, com especial ênfase na informação eletrónica e nos problemas de interpretação suscitados pelos termos; analisa teórica e tendencialmente as diferentes escolas, perspetivas, estratégias e abordagens da avaliação da informação de arquivo; contextualiza, evolutiva e criticamente, a realidade portuguesa no quadro teórico e técnico tendencial internacional da avaliação; analisa comparativamente, os principais programas, iniciativas e projetos, e autores internacionais, sobre a avaliação da informação de arquivo; identifica os principais autores e contrasta as suas perceções e significados acerca da avaliação da informação de arquivo eletrónica; distingue as propostas e soluções que emergiram da análise; formula propostas e enuncia princípios para a avaliação da informação de arquivo eletrónica, sustentados nos elementos que emergiram da análise. Apresenta-se um estudo qualitativo desenvolvido que recorre ao Método da Teoria Fundamentada e à Análise Documental, e cujos resultados incluem uma construção teórica da literatura examinada, uma análise comparada dos principais programas, iniciativas e projetos a nível internacional, uma análise evolutiva do contexto português no âmbito da avaliação, uma análise das perceções e significados dos principais autores acerca do fenómeno em estudo, no período de dez anos, e em que dos elementos que emergiram da análise, resulta num conjunto de propostas e princípios para lidar com a avaliação da informação de arquivo. Perceciona-se um cenário descortinado numa análise tendencial de 10 anos (2006-2016), em que são mostrados os consensos e os dissensos, as incertezas e as certezas, por trás do que é a avaliação arquivística da informação, e que demonstra o quão imbricado é o contexto, o quão falhas ou bem-sucedidas são as tentativas de aplicar, na prática, aquilo que se almeja para a avaliação, na teoria. Transparece que a avaliação ainda está a tentar encontrar os seus percursos, e regras e princípios pelas quais se deve reger. Verifica-se um contraste entre as necessidades pressentidas pela generalidade dos teóricos a nível internacional e as orientações dos projetos e abordagens aplicadas no contexto português. Percebendo-se que uma das respostas à necessidade de participação plural para garantir a representação equitativa da memória social diversificada da comunidade como um todo, passa por percecionar diferentes abordagens de avaliação a aplicar em cada situação e/ou tipo de informação específicos, e não de um modelo multiusos único, sugerem-se propostas e enunciam-se princípios para a avaliação de informação de arquivo orientadas para uma maior abrangência, inclusão, pluralismo, multiculturalidade, sistematização, transparência, extensiva à Sociedade, com recurso à capacitação de todos participantes, e que se pautam pela ausência de subordinação hierárquica ou qualquer tipo de assimetria no que respeita às relações entre os participantes, e em termos de valores, interações e perspetivas da Sociedade.
Archivists are faced with issues arising from technological changes with implications for their practice and theory, such as the widespread use of electronic records in organizations, and the inability to keep this information indefinitely. This study aims to answer the following questions: using a trend analysis of the specific scientific literature, what are the main authors, projects, initiatives and programs at the international level and their thoughts on the electronic records appraisal; What is the context of the Portuguese records appraisal reality within the international theoretical and technical framework? What recommendations and proposals for electronic records appraisal can emerge from the analysis of international thinking, projects and programs? To this end, it has the general objectives of an evolutionary, conceptual, terminological, theoretical and trend analysis on the subject of records appraisal within the scope of cutting-edge international scientific literature, with special emphasis on the appraisal of electronic records; and, by means of a systematic comparative analysis of the specific scientific literature and programs, projects and initiatives of international expression, addressing the discussions, authors, perceptions and meanings that are carried out in the around the phenomenon of the appraisal of electronic records, over a period of ten years (2006-2016), and infer recommendations and proposals. In this sense, this study presents an evolutionary analysis about records appraisal in the archival context, by means of a diachronic analysis of the archival stages and a synchronic contextualization within the identified stages; a contextual analysis concerning records appraisal today, identifying the external factors that may affect records appraisal in contemporary times, particularly with regard to the electronic records appraisal; a conceptual analysis of the terminology related to the records appraisal, with special emphasis on the terminology related to the electronic records appraisal and on the interpretation problems raised by the terms; a theoretical and trend analysis of the different schools, perspectives, strategies and approaches regarding records appraisal; contextualizes, in an evolutionary and critical way, the Portuguese reality within the international theoretical and technical framework of trends on strategies and / or approaches to the records appraisal; identifies and analyzes, in a comparative way, the main records appraisal programs and projects at a worldwide level; identifies the main actors and contrast their perceptions and meanings about the electronic records appraisal; distinguishes the proposals and solutions that emerged from the analysis of perceptions and meanings related to the electronic records appraisal; formulates recommendations and enunciates principles for records appraisal, based on the elements that emerged from the analysis. A qualitative study was developed through with the collection and analysis of information sources, operating through a progressive spiral to build a structured information corpus, which was analyzed and interpreted using the Grounded Theory Method and Document Analysis, which resulted in a critical and trend-based theoretical construction of the examined literature, a comparative analysis of the main projects worldwide, and evolutionary analysis of the Portuguese archival context, whose contrast resulted in a set of proposals and principles to deal with records appraisal. This study perceives a scenario revealed in a 10-year (2006-2016) trend analysis, that shows the consensuses and dissents, uncertainties, and certainties behind what is the records appraisal of electronic information. This analysis demonstrates how imbricated is the context, how flawed or successful are the attempts to apply, in practice, what the theory considers to be the aims of records appraisal. It reveals a context in which the records appraisal is still trying to find its directions, and the rules and principles by which it should be governed. There is a contrast between the needs envisaged by most theorists at the international level and the guidelines of the projects and approaches applied in the Portuguese context. Even the most recent international standardization is not sufficient to respond to the needs of plural participation to guarantee the equitable representation of the diverse social memory of the community. Realizing that one of the answers is to perceive different approaches to be applied in each specific situation and / or type of information, and not a single multipurpose model, proposals and principles for records appraisal are suggested, aimed at achieving greater scope, inclusion, pluralism, multiculturalism, systematization, transparency, extended to the society, and with the training/education of all participants. These proposals and principles are guided by the absence of hierarchical subordination or any type of asymmetry regarding the relationships between the participants, and in terms of values, interactions, and perspectives of the Society.
Description: Tese no âmbito do Doutoramento em Ciência da Informação, apresentada ao Departamento de Filosofia, Comunicação e Informação da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.
URI: http://hdl.handle.net/10316/95276
Rights: openAccess
Appears in Collections:FLUC Secção de Informação - Teses de Doutoramento
UC - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Tese_Final.pdf5.91 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

709
checked on Jul 23, 2021

Download(s)

166
checked on Jul 23, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons