Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/94297
Title: RISCOS PSICOSSOCIAIS – QUAL A REALIDADE VIVENCIADA PELOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE HOSPITALARES
Other Titles: PSYCHOSOCIAL RISKS - WHAT IS THE REALITY EXPERIENCED BY HOSPITAL HEALTHCARE PROFESSIONALS
Authors: pires, olga alexandra carreira
Orientador: Ferreira, António Jorge Correia Gouveia
Paiva, Bárbara Cecília Bessa dos Santos Oliveiros
Keywords: Riscos Psicossociais; Profissionais de Saúde; Trabalho; Saúde; Hospital; Psychosocial Risks; Health Professionals; Work; Health; Hospital
Issue Date: 2-Feb-2021
Serial title, monograph or event: RISCOS PSICOSSOCIAIS – QUAL A REALIDADE VIVENCIADA PELOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE HOSPITALARES
Place of publication or event: CENTRO HOSPITALAR LEIRIA
Abstract: RESUMOIntrodução: Os riscos psicossociais relacionados com o trabalho, têm merecido cada vez mais destaque com especial destaque nos últimos anos. Atualmente, eles são descritos como uma das maiores ameaças à segurança e ao bem-estar dos trabalhadores, sendo os profissionais de saúde um dos grupos mais exposto a este risco. A situação económica e social que atravessamos conduz a um maior nível de stress e pode originar consequências graves quer na saúde física quer na psíquica.Objetivos: O presente estudo pretende avaliar os riscos psicossociais de maior relevância percecionados pelos diferentes profissionais de saúde hospitalares, procedendo-se ainda à análise das características sociodemográficas, socioprofissionais e psicológicas da amostra.Métodos: Foi efetuado um estudo observacional e transversal, usando o questionário “Copenhagen Psychosocial Questionnaire” (COPSOQ II) – Versão Média Portuguesa e a Escala de Satisfação Com o Suporte Social. como instrumento de colheita de dados numa amostra de 75 funcionários do CHL – Centro Hospitalar de Leiria, EPE – (Hospital Santo André). Resultados: A análise efetuada aos resultados obtidos no COPSOQ e a Escala Satisfação com o Suporte Social revelaram que a amostra apresenta maioritariamente um risco moderado e elevado para a maioria dos fatores de risco, apresentando os níveis mais elevados de exposição nas dimensões “Exigências Laborais”, “Organização do Trabalho e Conteúdo”, “Relações Sociais e Liderança”, “Interface trabalho-indivíduo” e “Saúde e Bem-estar” um risco maioritariamente moderado nas dimensões “Valores no Local de Trabalho” e um baixo risco de exposição na dimensão “Comportamentos Ofensivos”.A perceção de Satisfação com o Suporte Social é de 58,71(78,28%) sendo a Satisfação com a Família considerada como o item com maior expressão, com o valor de 7,09.Conclusão: Na amostra estudada, objetivaram-se níveis elevados nas dimensões “Exigências Laborais”, “Organização do Trabalho e Conteúdo”, “Relações Sociais e Liderança”, “Interface trabalho-indivíduo” e “Saúde e Bem-estar”.Estes resultados, embora não podendo ser diretamente extrapolados para as outras instituições de saúde, quer em época pandémica ou pré/pós pandémica, apontam para que o tema dos riscos psicossociais em âmbito de instituições hospitalares de Saúde deva ser regularmente monitorizado e avaliado e tomadas atitudes mais adequadas quando são monitorizados níveis elevados nas populações em observação e seguimento.
ABSTRACTIntroduction: Psychosocial risks related to work have been increasingly highlighted with special emphasis in the last years.Currently, they are described as one of the greatest threats to safety and well-being of workers, with health professionals being one of the groups most exposed to this risk. The economic and social situation we are going through leads to a higher level of stress and can have serious consequences both on physical and mental health.Objectives: The present study intends to evaluate the most relevant psychosocial risks perceived by different health professionals, proceeding to the analysis of the sociodemographic, socio-professional and psychological characteristics of the sample.Methods: An observational and cross-sectional study was carried out, using the “Copenhagen Psychosocial Questionnaire” (COPSOQ II) - Portuguese Medium Version and the Satisfaction Scale with the Social Support as a data collection instrument in a sample of 75 employees from CHL – Centro Hospitalar de Leiria, EPE (Hospital Santo André)Results: The analysis carried out on the results obtained in COPSOQ and the Satisfaction Scale with the Social Support revealed that the sample presents mostly a moderate and high risk for most risk factors, presenting the highest levels of exposure in the dimensions "Labor Requirements" , “Work and Content Organization”, “Social Relations and Leadership”, “Work-individual interface” and “Health and Well-Being”, a risk that is mostly moderate in the “Values in the Workplace” dimensions and a low risk of exposure in “Offensive Behaviors” dimension.The Satisfaction perception with Social Support is 58.71 (78.28%) with the Family Satisfaction considered as the item with the highest expression, a value of 7.09.Conclusion: In the studied sample, high levels were aimed at the dimensions “Labor Requirements”, “Work and Content Organization”, “Social Relations and Leadership”, “Work-individual interface” and “Health and Well-being”.Although this results cannot be directly extrapolated to other health institutions, whether in pandemic or pre / post pandemic times, point out that the theme of psychosocial risks in the context of hospital health institutions should be regularly monitored, evaluated and more appropriate actions taken when high levels are monitored in the populations under observation and follow-up.
Description: Dissertação de Mestrado em Saúde Ocupacional apresentada à Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10316/94297
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
TESE - RISCOS PSICOSSOCIAIS - OLGA PIRES.pdf3.52 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

43
checked on Oct 7, 2021

Download(s)

241
checked on Oct 7, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons