Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/88375
Title: Relatórios de Estágio e Monografia intitulada "Feridas Crónicas e o Papel dos Biofilmes"
Other Titles: Internshi Reports and Monograph entitled "Chronic Wounds and Role of Biofilms"
Authors: Cunha, Cátia Sofia Miranda da
Orientador: Louro, Maria João Duarte
Cardoso, Olga Maria Antunes Rodrigues Carvalho
Silva, Raquel Sofia Faustino
Keywords: Ferida Crónica; Biofilme; Cicatrização; Agentes antibiofilme; Agentes antimicrobianos; Chronic wound; Biofilm; Healing; Antibiofilm agents; Antimicrobial agents
Issue Date: 12-Sep-2019
Serial title, monograph or event: Relatórios de Estágio e Monografia intitulada "Feridas Crónicas e o Papel dos Biofilmes"
Place of publication or event: Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra; Farmácia Estácio e CEIC
Abstract: O comprometimento da barreira cutânea origina um conjunto de etapas de cicatrização, nomeadamente: homeostase, fase inflamatória, fase proliferativa e fase de remodelação que, uma vez perturbadas, poderão levar à instalação de uma ferida crónica. São vários os fatores que, por aumentarem o tempo e a intensidade da fase inflamatória, podem despontar a cronicidade de uma ferida. De entre os principais fatores que desencadeiam o processo de cronicidade, a presença de microrganismos é a mais importante. Os géneros que mais se encontram envolvidas na colonização de feridas são: Staphylococcus, Pseudomonas, Enterobacter, Enterococcus e Finelgodia. Contudo, esta colonização é, na maioria dos casos, provocada por mais do que um patogéneo, sendo que estes, muitas vezes, interagem entre si através de biofilmes. Os biofilmes são mais difíceis de debelar do que as bactérias no estado planctónico por motivos relacionados com a aquisição de genes de resistência e aumento da tolerância às terapias antimicrobianas, quer por ação direta das bactérias no hospedeiro, quer por ação de estratégias que se revelam subterapêuticas, devido à dificuldade em chegar ao local de ação e em penetrar no biofilme. No que diz respeito ao diagnóstico de feridas crónicas, apesar de não existirem ainda testes padrão, é recomendado o uso concomitante de vários ensaios de natureza diferente (morfológicos, microbiológicos e moleculares) para que se consiga uma aproximação do real o mais rigorosa possível. Além disso, dada a importância de um bom diagnóstico para instituir uma terapêutica adequada, estão em estudo métodos baseados em wound blotting e transcriptómica que parecem mostrar-se promissores a detetar com maior precisão e exatidão a composição de um biofilme. Atualmente, a abordagem terapêutica a feridas crónicas deve ser multifatorial, baseada no melhor diagnóstico possível. De início deve fazer-se o desbridamento da ferida, o controlo da humidade e de patologias de base associadas e incluir antibióticos e antissépticos que sejam ativos contra o biofilme, assim como inibidores do QS.
When cutaneous barrier is compromised, there are some steps to cicatrize the wound, namely: homeostasis, inflammatory phase, proliferative phase and remodeling phase. If these steps are disturbed, a chronic wound can appear. Many factors can increase the time and intensity of the inflammatory phase, which helps a wound to become chronic. The presence of infection is the most important reason to increase chronicity. The genus that are most involved in wound colonization are Staphylococcus, Pseudomonas, Enterobacter, Enterococcus e Finelgodia. However, this colonization is, in most cases, caused by more than one pathogen and these interact with each other through biofilms. Biofilms are more difficult to treat then planktonic bacteria because of gain of resistance genes and increase tolerance to antimicrobial therapies, either by direct action of the bacteria in the host or by the action of strategies that are revealed as sub-therapeutic, by the difficulty to enter into the place of action and to penetrate the biofilm. For diagnosis of chronic wounds, even without gold-standard tests, is recommended the concurrent use of many different assays (morphologic, microbiologic and molecular) to helps get the diagnostic the closer as possible to the real. Besides that, given the importance of a good diagnostic to found right therapeutic, there are some methods under study based on wound blotting and transcriptomic. These methods seem promising to detect with greater precision and accuracy the biofilm composition. Nowadays, chronic wound therapeutic must be multifactorial, based on the best as possible diagnosis. It should start with the wound debridement, moisture control and keep primary pathologies under control and include antibiotics or antiseptics specific chosen for biofilms, as well as QS inhibitors.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/88375
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Monografia_versaofinal.pdf1.81 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

148
checked on Sep 23, 2021

Download(s)

116
checked on Sep 23, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons