Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94694
Title: Economia Social e Economia Circular: Articulações Indutoras da Sustentabilidade Social e o Papel do Serviço Social no Contexto de Lojas Sociais
Other Titles: Social Economy and Circular Economy: Social Sustainability Inductive Articulations anda the Role of Social Work in the Context of Social Stores
Authors: Ribeiro, Leonor Alexandra Tavares
Orientador: Luz, Maria Helena Gomes dos Reis Amaro da
Keywords: Economia Social; Lojas Sociais; Sustentabilidade Social; Economia Circular; Serviço Social; Social Economy; Social Stores; Social Sustainability; Circular Economy; Social Work
Issue Date: 17-Nov-2020
Serial title, monograph or event: Economia Social e Economia Circular: Articulações Indutoras da Sustentabilidade Social e o Papel do Serviço Social no Contexto de Lojas Sociais
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: O desenvolvimento sustentável tem vindo a ser um tema de destaque na agenda política, quer no contexto nacional, quer internacional. Como tal, há uma preocupação acrescida para potenciar as suas três esferas: ambiental, económica e social, contribuindo esta última para o reforço dos direitos humanos, do bem-estar e da qualidade de vida da população. Paralelamente, a economia circular mostra-se ancorada em torno da ideia da sustentabilidade, carecendo de ser abrangente para a enquadrar na sua plenitude. Assentes no primado da pessoa e orientadas por preocupações de justiça social, as organizações de economia social e em particular as IPSS têm-se munido de esforços para responder a públicos que se encontram em situação de maior vulnerabilidade, inserindo-se neste âmbito as lojas sociais como respostas oportunas para inverter estas situações, potenciando, assim, a sustentabilidade social através de dinâmicas circulares e onde a intervenção do serviço social adquire um papel preponderante. Tendo assumido como objetivo central compreender a resposta das lojas sociais enquadrada nos princípios da economia circular à questão da sustentabilidade social, assim como o papel do serviço social comprometido com esta resposta, a investigação concluiu que no seio das lojas sociais existe um conhecimento sobre as características da economia circular, bem como sobre as suas oportunidades, as quais se conciliam com as questões subjacentes à sustentabilidade social. As lojas sociais por via de dinâmicas como as doações, o reuso, a reutilização entre outras, refletem repercussões para com os beneficiários, nomeadamente, resposta às necessidades básicas, promoção de igualdade, inclusão, autoestima e bem-estar social. O serviço social nas lojas sociais ainda que denote uma intervenção assistencialista, potencia - pelo conhecimento próximo que tem das situações/problema e através de atos e estratégias relacionadas com atendimentos e elaboração de diagnóstico social, acompanhamento e encaminhamento para outras entidades (numa lógica de trabalho em rede) e capacitação dos beneficiários - a redução das necessidades básicas, a igualdade social e os direitos humanos, impulsionando deste modo a sustentabilidade dos indivíduos e das comunidades onde os mesmos estão inseridos.
Sustainable development has been a central theme on the political agenda, both in the national and international contexto. For this reason, there is an increased concern to enhance its three dimensions: environmental, economic, and social, where the latter contributes to the strengthening of human rights, well-being, and the population quality of life. Simultaneously, the circular economy appears to be anchored around the idea of sustainability, needing to be totally comprehended. Based on human primacy and guided by social justice concerns, the social economy organizations, particularly the IPSS, have been endeavoring to respond to the target audience that lives in situations of greater vulnerability. Social stores have been included as opportunely responses to reverse these situations, enhancing social sustainability through circular dynamics, where social work intervention assumes a predominant role. Having assumed as a central objective to understand the response of social stores framed in the principles of a circular economy, to the question of social sustainability, as well as the role of social service committed to this response, the investigation concluded that within social stores there is knowledge about the circular economy characteristics, as well as its opportunities converged with social sustainability actions. Through dynamics such as donations and reuse, social stores reflect repercussions for beneficiaries, namely, responding to basic needs, promoting equality, inclusion, self-esteem, and social well-being. Social work in social stores, even though it denotes an assistance intervention, strengthens - via the intimate knowledge it has of the situations/problem and through acts and strategies related to assistance and elaboration of social diagnosis, monitoring, and referral to other entities (in a logic network) and empowerment of beneficiaries - the reduction of basic needs, social equality and human rights, thus boosting the sustainability of individuals and the communities where they are inserted.
Description: Dissertação de Mestrado em Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/94694
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat
Dissertação_Leonor Ribeiro.pdf2.76 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

21
checked on Jul 22, 2021

Download(s)

32
checked on Jul 22, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons