Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/88295
Title: Doenças Cardiovasculares: Uma Perspectiva em Torno do Relógio.
Other Titles: Cardiovascular Diseases: A Perspective Around the Clock
Authors: Soares, Ana Cláudia Vasconcelos da Silva
Orientador: Cunha, Carlos Brás da
Lopes, Dina Maria Cordeiro
Fonseca, Diogo André Afonso da
Keywords: Ritmo Circadiano; Disrupção; Doença Cardiovascular; Modelos Animais; Cronoterapia; Circadian Rhythm; Disruption; Cardiovascular Disease; Animal Models; Chronotherapy
Issue Date: 10-Sep-2019
Serial title, monograph or event: Doenças Cardiovasculares: Uma Perspectiva em Torno do Relógio.
Place of publication or event: Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra; Farmácia Aliança e Infarmed
Abstract: Os ritmos biológicos são uma característica ubíqua à vida. A maioria das funções doorganismo, como processos fisiológicos, bioquímicos e comportamentais, são acoplados pelosritmos circadianos, que são ritmos biológicos com um período de aproximadamente 24h.O organismo sincroniza os seus relógios em resposta a estímulos externos de forma aantecipar as mudanças ambientais, o que caracteriza uma vantagem seletiva. Essa sincronizaçãoé regulada por um oscilador central e estabelecida com uma rede de relógios periféricoscoordenada e interligada, que, em conjunto, contribuem para a fisiologia normal do organismo.No Sistema Cardiovascular, por exemplo, o mecanismo circadiano orquestra ritmos nafrequência cardíaca, pressão arterial, contratilidade cardíaca e metabolismo.No entanto, o estilo de vida atual impõe restrições de tempo que entram em colisão coma nossa fisiologia interna circadiana, aumentando o risco de doenças cardiovasculares. Aindaassim, os mecanismos de desregulação não são totalmente explicados uma vez que é uma áreade crescente pesquisa.Os principais objetivos desta revisão são descrever brevemente o sistema circadiano e osmecanismos envolvidos e, em seguida, explorar como a fisiologia e a patologia cardíaca estãoligadas ao ritmo circadiano. Esta revisão oferece uma visão geral da literatura existente sobremodelos experimentais de roedores que forneceram informações sobre as evidências dospapéis dos relógios moleculares e os seus efeitos nas funções fisiológicas. Finalmente, oobjetivo é discutir o papel da cronoterapia no contexto de doenças cardiovasculares e comoessa abordagem pode melhorar as terapias existentes e auxiliar no desenvolvimento de novas.
Biological rhythms are a ubiquitous feature of life. Most bodily functions, like physiological,biochemical, and behavioural processes, are coupled by the circadian rhythms that arebiological rhythms with a period of approximately 24h.The organism modulates its clocks appropriately in response to external cues in order toanticipate environmental changes, which characterizes a selective advantage. Thissynchronization is regulated by a central oscillator and established with a coordinated networkof peripheral clocks interlocked, which together contribute for the body’s normal physiology.In the Cardiovascular System, for example, the circadian mechanism orchestrates rhythms inheart rate, blood pressure, cardiac contractility, and metabolism.However, the current lifestyles impose external timing constraints that clash with ourinternal circadian physiology, often increasing the risk of cardiovascular disease. Still, themechanisms of dysregulation are not fully explained as this is a growing area of research.The main objectives of this review are to briefly describe the circadian system and themechanisms that are involved and then to explore how cardiac physiology and pathology islinked to the circadian rhythm. This review offers an overview of the existing literatureconcerning experimental rodent models that have provided insight into the evidence of theroles of the molecular clocks and their effects on physiological functions. Finally, it aims todiscuss the role of chronotherapy in the context of cardiovascular diseases and how suchapproach may improve existing therapies and assist in the development of new ones.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/88295
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Documento Único- Ana Soares.pdf1.6 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

98
checked on Jun 10, 2021

Download(s)

130
checked on Jun 10, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons