Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/84919
Title: Reaproveitamento das Águas Cinzentas
Other Titles: Greywater reuse
Authors: Miranda, Paulo Alexandre Nunes 
Orientador: Ferreira, Rosa Maria de Oliveira Quinta
Keywords: Água; Águas Cinzentas; Reaproveitamento; Processos Unitários; Viabilidade Económica; Water; Greywater; Reuse; Unitary Processes; Economic Viability
Issue Date: 28-Feb-2018
Serial title, monograph or event: Reaproveitamento das Águas Cinzentas
Place of publication or event: Aquaquímica
Abstract: Ao longo das últimas décadas têm existido avanços significativos na abordagem à gestão da Água, principalmente através da implementação de novas metodologias para o reaproveitamento das águas residuais. As águas residuais podem ser classificadas em três categorias distintas:• Águas amarelas;• Águas cinzentas;• Águas negras. Inicialmente, neste estudo, será abordada a questão das águas cinzentas através de uma análise qualitativa e quantitativa das mesmas. Posteriormente, será abordada a reutilização das águas cinzentas apresentando e descrevendo os processos unitários mais comuns utilizados no seu tratamento.O objetivo principal do estudo será a implementação de um sistema de tratamento de águas cinzentas numa das maiores fontes de consumo de água, mais concretamente num Hotel. O sistema aplicado tem por base a reutilização das águas cinzentas para a rega, lavagens de pátios, máquina de lavar roupa, máquinas de lavar louça e descarga de autoclismos.No último capítulo, será feito um estudo económico da implementação do sistema de tratamento de águas cinzentas que permitirá concluir qual a sua viabilidade económica.A ‘reciclagem’ das águas cinzentas deverá ser sempre realizada in situ e em grandes fontes geradoras de águas cinzentas, como é o caso do hotel.As alterações/adaptações para o reuso com ou sem tratamento colidem na dificuldade de execução e custo. Onde existe possibilidade de grandes avanços e desenvolvimento deste tipo de implementações será sempre na fase de projeto/construções de novos edifícios. O custo-benefício tende largamente para a implementação de sistemas de aproveitamento de águas cinzentas, pois estes tipos de tratamentos têm períodos de retorno, geralmente, em apenas um ano.
Over last decades there have been significant advances in the approach to water management, mainly through the implementation of new methodologies for wastewater reuse. Wastewater can be classified into three distinct categories: • yellow water; • greywater;• blackwater. Initially, in this study, the issue of greywater will be addressed through a qualitative and quantitative analysis. Subsequently, the reuse of greywater will be approached presenting and describing the most common unitary processes used in its treatment.The main propose of this study will be the implementation of a system of treatment of greywater in one of the major sources of water consumption, more concretely in a hotel. The applied system is based on the reuse of the greywater for the irrigation and toilet flushing.In last chapter, an economic study of the implementation of the greywater treatment system will be carried out, which will allow to conclude its economic viability.The 'recycling' of graywater should always be carried out in situ and in large graywater sources such as the hotel.The changes/adaptations for reuse with or without treatment collide in the difficulty of execution and cost. Where there is possibility of major advances and development of this type of implementations will always be in the design phase / constructions of new buildings.Cost-benefit tends largely to the implementation of gray water systems, as these types of treatments have a payback time, usually, in just one year.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Engenharia do Ambiente apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/84919
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Show full item record

Page view(s)

358
checked on Jul 2, 2020

Download(s) 50

798
checked on Jul 2, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons