Title: Ultrastrutura de Treponema Pallidum Estripe Nichols e do Treponema Phadenisge Reiter - Observaçoes em bactérias Normais e Após Dissecção Química, Coimbra, Imprensa de Coimbra, 1988, 320 p.
Authors: SANTANA, Augusto César de Magalhães 
Keywords: Medicina Interna
Issue Date: 1988
Abstract: A ultrastrutura do Treponema pallidum estirpe Nichols e do Treponema phagedenis biotipo Reiter foi estudada por microscopia electrónica de transmissão (cortes ultrafinos) utilizando diferentes métodos de fixação – com relevo para o emprego ou não de acetato de uranilo (AU) e de Cl2Ca – reacções citoquímicas como o vermelho de ruténio (VR) e a reacção deThiéry, acção da penicilina, loszima e detergentes (SDS e TX) e ainda o efeito de tratamentos com actividade antimicrotubular e antimicrofilamentosa. Os resultados obtidos : 1 – confirmam as investigações de outros autores quanto à estrutura do cilindro protoplasmático e à disposição relativa dos elementos que integram os invólucros – peptidoglicano aderente à membrana citoplasmática e não à membrana exterior; 2 –mostram que a membrana exterior é uma estrutura frágil: 3- apontam para a necessidade da utilização do AU e do Cl2 Ca para a perfeita visualização das membranas e dos restantes elementos que integram o citoplasma. O perfil simétrico tanto da membrana citoplasmática como da membrana exterior e a negatividade desta à reacção de Thiéry, reacção que pela primeira vez foi utilizada em células de Treponema, apontam para a não existência de LPS nestas bactérias. Esta caracteristica que diferencia a membrana que integra o invólucro externo dos Treponemas, da membrana exterior dos Gram-negativos, justifica a fragilidade que a membrana exterior dos Treponemas revela frente a diferentes agentes, nomeadamente aos detergentes. Exceptuando a pequena espessura do peptidoglicano, todas as outras características estudadas, como o grau de sensibilidade à penicilina, lisozima e detergentes, e composição das placas basais dos flagelos (cuja inserção citoplasmática foi observada pela primeira vez neste trabalho), são típicas de bactéria Gram-positiva. As fibrilhas citoplasmáticas, estrutura peculiar do género Treponema que acentua a sua originalidade, apresentam semelhança com os filamentos intermediários pelo seu aspecto e dimensões e também pela insensibilidade aos tratamentos antimicrotubulares e antimicrofilamentosos. A reacção, positiva ao VR à periferia dos invólucros dos Treponemas não pareceu suficiente para demonstrar a existência de uma microcápsula mucopolíssacarídica. A semelhança estrutural do T. pallidum estripe Nicholo e do T. phagedenis biótipo Reiter, quando observados em microscopia elçectrónica de transmissão pela técnica de cortes ultrafinos, justifica a utilização do T. de Reiter como modelo prático e conveniente para a análise ultrastrutural do agente etiológico da Sífilis.
URI: http://hdl.handle.net/10316/883
Rights: embargoedAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Doutoramento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ficheiro_temporario.pdf8.8 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.