Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94580
Title: O Sorriso do Bebé: como surge e que impacto tem na relação precoce com a mãe
Other Titles: Baby Smile: how it arises and what impact it has on the early relationship with the mother
Authors: Bastos, Inês Machado
Orientador: Sá, Joaquim Eduardo Nunes
Keywords: bebé; sorriso; desenvolvimento; emoção; baby; smile; development; emotion
Issue Date: 30-Jul-2020
Serial title, monograph or event: O Sorriso do Bebé: como surge e que impacto tem na relação precoce com a mãe
Place of publication or event: FPCEUC
Abstract: A presente investigação visa uma melhor compreensão acerca da expressão do sorriso no primeiro ano de vida e a sua importância para o desenvolvimento do bebé e para a relação deste com a mãe. O primeiro capítulo resulta da seleção e síntese das referências lidas e consideradas como mais relevantes. Inicialmente, é feita uma leitura do sorriso como resultado da evolução da exposição silenciosa dos dentes em primatas não humanos e defende-se o sorriso como uma expressão inata e universal. Procede-se à compreensão da ontogénese do sorriso, desde a expressão reflexa ou endógena, até à expressão social. Finalmente, é feita uma síntese da concetualização dos vários autores sobre os diferentes tipos de sorrisos do bebé e em que altura surgem.O estudo empírico é uma investigação não-experimental transversal, cuja amostra, constituída com recurso a uma amostragem não probabilística por conveniência, foi recolhida nas redes sociais, junto de grupos organizados de mães. A amostra final é composta por 607 sujeitos, todos do sexo feminino. Os respetivos bebés tinham, no máximo, 2 anos de idade.Os resultados obtidos pelas mães indicam que a criança começa a sorrir com intencionalidade bastante cedo, por volta do primeiro mês de vida, o que será fruto de um “narcisismo” materno compreensível. A grande maioria dos bebés sorri mais à mãe do que ao pai, o que poderá sugerir o papel secundário que o pai tem na tríade. A voz materna tem um papel fundamental na produção de sorrisos infantis, provavelmente pela sua prosódia característica que induz emoção no bebé. Na presença de depressão materna esta prosódia está alterada, o que leva a crer que estas mães poderão “deprimir” os seus bebés.
This research aims to understand better the expression of the smile in the first year of life and its importance for the development of the baby and for its relationship with the mother.The first chapter consists in a selection and synthesis of the references read and considered most relevant. Initially, the smile is considered to be the result of the evolution of silent bared teeth display in non-human primates. It is considered to be an innate and universal expression. The ontogenesis of the smile is explained from endogenous to social expression. A synthesis is made of the conceptualization of the various authors about the different types of smiles of the baby and at what time they arise.The empirical study is a non-experimental cross-sectional investigation, whose sample, constituted using a non-probabilistic sampling for convenience, was collected in social networks, from organized groups of mothers. The final sample consists of 607 subjects, all female. Their babies were at most 2 years old.The results obtained by the mothers indicate that the child begins to smile, intentionally, rather early, around the first month of life, which would be the result of an understandable maternal "narcissism". The vast majority of babies smile, more at their mother than at their father, may suggest the secondary role the father has in the triad. The maternal voice plays a fundamental role in the production of childish smiles, probably due to its characteristic prosody that induces emotion in the baby. In the presence of maternal depression, this prosody is altered, which leads to the belief that these mothers may "depress" their babies.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/94580
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
O Sorriso do Bebé - Inês Machado Bastos.pdf814.59 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

63
checked on Aug 10, 2022

Download(s)

142
checked on Aug 10, 2022

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons