Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94598
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMatos, Ana Paula Soares-
dc.contributor.authorMendes, Margarida Lavrador-
dc.date.accessioned2021-04-28T22:12:20Z-
dc.date.available2021-04-28T22:12:20Z-
dc.date.issued2020-07-21-
dc.date.submitted2021-04-28-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10316/94598-
dc.descriptionDissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação-
dc.description.abstractO Inventário da Qualidade dos Relacionamentos interpessoais tem sido amplamente utilizado em diversos países, com o objetivo de medir a qualidade de relacionamentos específicos. Em Portugal, o IQRI tem sido estudado com amostras de adolescentes na versão que se refere às relações que possuem com os seus progenitores. O objetivo deste estudo é criar uma versão breve do Inventário para a versão mãe, mantendo boas qualidades psicométricas e o conteúdo que cada subescala pretende medir.A amostra foi constituída por 1575 adolescentes, 966 do sexo feminino e 609 do sexo masculino, entre os 12 e 17 anos de idade (M = 14.27; DP = 0.98), estudantes de escolas públicas e privadas portuguesas. Para chegar a uma versão breve, selecionaram-se os itens que melhor representam as três subescalas do IQRI – versão mãe. Partindo da escala original de 25 itens de Pierce et al. (1991) tradução de Neves & Pinheiro (2009) realizaram-se Análises Fatoriais Confirmatórias (AFC) sequenciais, e foram tidos em conta um conjunto de critérios complementares (análise da consistência interna, correlações entre os itens, fatores e a escala, aspetos teóricos) relevantes para a criação de shortforms. Obteve-se um modelo de 14 itens distribuídos por três fatores que avaliam as dimensões suporte, conflito e profundidade. Esta versão breve do IQRI apresentou bons índices da qualidade de ajustamento, pesos fatoriais e fiabilidades individuais adequados e validade convergente em relação a outras medidas. Os fatores suporte e profundidade correlacionaram-se positivamente com as medidas de bem-estar subjetivo e suporte social geral, e negativamente com medidas de acontecimentos negativos diários minor, sintomatologia depressiva e solidão. Por oposição, o fator conflito encontra-se associado de forma negativa com bem-estar subjetivo e suporte social geral e positiva com acontecimentos negativos diários minor, sintomatologia depressiva e solidão. Os valores do alfa de Cronbach indicaram uma boa consistência interna, variando de 0.86 a 0.88. A escala revelou ainda boa estabilidade temporal e correlações de Pearson fortes e muito fortes com a versão longa, para as subescalas suporte (r=0.97, p <.01); conflito (r=0.87, p <.01) e profundidade (r=0.95, p <.01) e correlações corrigidas fortes nas três subescalas suporte (rc=0.88); conflito (rc=0.83) e profundidade (rc=0.90); demonstrando que a versão abreviada mede os mesmos construtos que a escala original se propõe medir. A versão reduzida do IQRI referente ao relacionamento específico com a mãe revelou-se um instrumento válido para ser utilizado em futuras investigações e na prática clínica, permitindo explorar, de forma fácil e rápida, a relação que o adolescente mantém com a sua mãe em termos da sua perceção de suporte, conflito e profundidade.por
dc.description.abstractThe Quality of Relationships Inventory has been widely used in several countries for the purpose of measuring the quality of specific relationships. In Portugal, the IQRI has been applied to samples of adolescents in a version referring to the relationships with their parents. The present study is aimed at creating a short version of this Inventory to the mother's version, keeping good psychometric qualities and the content that each subscale intends to measure.The sample comprised 1575 adolescents, 966 girls and 609 boys, aged between 12 and 17 (M = 14.27; DP = 0.98), students of public and private portuguese schools. To create a short version it was necessary to choose the items that best represent the three subscales of the IQRI - mother's version. Starting from the original structure of 25 items found by Pierce et al. (1991) (portuguese version by Neves & Pinheiro, 2009), there were conducted Confirmatory Factor Analysis (CFA) and a set of complementary criteria (internal consistency analysis, correlations between items, factors and scale, theoretical aspects) relevant to the creation of short forms.It was created a model of 14 items distributed over three factors that evaluate the support, conflict and depth dimensions. This short version of the IQRI presented positive rates of quality adjustment, factor weights, adequate individual reliability and convergent and divergent validity compared to other variables. The subscales support and depth correlated positively with the subjective well-being measure and general social support and correlated negatively with daily hassles, depressive symptomatology and loneliness.The subscale conflict is negatively associated with subjective well-being and general social support and positively associated with daily hassles, depressive symptomatology and loneliness. The alpha Cronbach values indicated a good internal consistency, between 0.86 and 0.88. The scale also revealed a good temporal stability, strong and very strong Pearson correlations with the extended version, in the three subscales support (r=0.97, p <.01); conflict (r=0.87, p <.01) and depth (r=0.95, p <.01) and strong corrected correlations in the support (rc=0.88); conflict (rc=0.83) and depth (rc=0.90), demonstrating that the short form measures the same construct than the original scale.The short version of the IQRI regarding the specific relationship with the mother has proved to be a valid instrument to be used in future research and clinical practice, allowing to explore, easily and quickly, one's relationship with their mother regarding support, conflict and depth.eng
dc.language.isopor-
dc.rightsembargoedAccess-
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/-
dc.subjectPropriedades psicométricaspor
dc.subjectVersão brevepor
dc.subjectQualidade dos relacionamentos interpessoaispor
dc.subjectRelação com a mãepor
dc.subjectAdolescênciapor
dc.subjectPsychometric propertieseng
dc.subjectShort versioneng
dc.subjectQuality of interpersonal relationshipseng
dc.subjectRelationship with the mothereng
dc.subjectAdolescenceeng
dc.titleDesenvolvimento da versão breve do Inventário da Qualidade dos Relacionamentos Interpessoais (IQRI: versão mãe): Estudo das propriedades psicométricas numa amostra de adolescentes portuguesespor
dc.title.alternativeDevelopment of the Short-Form Version of the Quality of Relationships Inventory (QRI: mother’s version): Study of the psychometric properties in Portuguese adolescentseng
dc.typemasterThesis-
degois.publication.locationFaculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra-
degois.publication.titleDesenvolvimento da versão breve do Inventário da Qualidade dos Relacionamentos Interpessoais (IQRI: versão mãe): Estudo das propriedades psicométricas numa amostra de adolescentes portuguesespor
dc.date.embargoEndDate2026-07-20-
dc.peerreviewedyes-
dc.date.embargo2026-07-20*
dc.identifier.tid202704629-
thesis.degree.disciplinePsicologia-
thesis.degree.grantorUniversidade de Coimbra-
thesis.degree.level1-
thesis.degree.nameMestrado Integrado em Psicologia-
uc.degree.grantorUnitFaculdade de Psicologia e de Ciências da Educação-
uc.degree.grantorID0500-
uc.contributor.authorMendes, Margarida Lavrador::0000-0003-4559-9152-
uc.degree.classification18-
uc.date.periodoEmbargo2190-
uc.degree.presidentejuriGomes, Ana Cardoso Allen-
uc.degree.elementojuriMatos, Ana Paula Soares-
uc.degree.elementojuriPereira, Marco Daniel de Almeida-
uc.contributor.advisorMatos, Ana Paula Soares-
item.grantfulltextembargo_20260720-
item.fulltextCom Texto completo-
item.languageiso639-1pt-
crisitem.advisor.deptFaculty of Psychology and Educational Sciences-
crisitem.advisor.researchunitCINEICC – Center for Research in Neuropsychology and Cognitive and Behavioural Intervention-
crisitem.advisor.orcid0000-0002-6569-8038-
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado
Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Tese 2019-2020 Margarida Mendes.pdf1.04 MBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show simple item record

Page view(s)

116
checked on Sep 14, 2022

Download(s)

12
checked on Sep 14, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons