Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/92942
Title: Relatórios de Estágio e Monografia intitulada "Vitiligo- uma afeção dermatológica despigmentante"
Other Titles: Internship Reports and Monograph entitled "Vitiligo- a depigmenting dermatological disorder"
Authors: Santos, Carolina Figueiredo
Orientador: Augusto, Cátia
Pina, Maria Eugénia Soares Rodrigues Tavares de
Lopes, Sophie Oliveira Silva
Keywords: vitiligo; corticoesteroides; fototerapia; despigmentação; camuflagem; vitiligo; corticosteroids; phototherapy; depigmentation; camouflage
Issue Date: 21-Dec-2020
Serial title, monograph or event: Relatórios de Estágio e Monografia intitulada "Vitiligo- uma afeção dermatológica despigmentante"
Place of publication or event: Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra, Farmácia Gama Vieira e Laboratórios BASI
Abstract: O vitiligo representa uma afeção dermatológica despigmentante, adquirida e crónica, cuja patogénese permanece ainda desconhecida. Várias têm sido as teorias propostas de forma a esclarecer a sua fisiopatologia, contudo a hipótese de destruição dos melanócitos pelo sistema imunitário parece ser a mais plausível. Trata-se do distúrbio pigmentar mais comum, com uma prevalência de 0,5-1% na população mundial, que afeta ambos os sexos de igual forma e pode surgir em qualquer idade. Carateriza-se clinicamente pelo surgimento de manchas brancas na pele e não apresenta uma cura definitiva, pelo que o objetivo principal do tratamento é melhorar a qualidade de vida dos pacientes. Quanto às opções terapêuticas de primeira linha incluem-se os corticosteroides e os inibidores da calcineurina, ambos de aplicação tópica; a segunda linha compreende a fototerapia (NB-UVB e PUVA) e os corticosteroides sistémicos; a terceira linha abrange o tratamento cirúrgico e a quarta linha representa os tratamentos despigmentantes. A despigmentação da pele normal só deve ser tida em conta como última opção, caso os pacientes sejam refratários aos tratamentos e haja uma grande extensão de pele afetada. Outros tratamentos menos convencionais como, a aplicação de antioxidantes, agentes biológicos e imunossupressores, demonstraram bons resultados, mas são necessários estudos adicionais. O advento de tratamentos emergentes (como o Bimatoprost) veio abrir as portas a novas possibilidades terapêuticas. Dado o forte impacto psicossocial que esta patologia causa, as técnicas de camuflagem podem representar uma importante “solução” para diversos pacientes.
Vitiligo represents a depigmenting, acquired and chronic dermatological disorder, whose pathogenesis remains unknown. Several theories have been proposed in order to clarify its pathophysiology, however the hypothesis of destruction of melanocytes by the immune system seems to be the most plausible.It is the most common pigment disorder, with a prevalence of 0,5-1% in the world population, affecting both sexes equally and can occur at any age.It is clinically characterized by the appearance of white spots on the skin and does not possess a definitive cure, so the main goal of the treatment is the improvement of patients´quality of life. As for therapeutic options, the first line of treatment includes corticosteroids and calcineurin inhibitors, both of topical application; the second line comprises phototherapy (NB-UVB and PUVA) and systemic corticosteroids; the third line covers surgical treatment and the fourth line represents depigmenting treatments. Depigmentation of normal skin should only be taken into account as a last option, if patients are refractory to treatments and there is a large extension of the affected skin.Other less conventional treatments, such as antioxidants, biological and immunosuppressants agents, have shown good results but additional studies are required.The advent of emerging treatments (such as Bimatoprost) has opened the door to new therapeutic possibilities. Given the strong psychosocial impact that this pathology causes, camouflage techniques can represent an important “solution” for several patients.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/92942
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Carolina Santos documento uv unico.pdf1.31 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

38
checked on May 13, 2021

Download(s)

56
checked on May 13, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons