Title: Auto-monitorização do Corpo: Construção e desenvolvimento da escala de autoaversão dirigida ao corpo
Other Titles: Self-monitoring of the Body: Construction and development of Body-directed Sel-disgust Scale
Authors: Loureiro, Sara Leitão 
Orientador: Freitas, Paula Cristina Oliveira Castilho
Keywords: Escala da autoaversão dirigida ao corpo (EAAC);Análise fatorial confirmatória;Propriedades psicométricas;Amostra comunitária;Body-Directed Self-Disgust Scale (BDSD);Confirmatory factor analysis;Psychometric proprieties;Community sample
Issue Date: 13-Oct-2017
Abstract: Atualmente sabe-se que a emoção de nojo poderá ser dirigida para o próprio indivíduo, adotando respostas semelhantes às dirigidas a fatores externos. Esta forma de resposta é conhecida como auto-nojo/autoaversão, e tem sido descrita como uma emoção discreta, duradoura e inadequada, em que há predominância de experiências de repugnância ou profundo mal-estar, relativamente às caraterísticas do eu, percecionando-as como tóxicas ou repulsivas. No entanto, ainda são escassos os estudos acerca da autoaversão/nojo, bem como das medidas capazes de a avaliarem. Desta forma, propusemo-nos a construir, validar e testar as propriedades psicométricas de uma medida que tem como objetivo medir e avaliar a relação existente entre a emoção de autoaversão e os aspetos relacionados com o corpo. No presente estudo utilizou-se um protocolo com escalas de autorresposta destinadas a avaliar as variáveis em estudo, numa amostra de 467 estudantes universitários. A Análise Fatorial Confirmatória confirmou a estrutura multidimensional da escala (quatro subescalas) em que o modelo final de segunda ordem apresentou um bom ajustamento à matriz dos dados. A escala revelou possuir boas propriedades psicométricas. Os resultados confirmaram as relações hipotetizadas. Os resultados confirmaram as relações hipotetizadas. Verificaram-se correlações positivas entre a autoaversão dirigida ao corpo, a vergonha, o autocriticismo, o evitamento experiencial e a fusão cognitiva com a imagem corporal. Por outro lado, foram obtidas correlações negativas entre a autoaversão, a auto-tranquilização e a comparação social positiva.De um modo geral, os resultados obtidos sugerem que a EAAC é uma medida útil e confiável para avaliar a aversão dirigida ao corpo.
Nowadays, is known that disgust emotion can be directed toward the self, by the same processes that it is directed to external factors. This concept is labelled as self-disgust/ self-loathing and it has been described as a discrete, lasting, and inadequate emotion. It is associated with experiences of extreme discomfort or loathing towards self-characteristics, that are perceived as toxic or repulsive. However, there is still a lack of studies about self-disgust, as well as about instruments to measure it. In line with that, we intended to build, validate and test the psychometric properties of a new instrument to evaluate self-disgust directed to body image. In the present study, we used a protocol of self-answer scales to measure the study variables in a sample of 467 university students. The Confirmatory Factor Analysis confirmed the multidimensional structure of the scale (four subscales), where the final model of second order revealed a good fit to the data matrix. The scale showed good psychometric properties. The results confirmed the hypothesis. There were positive correlations between self-disgust directed the body, shame, self-criticism, experiential avoidance, and cognitive fusion with body image. On the other hand, we obtained negative correlations between self-disgust, self-reassuring and positive social comparison.In general, the results suggest that Body-Directed Self-Disgust Scale (BDSD) is a useful and valid tool to assess the self-disgust directed to body image, both in clinical and research domains.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/84285
Rights: closedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Sara Loureiro.pdf771.38 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy
Show full item record
Google ScholarTM
Check
This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons