Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/90176
Title: "Avaliação do Impacto das Condições de Deposição de Ossos e Dentes Humanos no seu Perfil Quimiométrico"
Other Titles: "Evaluation of the Impact of Bone and Tooth Deposition Conditions on its Chemometric Profile."
Authors: Coutinho, Tiago de Almeida
Orientador: Gonçalves, David Miguel da Silveira
Ferreira, Maria Teresa dos Santos
Keywords: Tafonomia; Diagénese; Osso e dentes humanos queimados; Análises Químicas; FTIR-ATR; Taphonomy; Diagenesis; Burned human bones and teeth; Chemical Analysis; FTIR-ATR
Issue Date: 11-Feb-2020
Serial title, monograph or event: "Avaliação do Impacto das Condições de Deposição de Ossos e Dentes Humanos no seu Perfil Quimiométrico"
Place of publication or event: DCV
Abstract: O estudo dos restos mortais humanos queimados é de considerável importância tanto em contextos arqueológicos como forenses, sendo frequentemente recuperados como resultado quer de práticas funerárias baseadas na cremação ou em consequência de desastres naturais, acidentes ou crimes. Neste último caso, o fogo é um método comum para tentar esconder a evidência da atividade criminal e a identidade da vítima. Assim, os antropólogos forenses são frequentemente confrontados com a necessidade de interpretar o osso queimado. De facto, o efeito de altas temperaturas no corpo humano pode confundir e complicar drasticamente o exame antropológico. A análise de restos queimados é um processo altamente complexo, que passa não apenas pela análise morfométrica tradicional dos ossos como também se pode socorrer de outras técnicas, tais como a espectroscopia de reflectância total atenuada por infravermelho (FTIR-ATR). O objetivo desta dissertação é identificar o impacto de distintos processos tafonómicos nos ossos e dentes em diversos ambientes. Com estes ambientes tenta-se replicar casos onde restos humanos são recorrentemente encontrados, documentando também as respetivas diferenças entre eles ao nível dos seus respetivos perfis quimiométricos. Desta forma, espera-se uma visão mais completa do contexto deposicional, observando que características de individualização levam a registos de componentes diferentes nas análises mesmo sendo um “material” semelhante. Para este projeto foram recolhidas 60 secções provenientes de 12 ossos dos quatro indivíduos da Coleção de Esqueletos Não-Identificados do Cemitério dos Capuchos e 15 dentes da Coleção de Dentes Modernos Identificados, perfazendo um total de 75 componentes, posteriormente separados em três patamares distintos de temperatura, os não-queimados, queimados a 500°C e queimados a 900°C. As aquisições de dados foram feitas antes e após a exposição aos ambientes, registando assim as alterações ocorridas nos perfis, através de espectroscopia vibracional, neste caso, FTIR-ATR. A importância de uma análise holística a contextos forenses pode ser observada através dos resultados obtidos nesta investigação. Os resultados registaram o impacto que os vários ambientes deposicionais tiveram nos ossos mesmo apesar de já não serem frescos. Esses impactos advêm dos processos diagenéticos de que foram alvo as nossas amostras, mesmo em deposições de curta duração. Estes processos foram principalmente observados nas amostras que interagiram com o betão, tendo esse impacto sido transversal à maioria dos índices estudados nesse ambiente. Os carbonatos serviram de referência aos índices mais afetados mas isso deveu-se provavelmente à contaminação de carbonatos exógenos. Por outro lado, os índices com menos alterações e portanto mais consistentes, foram o IC seguido do C/C e do OH/P. As amostras queimadas a 900°C foram aquelas onde se registaram o maior número de alterações, contudo foi nos não-queimados que estas se registaram com mais intensidade.
Investigating burnt human remains is of tremendous value both in archaeological and forensic contexts and, frequently, the remains are recovered as result of funerary practices based on cremations, natural disasters, accidents or crimes. Regarding this last case, fire is a common method to try and conceal evidence of criminal activity and the victim’s identity. Forensic anthropologists are frequently challenged with the necessity to decipher burned bones. In fact, the effect that high temperatures have on the human body can mislead and muddle drastically the forensic exam. The analysis of burnt remains is a highly complex process, which involves not only the traditional morphometric analysis of bones, but also other techniques such as infrared attenuated total reflectance spectroscopy (FTIR-ATR). The aim of this dissertation is to identify the impact of different taphonomic processes on bones and teeth in different environments. These environments try to replicate cases where human remains are regularly found, also documenting the respective differences between them in terms of their respective chemometric profiles. Therefore, a more complete view of the depositional context is expected, noting that features of individualization lead to records of different components in the analysis even though they are of a similar "material". For this project, 60 sections were collected from 12 bones of four individuals from the Unidentified Skeletons Collection of Capuchos Cemetery and 15 teeth from the Identified Modern Dental Collection, making a total of 75 components, subsequently separated into three distinct temperature groups, the unburned, burned at 500°C, and burned at 900°C. Data acquisition was done before and after exposure to the environments, thus recording the changes in the profiles, through vibrational spectroscopy, in this case, FTIR-ATR. The importance of a holistic analysis of forensic contexts can be observed through the results obtained in this research. The results recorded the impact that the various depositional environments had on the bones themselves despite they were no longer fresh. These impacts come from the diagenetic processes that our samples were subjected to, even in short-term deposition. These processes were mainly observed in the samples that interacted with concrete, and this impact was transversal to most of the indexes studied in that environment. The carbonates served as reference to the most affected indexes, but this was probably due to the contamination of exogenous carbonates. On the other hand, the indexes with less changes and therefore more consistent, were the CI followed by the C/C and the OH/P. The samples burnt at 900°C were those with the greatest number of changes, but the unburnt were the ones where the changes were the most intense.
Description: Dissertação de Mestrado em Antropologia Forense apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/90176
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Dissertação M estrado Antropologia F forense Tiago Coutinho.pdf4.11 MBAdobe PDFEmbargo Access    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

15
checked on Sep 24, 2020

Download(s)

2
checked on Sep 24, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons