Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/90166
Title: A Perceção do Tempo no Espaço Público: Desenho de um Novo Parque Urbano em Gouveia
Other Titles: The Perception of Time in the Public Space: Design of a New Urban Park in Gouveia
Authors: Cavadas, Inês Nunes Varela Barreira
Orientador: Cardielos, João Paulo Vergueiro Monteiro de Sá
Keywords: Água; Perceção; Variação Climática; Paisagem Sensorial; Water; Perception; Climate Variation; Sensorial Landscape
Issue Date: 25-Mar-2020
Serial title, monograph or event: A Perceção do Tempo no Espaço Público: Desenho de um Novo Parque Urbano em Gouveia
Place of publication or event: Departamento de Arquitetura
Abstract: How do we perceive time? And how do we perceive time in the public space? What will the new public space be like that considers perceptual sensitivity as an important project component? This dissertation follows the challenge proposed in the discipline of Atelier de projeto II, under the theme of Territory and Landscape research, for the elaboration of a project, inserted in an urban strategy that identifies and explores the potential of the territory of the city of Gouveia, promoting the discussion on its sustainable urban development. The mountain town belongs to the Serra da Estrela Natural Park, formed by 101 thousand hectares of Portuguese protected area. The mountains, the glacial valleys, the springs of the largest Portuguese rivers, the fauna and flora that live there make up a particular and attractive landscape throughout the year. The motivation of the theme of this dissertation originated from the verification of the very accentuated climatic variation in Gouveia, which may constitute an opportunity for project design, considering the way in which public space is experienced according to the climatic state. In this way, a theme park is designed next to a stream that explores the various possibilities of experiencing the space according to the physical state of the water. With this, it is intended to stimulate the design of interactive and dynamic spaces that allow different experiences in the same place, creating new values ​​and promoting quality spaces in harmony with nature. To this end, the work consists of three parts: theoretical research, territorial research and practical object. Firstly, it is about investigating two main themes: the question of perception and landscape, where we try to understand how our sensory organs work in the landscape, and how this discipline has changed over the years. Second, to get to know the territory, sociodemographic, infrastructural, geomorphological and climatic analysis of Gouveia and Serra da Estrela are used.
Como percecionamos o tempo? E como percecionamos o tempo no espaço público? Como será o novo espaço público que considera a sensibilidade percetiva como uma componente importante de projeto? A presente dissertação surge na sequência do desafio proposto na disciplina de Atelier de Projeto II, sob o tema de investigação Território e Paisagem, para a elaboração de um projeto, inserido numa estratégia urbana que identifica e explora o potencial do território da cidade de Gouveia, promovendo a discussão sobre o seu desenvolvimento urbano sustentável. A cidade serrana pertence ao Parque Natural da Serra da Estrela, formado por 101 mil hectares de área protegida portuguesa. As montanhas, os vales glaciares, as nascentes dos maiores rios portugueses, a fauna e flora que ali vivem compõem uma paisagem particular e atrativa ao longo do ano. A motivação do tema desta dissertação teve origem na verificação da variação climática muito acentuada em Gouveia, que poderá constituir uma oportunidade de desenho de projeto, considerando a forma como se experimenta o espaço público de acordo com o estado climático. Desta forma, projeta-se um parque temático junto a uma ribeira que explora as várias possibilidades de experimentar o espaço de acordo com o estado físico da água. Com isto, pretende-se estimular o desenho de espaços interativos e dinâmicos que permitam diferentes experiências no mesmo lugar, criando novas valências e promovendo espaços de qualidade em harmonia com a natureza. Para tal, o trabalho compõe-se em três partes: investigação teórica, investigação territorial e objeto prático. Em primeiro lugar trata-se de investigar sobre dois temas principais: a questão da perceção e da paisagem, onde se tenta perceber como funcionam os nossos orgãos sensoriais perante a paisagem, e como esta disciplina se transformou ao longo dos anos. Em segundo lugar, para conhecer o território recorre-se à análise sociodemográfica, infraestrutural, geomorfológica e climática de Gouveia e da Serra da Estrela.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Arquitetura apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/90166
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação Inês Cavadas.pdf34.48 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

8
checked on Sep 24, 2020

Download(s)

5
checked on Sep 24, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons