Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/93935
Title: [RE]QUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO: Centro de Identidade da Vila de Preguiça [Cabo Verde]
Other Titles: PUBLIC SPACE [RE]QUALIFICATION: Vila de Preguiça's Identity Core [Cabo Verde]
Authors: Paz, Ana Cristina de Freitas
Orientador: Lopes, Nuno Miguel de Pinho
Silva, Walter Rossa Ferreira da
Keywords: Vila de Preguiça; Centro de Identidade; Espaço Público; [Re]qualificação; Vila de Preguiça; Identity Core; Public Space; Requalification
Issue Date: 9-Dec-2020
Serial title, monograph or event: [RE]QUALIFICAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO: Centro de Identidade da Vila de Preguiça [Cabo Verde]
Place of publication or event: Universidade de Coimbra
Abstract: A Vila de Preguiça instala-se numa encosta junto ao mar entre duas ribeiras deenxurrada, a poente e a ocidente, compondo-se por uma plataforma relativamente planana frente marítima a sul: a Baixa; e um planalto elevado, a norte: a Alta. O anteprojetoreflexãotratado nesta dissertação concentra-se na primeira área, definida pelas ribeiras,a linha do mar e a falésia do planalto: a área assim constituída denominar-se-á Centrode Identidade de Preguiça. O anteprojeto de espaço público é pensado para não sóconectar pontos de interesse, como outros projetos-ação que, em conjunto, constituemo Plano de Desenvolvimento Integrado e Salvaguarda da Vila de Preguiça [PDIS]desenvolvido pela equipa da ação de cooperação que lhe serviu de mote, denominadaLaboratório(s) da Preguiça.O espaço público da vila apresenta uma estrutura determinada pelas características doseu território, denotando uma forte relação com a paisagem envolvente - o mar, o relevo,as ribeiras. Decorre, também das dinâmicas da sua vivência, funcionando comoagregador da comunidade, e é por isso fundamental para a sua (re)estruturaçãourbanística, para a vivência da sua comunidade e, consequentemente, para a suapaisagem. No entanto, desafios socioeconómicos complexos e particulares a este lugartiveram efeitos na leitura e apresentação do espaço público, esbatendo os seuscontornos, carecendo este, hoje, de tratamento, habitabilidade, investimento emanutenção. Apesar de definido, embora essa definição esteja relativamente limitada atermos jurídicos e a uma estrutura aparente, o espaço público da Vila de Preguiça esperapor inovação, redefinição e atualização das suas qualidades, por uma intervenção quenão só se baseie no potencial de cada espaço que o compõe, como o saliente: por isso[re]qualificação.A intervenção desenvolve-se segundo diferentes preocupações, desde o planeamentourbano até aos sistemas e materiais de construção. Os princípios encontrados decomposição e forma advêm da análise das estruturas de organização dos espaçosexistentes e da busca de relação com a cultura e a paisagem locais através dosmateriais, cores, vegetação e ambientes que orientam a conceção do anteprojeto. Estapretende ancorar-se no enorme potencial dos espaços originais, definindo-se a partir deelementos chave: a Marginal, a Praça, os Percursos. Pretende-se, assim, a dignificaçãodesses espaços e contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população local,em comunidade.
The village of Preguiça is settled on a hillside by the sea, between two floodwater streams,one the west and one the east, comprising a relatively flat platform on the south seafront:Baixa (Downtown); and an elevated plateau to the north: Alta (Uptown). The preliminaryproject discussed in this dissertation focuses on the first area, defined by the streams,the sea line and the cliff of the plateau: the area thus constituted will be called Centro deIdentidade de Preguiça (Preguiça’s Identity Core). The public space preliminary projectis designed to not only connect points of interest, but also other action projects thattogether constitute the Plano de Desenvolvimento Integrado e Salvaguarda da Vila dePreguiça [PDIS] (Vila de Preguiça’s Integrated Development and Safeguard Plan)developed by the collaboration team that served as its motto, called Laboratório(s) daPreguiça (Preguiça’s Laboratory(s)).The village’s public space has a structure determined by the characteristics of its territory,showing a strong relationship with the surrounding landscape - the sea, the topography,the streams. It also stems from the dynamics of its experience, functioning as anaggregator of the community, and is therefore fundamental for its urban (re)structuring,for the experience of its community and, consequently, for its landscape. However,complex and socio-economic challenges have had an effect both on the reading andpresentation of the public space, blurring its contours; and so today it is in need oftreatment, habitability, investment and maintenance. In spite of being defined, andalthough this definition is relatively limited to legal terms and an apparent structure, thepublic space of Preguiça’s village awaits innovation, redefinition and updating of itsqualities, in an intervention that is not only based on the potential of each space thatcomposes it, but actually enhances it: that is why it is posed as [re]qualification.The intervention is developed according to different concerns, from urban planning toconstruction systems and materials. The principles of composition and form found comefrom the analysis of the organizational structures of the existing spaces and the searchfor a relationship with the local culture and landscape through the many materials,colours, vegetation and environments that guide the design of the preliminary project. Itis intended to anchor it in the enormous potential of the original spaces, defining itselffrom key elements: Marginal (Seaside Street), Praça (Square), Percursos (Routes). It isintended, therefore, to dignify these spaces and thus contribute to the improvement ofthe quality of life of the local population, as a community.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/93935
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Ana Paz.pdf113.88 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

5
checked on Apr 9, 2021

Download(s)

12
checked on Apr 9, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons