Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/85490
Title: O Papel do Coping Diádico no Ajustamento Mútuo, em Casais Portugueses
Other Titles: The Role of Dyadic Coping on marital Dyadic Adjustment, in Portuguese Couples
Authors: Salvador, Olívia Amaral 
Orientador: Carvalho, Maria Madalena Santos Torres Veiga
Keywords: Conjugalidade; Dyadic Adjustment Scale; Inventário do Coping Diádico; Stress; Conjugality; Dyadic Adjustment Scale; Dyadic Coping Inventory; Stress
Issue Date: 18-Oct-2018
Serial title, monograph or event: O Papel do Coping Diádico no Ajustamento Mútuo, em Casais Portugueses
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Uma relação conjugal satisfatória constitui uma das mais importantes fontes de bem-estar subjetivo do ser humano. No entanto, diversas mudanças ocorreram desde então, não só pelo facto de na atualidade o casamento homossexual ser cada vez mais aceite socialmente, mas por existirem cada vez mais uniões de facto e filhos fora do casamento, mas sobretudo por, atualmente, irmos ao encontro de uma pessoa exigindo que esta nos faculte aquilo que antes poderia ser aprovisionado por uma comunidade inteira: sensação de pertença, continuidade, identidade, transcendência, espanto, mistério, novidade e, ao mesmo tempo, familiaridade, previsibilidade, sem esquecer a surpresa (Perel, 2008). Estas mudanças que têm ocorrido nas relações românticas e sem as devidas estratégias de coping, manuseamento de stress e de comunicação, têm contribuído para o aumento do número de divórcios,sendo o stress, um dos factores que mais contribui para este fenómeno. Esta investigação pretende compreender quais as estratégias de coping diádico que melhor contribuem para um melhor ajustamento na díade. O protocolo da presente investigação foi aplicado a uma amostra de 175 sujeitos, cônjuges portugueses, com idades entre os 20 e os 70 anos. Este é constituído por um questionário sociodemográfico de dados complementares, a versão portuguesa do Inventário do coping diádico, adaptado e validado por Vedes, Lind e Ferreira (2011) e a Escala de Ajustamento Mútuo, versão validada e adaptada para a população portuguesa por Lourenço e Relvas (2003). Os resultados apresentaram correlações positivas entre o coping diádico e o ajustamento mútuo e as suas respetivas dimensões: consenso mútuo, coesão mútua, satisfação mútua e expressividade afetiva.
A satisfactory conjugal relationship constitutes one of the most important sources of subjective well-being of the human being. However, a lot changed since then, not just because homosexual is increasingly be accepted socially but above all, today we go to a person requiring it to provide us with what could be supplied by an entire community: sense of belonging, continuity, identity, transcendence, awe, mystery, novelty and, at the same time, familiarity, predictability, not to mention surprise (Perel,2008). These changes that have occurred in romantic relationships. These changes that have occurred in romantic relationships and without the appropriate strategies of coping, stress management and communication, have contributed to the increase in the number of divorces, with stress being one of the factors that contributes most to this phenomenon. This research intends to understand which strategies of dyadic coping that best contribute to a better fit in the dyad. The protocol of the present investigation was applied to a sample of 175 subjects Portuguese spouses, aged between 20 and 70 years. It is made of a sociodemographic questionnaire of complementary data, followed by the Portuguese version of the Dyadic Coping Inventory, adapted and validated by Vedes, Lind and Ferreira (2011) and the Dyadic Adjustment Scale, a validated and adapted version for the Portuguese population by Lourenço and Relvas (2003). The results showed positive correlations between dyadic coping and dyadic adjustment and their respective dimensions: mutual consensus, mutual cohesion, mutual satisfaction and affective expressiveness.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/85490
Rights: closedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
Dissertação_ Olivia_ Salvador.pdf807.14 kBAdobe PDF    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

311
checked on Jul 2, 2020

Download(s) 50

289
checked on Jul 2, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons