Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94770
Title: O Movimento de Ocupação de Escolas em Goiás. Desde as escolas para as redes
Other Titles: The School Occupation Movement in Goiás. From schools to networks
Authors: Macedo, Murilo Rosa
Orientador: Estanque, Elísio Guerreiro do
Keywords: Cibercultura; Sociedade em Rede; Movimentos Sociais; Ocupação de Escolas; Primavera Secundarista; Cyberculture; Network Society; Social Movements; School Occupation; Secondary Spring
Issue Date: 16-Dec-2020
Serial title, monograph or event: O Movimento de Ocupação de Escolas em Goiás. Desde as escolas para as redes
Place of publication or event: Goiás, Brasil
Abstract: As tecnologias da informação e comunicação vêm transformando a sociedade das mais variadas formas e criando o que já se tornou comum chamar de uma "cibercultura". A comunicação pela internet está criando um impacto na sociabilidade humana comparável à invenção da escrita. Isso se deve ao fato de a internet proporcionar, pela primeira vez na história, a comunicação horizontal de indivíduos em rede e que conjuga na comunicação os mais variados elementos como a escrita, a fala e o audiovisual.As organizações e instituições tradicionais, que foram forjadas durante o modo de desenvolvimento industrial estão sendo desestruturadas por essa nova forma de organização societal, que se dá em rede. A automação, que torna menos importante a ação de pessoas, por mais importantes que sejam os cargos que elas ocupam e as novas formas de percepção do espaço e do tempo que virtualmente anulam as fronteiras e distâncias geográficas contribuem para a perda de poder e soberania dos Estados-Nação assim como de outras instituições como sindicatos, partidos políticos e o próprio funcionamento da democracia.Essa mudança em todos os aspectos da sociedade é conhecida pelo nome de cibercultura. Os movimentos sociais também são influenciados pela cibercultura. A forma de concepção, atuação assim como as pautas dos movimentos sociais têm mudado devido à sua inserção na sociedade em rede. Assim como foi novidade a ocupação de escolas secundárias por parte de estudantes no estado de Goiás entre 2015 e 2016. Desta a forma esta pesquisa tem por objetivo analisar as formas de organização e atuação do movimento de ocupação de escolas secundárias em Goiás, em especial a ocupação dos espaços físicos das escolas assim como o uso das redes sociais digitais no processo de resistência frente à proposta do governo estadual de terceirização das escolas públicas de ensino médio do estado de Goiás.Esta pesquisa é um estudo de caso de caráter qualitativo cuja fonte principal de dados foram 12 entrevistas em profundidade realizadas com participantes do movimento de ocupação de escolas de Goiás. As entrevistas revelaram um grande repertório de ação coletiva por parte dos integrantes do movimento de modo que, ao contrário do que diz parte da literatura sobre movimentos sociais na era da informação, a internet não foi o principal meio de atuação do movimento, mas apenas foi incorporado como uma ferramenta a mais de atuação, especialmente para a expansão de laços fracos como forma de angariar doações necessárias para a continuidade das ocupações bem como colaborar na disputa de narrativas na sociedade e fazer avançar suas pautas.
Information and communication technologies have been transforming society in the most varied ways and creating what has already become common to call a “Cyberculture”. Internet communication is creating an impact on human sociability comparable to the invention of writing. This is due to the fact that the internet provides, for the first time in history, horizontal communication of individuals in a network and which combines in communication the most varied elements such as writing, speech and audiovisual; Traditional organization and institutions, which were forged during the industrialism development are being disrupted by this new form of societal organization, which takes place in a network. Automation, which makes people less important, no matter how important the positions they occupy and the new forms of perception of space and time that virtually nullify geographical boundaries and distances contribute to the loss of power and sovereignty of Nation-states as well as other institutions such as unions, political parties and the very functioning of democracy.This change in all aspects of society is known as cyberculture. Social movements are also influenced by cyberculture. The form of conception, performance as well as he agendas of social movements have changed due to the insertion in their networked society. Just as the occupation of secondary schools in the state of Goiás between 2015 and 2016 was new. Thus this research aims to analyze the forms of organization and performance of the occupation movement of secondary schools in Goiás, in particular the occupation of physical spaces of the schools as well as the use of digital social networks in the resistance process against the proposal of the state government of outsourcing of public high schools in the state of Goiás.This research is a qualitative case study whose main source of data was 12 in-depth interviews conducted with participants from the movement for the occupation of schools in Goiás. The interviews revealed a large repertoire of collective action by the members of the movement so that, contrary to what is said in the literature on social movements in the information age, the internet was not the movement´s main means of action, but it was only incorporated as an additional tool of action, especially for the expansion of the weak ties as a way to collect necessary donations for the continuity of the occupations as well as to collaborate in the dispute of narratives in society and to advance their agendas.
Description: Dissertação de Mestrado em Sociologia apresentada à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/94770
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
MuriloMacedo_O Movimento de Ocupação de Escolas em Goiás. Versão corrigida.pdf2.31 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

65
checked on Jul 22, 2021

Download(s)

13
checked on Jul 22, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons