Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94933
Title: What do Sleep Diaries tell us about patients diagnosed with Chronic Insomnia?
Other Titles: O que nos dizem os Diários de Sono acerca de pacientes diagnosticados com Insónia Crónica?
Authors: Tavares, Daniela Filipa Antunes
Orientador: Gomes, Ana Cardoso Allen
Keywords: Diário de sono; Padrão de sono-vigilia; Perturbação de Insónia Crónica; Amostra clínica; Sleep diary; Sleep-wake pattern; Chronic Insomnia Disorder; Clinical Sample
Issue Date: 15-Oct-2019
Serial title, monograph or event: What do Sleep Diaries tell us about patients diagnosed with Chronic Insomnia?
Place of publication or event: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
Abstract: A insónia tem-se tornado, cada vez mais, um problema dos tempos modernos, o que lhe confere uma enorme relevância. Os diários do sono são ferramentas de extrema importância na avaliação e terapia da insónia, que nos permitem compreender os padrões de sono dos doentes a partir da sua perspetiva.O objetivo do presente estudo é dar a conhecer, de uma forma mais compreensiva, os padrões de sono dos doentes com diagnóstico de Insónia, antes de serem submetidos a Terapia Cognitivo-Comportamental para esta perturbação (TCC-I), utilizando, para isso, o Diário de Sono. A amostra inclui 102 participantes (56.9% mulheres) diagnosticados com Perturbação de Insónia Crónica, medicados (44.1%) e não medicados para a Insónia, com idades compreendidas entre os 18 e os 85 anos (M = 48.90 ± 14.14). A média de duração da insónia era de 12.98 anos (DP = 11.13).Em média, os participantes foram para a cama às 23h36m, acordaram 2.13 vezes, permaneceram 0h40m acordados durante a noite, acordaram às 7h23m, levantaram-se às 8h18m, e tomaram .42 sestas. O tempo total de sono foi de 6h14m, e o tempo total na cama de 8h40m, resultando numa eficiência de sono de 71.7%. Em mediana, demoraram 28 minutos a adormecer. A média dos padrões sono-vigília dos participantes foi mais tardia ao fim de semana, quando comparado com dias da semana. Foram encontradas diferenças significativas nas variáveis sociodemográficas. Participantes medicados e não medicados não apresentaram diferenças nos seus padrões de sono. A qualidade do sono relatada ao acordar associou-se à hora de deitar, ao número de acordares e ao grau de repouso sentido.Os resultados do presente estudo parecem de grande pertinência para uma melhor compreensão dos padrões de sono na insónia, antes do início da terapia, através da perspetiva do doente.
Insomnia has become a greater problem in modern society. Sleep diaries are extremely important tools in the assessment of insomnia disorder, as well as on the course of therapy, that allow us to understand the sleep pattern from the patient’s perspective.In this study, we aim to better understand the sleep patterns of patients diagnosed with insomnia disorder at the base line, ie., before starting Cognitive-Beavioral Therapy (CBT-I), using the Sleep Diary.The sample included 102 participants (56.9% women) diagnosed with chronic insomnia disorder, sleep medicated (44.1%) and non-medicated, with ages ranging from 18 to 85 (M = 48.90 ± 14.14). The average duration of insomnia was of 12.98 years (SD = 11.13).In mean, participants went to bed around 23h36m, awaked 2.13 times, spent 0h40m awaken during the night, woke up at 7h23m, got up at 8h18m, and took .42 naps. The total sleep time was of 6h14m, and time in bed was of 8h40m, resulting in a mean sleep efficiency of 71.7%. In median, they took 28 minutes to fall asleep. The participants’ mean sleep-wake patterns were later on weekends, when compared to weekdays. There were found several differences on sleep patterns by sociodemographic variables. Medicated and non-medicated participants did not seem to differ. Sleep quality seems to be associated, on general, with bedtime, the number of awakenings and the rest degree felt upon wake-time.These results seem of great importance to a better comprehension of insomnia from the perspective of the insomnia sufferer.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/94933
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Dissertação Mestrado_Daniela Filipa Antunes Tavares_2014200314_rev.pdf918.83 kBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

5
checked on Jun 10, 2021

Download(s)

2
checked on Jun 10, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons