Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/85627
Title: Cristérios de noticiabilidade e jornalismo online: o caso do Jornal de Notícias.
Other Titles: Newsworthiness criterias and online journalism: Jornal de Noticias' case.
Authors: Pedro, Catarina Alexandra Pereira 
Orientador: Camponez, José Carlos Costa dos Santos
Keywords: Jornalismo Online; Redes Sociais; Valores-notícia; Critérios de Noticiabilidade; Internet; Online Journalism; Social Network; News-values; Newsworthiness Criteria; Internet
Issue Date: 31-Jan-2017
Serial title, monograph or event: Cristérios de noticiabilidade e jornalismo online: o caso do Jornal de Notícias.
Place of publication or event: Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Abstract: A partir de uma experiência de estágio, este relatório pretende fazer uma reflexão acerca das mudanças verificadas no jornalismo na era digital e sobre os caminhos que o jornalismo parece estar a preparar-se para percorrer. Estamos perante uma era em que os leitores estão cada vez menos dispostos a despender dinheiro de forma a obter informação quando esta se encontra de forma gratuita, tanto de forma parcial como até total, na internet. Os próprios dispositivos que permitem aceder a tais conteúdos desenvolvem-se de forma desenfreada permitindo ao público em geral ter acesso a objetos cada vez mais rápidos, mais autónomos, mais portáteis e a preços mais acessíveis dada a procura. Perante esta nova forma de aceder às notícias, os profissionais procuram cada vez mais adaptar os conteúdos às necessidades de quem os consome – apresentam-se peças mais ligeiras e superficiais de forma a satisfazer um público cada vez mais alargado e com gostos tão diferenciados. Através da democratização dos conteúdos dos multimédia em linha foi possível aproximar o jornalismo da população em geral e, principalmente, de públicos que, à partida, não procurariam tanto as notícias. É importante ter em consideração que, em março de 2016, mais de seis milhões de portugueses já transportava consigo um Smartphone, dispositivo que, dadas as suas características, permite que qualquer um tenha acesso a vários tipos de informação a partir de qualquer lugar.Estamos perante uma época em que o tradicional sistema “pull”, em que os leitores procuravam os conteúdos noticiosos, dá lugar o sistema “push” em que são agora os órgãos de comunicação que procuram os leitores. Não faria, contudo, sentido abordar este novo comportamento dos meios de comunicação sem dar ênfase aos impactes que as redes sociais tiveram no Jornalismo e nos media. O Facebook e o Twitter, essencialmente, tornaram-se aliados dos jornalistas na altura de procurar e difundir as notícias na internet, tornando-se essencial a presença dos meios de comunicação nestas plataformas como forma de se aproximarem dos seus potenciais leitores. Os dados aqui sinalizados são trabalhados no sentido de perguntar quais os impactes destas mudanças no quadro dos valores-notícia do jornalismo. Esta reflexão implicará necessariamente uma breve contextualização histórica, para percebermos também os efeitos nalgumas formas de fazer hoje jornalismo. Este relatório surge como o culminar de um estágio de três meses realizado na secção online do Jornal de Notícias e pretende, por isso, abordar as questões que se foram colocando durante esse período.
From an experience of internship, this work intends to analyze the changes in journalism in the digital era and the path that it seems to go through. We are facing an era where the readers are less and less willing to spend money to obtain information when they can find it for free, both partial and complete, on the internet. The devices that allow the readers to access the contents are developing fast, which allows the public in general to have access to objects increasingly faster, more autonomous, and portable and with more accessible prices given the demand. Considering this new form to access the news, professionals try more and more to adapt their contents to the needs of the consumers – they present lighter and more superficial news in order to satisfy their public which is wider and with different tastes. Through the content’s democratization of the online media it was possible to approach the journalism to the general population and, mainly, to the public who wouldn’t search for the news in the first place. It is important to take in consideration that, in March of 2016, more than six million Portuguese people already carried a smartphone, a device with characteristics that allow anyone to access to various types of information anywhere. We are facing a time where the traditional “pull” system, where the readers search news contents, gives place to the “push” system where the companies search the readers. It wouldn’t, however, make sense to talk about this new behavior from the mass media without emphasizing the impact that the social network has had in Journalism and in the media. Facebook and Twitter, essentially, have become allies to the journalists when it’s time to search and diffuse the news in the internet, becoming essential the presence of the mass media on these platforms in order to approach them to the potential readers. The data reported here is worked around a reflection on the impacts of the changes at the news-values. It will, necessarily, implicate a brief historical contextualization, in order to understand the effects that the past has on the new ways to do journalism.This report emerges as a climax point of a three month internship at Jornal de Notícias’ online section. During that time I witnessed the routines that the online newspapers have every day and the pressures they face in order to satisfy the need to consume more and more quickly. This and other questions that appeared during that time will be issue on this report.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado em Comunicação e Jornalismo - extinto apresentado à Faculdade de Letras
URI: http://hdl.handle.net/10316/85627
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
RELATÓRIO FINAL.pdf3.6 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

356
checked on Sep 15, 2021

Download(s) 50

698
checked on Sep 15, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons