Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/93744
Title: Figurações Zoomórficas no Bronze Final Atlântico: Materiais, Contextos, Comensalidade e Simbolismo
Other Titles: Zoomorphic figurines of the Atlantic Bronze Age: Materials, Contexts, Commensality and Symbolism
Authors: Rodrigues, Miguel Alves Marinho
Orientador: Vilaça, Raquel Maria da Rosa
Keywords: Figurações zoomórficas; Metais; Espetos articulados; Fúrculas; Bronze Atlântico; Zoomorphic figurines; Metals; Articulated spits; Flesh hooks; Atlantic Bronze Age
Issue Date: 10-Feb-2021
Serial title, monograph or event: Figurações Zoomórficas no Bronze Final Atlântico: Materiais, Contextos, Comensalidade e Simbolismo
Place of publication or event: Instituto de Arqueologia da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Abstract: In this dissertation we intend to revive the debate relating to the meaning and symbolism of zoomorphic figurines in metals from the Late Bronze Age.To this end, we started by discussing the contacts and influences of the Late Bronze Age, with a special focus on the Atlantic Bronze Age, while trying to understand the changes at the regional level, giving the example of the communities that lived in the currently Portuguese territory as well as their relationship with animals.Then we approached the metallic objects with which the zoomorphic figures are associated, namely flesh hooks and articulated spits, also linking them to the commensality rituals in which the objects were used. We then mentioned those known to date, two flesh hooks and ten articulated spits (as well as an isolated zoomorphic figurine), describing them and briefly contextualizing them regarding their discovery, again giving a focus to those found in currently Portuguese territory.In an attempt to get to know and better understand the importance of objects and figures for the communities that wielded them, we analysed the ritual framework in which they were used, the relationship of the figurine with the object (the reason why they are together), and their finding contexts, as these directly mirror their importance for the communities.From these data, the lessons learned point to a totemic interpretation of the zoomorphic figurines, serving as an identity symbol for the communities and a means of expressing their ideals. However, not all fit this interpretation, and the possibility of representing a deity or an event relevant to the community was also raised.That said, our goal is not to reach any conclusions about the symbology and meaning of zoomorphic figures, but rather to take the first steps towards a discussion of the topic, since being a virtually unknown and difficult to know world, it needs to be actively investigated.
Na presente dissertação pretendemos reavivar o debate em relação ao significado e simbolismo das figurações zoomórficas em metais da Idade do Bronze Final Atlântico.Para tal, começámos por discutir os contactos e influências do Bronze Final, com especial enfoque no Bronze Atlântico, tentando ao mesmo tempo compreender as mudanças a nível regional, dando o exemplo das comunidades que viviam no território atualmente português, assim como a relação das mesmas com os animais.Em seguida abordámos os objetos metálicos aos quais as figurações zoomórficas estão associadas, nomeadamente fúrculas e espetos articulados ligando-as também aos rituais de comensalidade em que os objetos atuavam. Referenciámos então os conhecidos até à data, três fúrculas e onze espetos articulados, assim como uma figura zoomórfica isolada, descrevendo-os e contextualizando-os brevemente quanto à sua descoberta, dando novamente um enfoque aos encontrados em território atualmente português.Numa tentativa de conhecermos e compreendermos melhor a importância dos objetos e das figuras para as comunidades que as empunhavam analisámos o enquadramento ritual em que aqueles eram utilizados, a relação da figura com o objeto (isto é, a razão pela qual estão juntos), e os seus contextos de achado, pois estes espelham diretamente a importância que as comunidades lhes ofereciam.A partir destes dados, as ilações retiradas apontam para uma interpretação totémica das figurações zoomórficas, servindo como símbolo identitário das comunidades e meio de expressão dos seus ideais. No entanto, nem todas se enquadraram nesta interpretação, sendo também posta a hipótese de representarem uma divindade ou um acontecimento relevante para as comunidades.Posto isto, o nosso objetivo não é chegar a quaisquer conclusões acerca da simbologia e significado das figurações zoomórficas, mas sim dar os primeiros passos para uma discussão do tema, pois sendo um mundo virtualmente desconhecido e difícil de se conhecer implica que seja ativamente investigado.
Description: Dissertação de Mestrado em Arqueologia e Território apresentada à Faculdade de Letras
URI: http://hdl.handle.net/10316/93744
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
MiguelRodrigues_versaofinal.pdf2.8 MBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

15
checked on Jul 29, 2021

Download(s)

6
checked on Jul 29, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons