Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/93695
Title: Os desafios da Acessibilidade Cultural no Museu Nacional de Machado de Castro: A museologia como agente de inclusão para a promoção da cidadania
Other Titles: The challenges of cultural accessibility in Machado de Castro National Museum: Museology as an agent of inclusion for the promotion of citizenship
Authors: Dias, Bruna Filipa Teixeira
Orientador: Querol, Maria Lorena Sancho
Keywords: Acessibilidade Cultural; Inclusão; Museologia; Museu Nacional de Machado de Castro; Público com necessidades Especiais; Cultural Accessibility; Inclusion; Museology; National Museum Machado de Castro; Public with special needs
Issue Date: 9-Dec-2020
Serial title, monograph or event: Os desafios da Acessibilidade Cultural no Museu Nacional de Machado de Castro: A museologia como agente de inclusão para a promoção da cidadania
Place of publication or event: Museu Nacional de Machado de Castro
Abstract: A realização deste trabalho surgiu no âmbito do Mestrado em Património Cultural e Museologia, na vertente de Museologia da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Trata-se do resultado do estudo realizado no decurso dum estágio de 10 meses, no qual procura-se refletir acerca da acessibilidade cultural nos museus portugueses, em particular no Museu Nacional de Machado de Castro. Como objeto de estudo foram analisados dois projetos de inclusão, o EU no musEU, para pessoas com perturbações neurocognitivas do tipo Doença de Alzheimer e seus cuidadores/as informais, e o Imagens que Guiam, destinado a pessoas com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais, procurando também destacar alguns exemplos de boas práticas de inclusão no contexto museológico português. Foi por tanto, objetivo da pesquisa procurar encontrar respostas para as seguintes questões: Serão os projetos de inclusão em contexto museológico realmente eficazes? Que mais valias acrescentam aos museus e ao público que os frequenta? Que condições precisam reunir os museus para dar resposta às necessidades da sociedade atual? Será o museu, um espaço privilegiado para a prática da cidadania cultural ativa?O presente relatório é o resultado de um estágio desenvolvido no âmbito do Mestrado em Património Cultural e Museologia, da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Focando a vertente de Museologia, os motivos que me levaram a integrar este mestrado, incidiram sobretudo na minha paixão e curiosidade pelo mundo dos museus, principalmente pela diversidade cultural que representam, mas também pela possibilidade de usufruirmos das mais distintas formas desta diversidade.The completion of this work surged within the scope of the master's degree in Cultural Heritage and Museology, in the Museology domain of Faculty of Letters of the University of Coimbra. This is the result of a study carried out during a 10-month internship, in which I try to reflect on cultural accessibility in Portuguese museums, in particular at the National Museum Machado de Castro. As an object of study, two inclusion projects were analysed, the EU no musEU, for the citizens with neurocognitive disorders and for their informal caregivers and, the Imagens que Guiam, aimed for people with intellectual and developmental disabilities, seeking to highlight some aspects of good inclusion practices in the Portuguese museum context.In the analysis that follows, I try to find answers to the following questions: Are the inclusion projects in the museum context really effective? What added value do they provide to museums and the public that frequents them? What conditions do museums need to fulfil the needs of today's society? Is the museum a privileged space for the practice of active citizenship?
The completion of this work surged within the scope of the master's degree in Cultural Heritage and Museology, in the Museology domain of Faculty of Letters of the University of Coimbra. This is the result of a study carried out during a 10-month internship, in which I try to reflect on cultural accessibility in Portuguese museums, in particular at the National Museum Machado de Castro. As an object of study, two inclusion projects were analysed, the EU no musEU, for the citizens with neurocognitive disorders and for their informal caregivers and, the Imagens que Guiam, aimed for people with intellectual and developmental disabilities, seeking to highlight some aspects of good inclusion practices in the Portuguese museum context.In the analysis that follows, I try to find answers to the following questions: Are the inclusion projects in the museum context really effective? What added value do they provide to museums and the public that frequents them? What conditions do museums need to fulfil the needs of today's society? Is the museum a privileged space for the practice of active citizenship? A realização deste trabalho surgiu no âmbito do Mestrado em Património Cultural e Museologia, na vertente de Museologia da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Trata-se do resultado do estudo realizado no decurso dum estágio de 10 meses, no qual procura-se refletir acerca da acessibilidade cultural nos museus portugueses, em particular no Museu Nacional de Machado de Castro. Como objeto de estudo foram analisados dois projetos de inclusão, o EU no musEU, para pessoas com perturbações neurocognitivas do tipo Doença de Alzheimer e seus cuidadores/as informais, e o Imagens que Guiam, destinado a pessoas com dificuldades intelectuais e desenvolvimentais, procurando também destacar alguns exemplos de boas práticas de inclusão no contexto museológico português. Foi por tanto, objetivo da pesquisa procurar encontrar respostas para as seguintes questões: Serão os projetos de inclusão em contexto museológico realmente eficazes? Que mais valias acrescentam aos museus e ao público que os frequenta? Que condições precisam reunir os museus para dar resposta às necessidades da sociedade atual? Será o museu, um espaço privilegiado para a prática da cidadania cultural ativa?O presente relatório é o resultado de um estágio desenvolvido no âmbito do Mestrado em Património Cultural e Museologia, da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Focando a vertente de Museologia, os motivos que me levaram a integrar este mestrado, incidiram sobretudo na minha paixão e curiosidade pelo mundo dos museus, principalmente pela diversidade cultural que representam, mas também pela possibilidade de usufruirmos das mais distintas formas desta diversidade.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Património Cultural e Museologia apresentado à Faculdade de Letras
URI: http://hdl.handle.net/10316/93695
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
BrunaDias_versaofinal.pdf3.44 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

4
checked on Apr 9, 2021

Download(s)

2
checked on Apr 9, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons