Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94810
Title: INFLUÊNCIA DA MATUTINIDADE/VESPERTINIDADE E HORA DO DIA NA OSCILAÇÃO DE ESTADOS EMOCIONAIS DE ADOLESCENTES AO LONGO DO DIA
Other Titles: THE INFLUENCE OF MORNINGESS/EVENINGNESS AND TIME OF DAY IN THE OSCILLATION OF EMOTIONAL STATES OF ADOLESCENTS THROUGHOUT THE DAY
Authors: Tomé, Beatriz Ramos
Orientador: Gomes, Ana Cardoso Allen
Keywords: Matutinidade/Vespertinidade; Cronótipo; Hora do Dia; Hora Ótima/Não Ótima; Estados Emocionais; Moningness-Eveningness; Chronotype; Time-of-day; Optimal/non-optimal times; Emocional States
Issue Date: 26-Jul-2019
Serial title, monograph or event: INFLUÊNCIA DA MATUTINIDADE/VESPERTINIDADE E HORA DO DIA NA OSCILAÇÃO DE ESTADOS EMOCIONAIS DE ADOLESCENTES AO LONGO DO DIA
Place of publication or event: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra
Abstract: A presente investigação teve como objetivo estudar a influência da Matutinidade/Vespertinidade (Tipo Diurno) e da Hora do Dia sobre os Estados Emocionais de adolescentes. Deste modo, 190 alunos (46.3% do sexo feminino e 53.7% do sexo masculino) do 8ºano de escolaridade (12-16 anos) responderam, num primeiro momento, a um protocolo que incluiu a Escala Compósita da Matutinidade (CSM), a Escala Básica de Sintomas de Insónia e Qualidade de Sono (BASIQS +), a Escala de Autoavaliação da Puberdade (EAP) e o Questionário de Capacidades e Dificuldades (SDQ-Por) e, após uma semana, a outro protocolo que avaliou os Estados Emocionais através da Escala de Faces, Escala de Ansiedade-Estado do STAIC - State-Trait Anxiety Inventory for Children e Escala de Afeto Positivo e Negativo em Crianças (EAPNC), em dois momentos do dia escolar (8:30 e 16:30). Os resultados revelaram que a interação entre o Tipo Diurno e a Hora do Dia não foi significativa em nenhuma das escalas de Estados Emocionais. Por outro lado, o efeito principal do Momento do Dia alcançou sempre significância estatística, à exceção da Escala de Afeto Negativo da EAPNC, mostrando influenciar significativamente o Estado Emocional da amostra: da manhã para a tarde, tanto o afeto positivo como o Estado Emocional positivo subiram, ao passo que a ansiedade estado baixou. Por fim, o efeito principal do Tipo Diurno apenas alcançou significância estatística na Escala de Afeto Positivo da EAPNC em que os Matutinos revelaram afeto positivo superior ao dos Vespertinos.
The goal of the present investigation was to study the influence of Morningness / Eveningness (diurnal type) and the Time of Day on the Emotional States of adolescents. Thus, in a first moment, 190 students (46.3 % feminine gender and 53.7% male gender) of 8th grade (12-16 years-old) answered to a protocol which included a Composite Scale of Morningness (CSM), Basic Scale on Insomnia Symptoms and Quality of Sleep – “plus” version (BaSIQS +), Self-administered Rating Scale for Pubertal Development (SSPD), Strengths and Difficulties Questionnaire (SDQ-Por). A week after, they answer another protocol which evaluated their Emotional States through the Faces Scale, State-Anxiety Scale of STAIC - Inventory for Children, and Positive and Negative Affect Scale for Children (EAPNC) during two periods of the school day (8h:30m and 16h:30m). The results revealed that the interaction effect between Diurnal Day and Time of Day was not significant in any of the emotional scales. On the other hand, the main effect of the Moment of the Day reached statistical significance in all scales, except for the Negative Affect Scale of EAPNC, showing to influence the Emotional State of the sample: from morning to afternoon, both positive affect and Positive Emotional state rose, while state anxiety dropped. Finally, the main effect of the Diurnal Type reached statistical significance only for the Positive Affect Scale of EAPNC, with the Morning-types revealing higher positive affect than the Evening-types.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/94810
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Show full item record

Page view(s)

5
checked on Jul 22, 2021

Download(s)

5
checked on Jul 22, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons