Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94719
Title: Comportamentos aditivos e dependências - O perfil dos utilizadores dos serviços de tratamento especializados
Other Titles: Addictive behaviours and dependencies - the user profile of specialized treatment centers
Authors: Cruz, Davide Emanuel Gouveia
Orientador: Almeida, José António da Rocha
Lourenço, Óscar Manuel Domingos
Keywords: drogas; substancias psicoativas; drugs; psychoactive substances
Issue Date: 4-Dec-2020
Serial title, monograph or event: Comportamentos aditivos e dependências - O perfil dos utilizadores dos serviços de tratamento especializados
Place of publication or event: FEUC
Abstract: O consumo de substâncias psicoativas, sejam elas lícitas ou ilícitas, tem um efeito devastador na vida de milhões de pessoas em todo o mundo. Portugal, no que respeita em matéria de drogas e álcool, foi sempre apontado como um exemplo a seguir pela sua abordagem, no entanto vão surgindo novos desafios, seja pelo desinvestimento que se faz sentir nesta área, seja pela alteração do perfil dos utilizadores de substâncias que recorrem aos serviços especializados de tratamento. Este estudo, usa dados cedidos pela Divisão de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências da região Centro e descreve as caraterísticas dos consumidores de substâncias psicoativas (álcool, cannabis, cocaína, heroína e tabaco) que recorreram aos serviços públicos especializados de tratamento da região centro entre 2011 e 2016. Para além disto explora a existência de alterações no perfil de novos consumidores e quais as alterações no que diz respeito às novas tendências de consumo. Foram utilizados procedimentos de estatística descritiva e análise gráfica para analisar e caracterizar os indivíduos nas diferentes variáveis de interesse. Após a caracterização geral da população em estudo, foi realizada uma estratificação da amostra por ano de acolhimento, pré 2011, entre 2011-2013 e 2014-2016. Quanto aos resultados do estudo, é possível verificar neste momento ao aparecimento de um novo perfil dos utentes que recorrem aos nossos serviços especializados para tratamento, por problemas relacionados com o consumo de substâncias psicoativas. Estes são utentes na sua maioria consumidores de cannabis, com uma média de idades mais baixa. O início dos consumos tende a ser também em idades mais jovens, quando comparados com outras substâncias. Verifica-se que entre os novos consumidores admitidos para tratamento, existe uma prevalência significativa de familiares com problemas relacionados com o consumo de substâncias psicoativas, bem como antecedentes judiciais associados.É necessário repensar o modelo de respostas para o tratamento dos comportamentos aditivos e dependências em Portugal, bem como as ações preventivas levadas a cabo neste âmbito.
The consumption of psychoactive substances, whether legal or illegal, has a devastating effect on the lives of millions of people around the world.Portugal, with regard to drugs and alcohol, has always been pointed out as an example to be followed by its approach, however new challenges are emerging, either by the divestment that is felt in this area, or by the change in the profile of substance users who use specialized treatment services.This study uses data provided by Intervention Division on Addictive Behaviors and Dependencies, center region and describes the characteristics of consumers of psychoactive substances (alcohol, cannabis, cocaine, heroin and tobacco) who resorted to specialized public treatment services in the center region between 2011 and 2016. In addition to this explores the existence of changes in the profile of new consumers and what changes have been made with regard to new consumption trends. Descriptive statistics and graphic analysis procedures were used to analyze and characterize individuals in the different variables of interest. After the general characterization of the study population, the sample was stratified by year of reception, pre 2011, between 2011-2013 and 2014-2016.As for the results of the study, it is possible to verify at this moment the appearance of a new profile of users who resort to our specialized services for treatment, due to problems related to the consumption of psychoactive substances. These are mostly cannabis users, with a lower average age. The onset of consumption also tends to be at younger ages, when compared to other substances. It appears that among the new consumers admitted for treatment, there is a significant prevalence of family members with problems related to the consumption of psychoactive substances, as well as associated legal antecedents.It is necessary to rethink the model of responses for the treatment of addictive behaviors and addictions in Portugal, as well as the preventive actions carried out in this area.
Description: Dissertação de Mestrado em Gestão e Economia da Saúde apresentada à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/94719
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação Versão Final.pdf1.88 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons