Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/84191
Title: ''Que emoções vês tu?'' O Reconhecimento de Emoções em alunos dos 12 aos 17 anos: Um estudo com o Módulo “Cognição Social” do Programa de Intervenção Neuropsicológica REHACOG
Other Titles: '' What emotions do you see? '' The Recognition of Emotions in students from 12 to 17 years: A study with the module "Social Cognition" of the Neuropsychological Intervention Program REHACOG
Authors: António, Rita Sofia Carvalho Nabo Fernandes
Orientador: Figueira, Ana Paula Mendes Correia Couceiro
Keywords: reconhecimento de emoções; REHACOG; cognição social; intervenção neuropsicológica; inteligência emocional; emotions recognition; REHACOG; social cognition; neuropsychologic intervention; emotional intelligence
Issue Date: 27-Jul-2017
Serial title, monograph or event: ''Que emoções vês tu?'' O Reconhecimento de Emoções em alunos dos 12 aos 17 anos: Um estudo com o Módulo “Cognição Social” do Programa de Intervenção Neuropsicológica REHACOG
Place of publication or event: Universidade de Coimbra - Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
Abstract: As emoções são curiosas adaptações que fazem parte do mecanismo através do qual os organismos regulam a sua sobrevivência. A exibição das emoções é essencial para a interação social, uma vez que, para além da função expressiva, tem também a função regulativa. As expressões faciais são uma resposta coordenada e precisa a um comportamento que é preciso demonstrar em determinado momento e contexto, sendo produzidas e reconhecidas por todos os indivíduos. Assim, a expressão facial, uma vez ativada, vai afetar toda a trajetória social do individuo. A expressão facial da emoção é mais um instrumento ao serviço da interação social e ocorre mais frequentemente em situações de regras sociais, como, em cumprimentos (Freitas-Magalhães, 2011).A capacidade de descodificar com precisão pistas emocionais complexas no nosso ambiente social é uma característica da cognição humana essencial para um desenvolvimento social normativo (Rodger, Vizioli, Ouyang, & Caldara, 2015).Esta investigação tem como principal objetivo contribuir para a validação da adaptação da versão portuguesa do programa REHACOG (Figueira & Paixão, in press), através da aplicação da tarefa Reconhecimento de Emoções do módulo Cognição Social. O programa REHACOG emerge da adaptação do REHACOP (Ojeda et al., 2012) e compõe um programa de intervenção neuropsicológica.Na atualidade, o REHACOG (Figueira & Paixão, in press) está a ser aplicado noutros contextos e populações. Neste sentido, foi realizado um estudo descritivo e exploratório com 23 indivíduos, do sexo feminino e masculino, com idades compreendidas entre os 12 e os 17 anos, que frequentam turmas de cursos vocacionais do 3º ciclo de ensino básico.
Emotions are curious adaptations that are part of the mechanism by which organisms regulate their survival. The exhibition of emotions is essential for social interaction, since, besides the expressive function, it also has the regulative function. Facial expressions are a coordinated and precise response to behavior that needs to be demonstrated at a specific moment and context, being produced and recognized by all individuals. Thus, facial expression, once activated, will affect the entire social trajectory of the individual. The facial expression of emotion is another instrument at the service of social interaction and occurs more often in situations of social rules, such as in compliments (Freitas-Magalhães, 2011).The ability to accurately decode complex emotional clues in our social environment is a characteristic of human cognition essential for normative social development (Rodger, Vizioli, Ouyang, & Caldara, 2015).This research has as main objective to contribute to the validation of the adaptation of the Portuguese version of the REHACOG program (Figueira & Paixão, in press), through the application of the Emotion Recognition task of the Social Cognition module. The REHACOG program emerges from the adaptation of REHACOP (Ojeda et al., 2012) and composes a neuropsychological intervention program.At present, REHACOG (Figueira & Paixão, in press) is being applied in other contexts and populations. In this sense, a descriptive and exploratory study was carried out with 23 individuals, female and male, aged between 12 and 17 years old, who attend classes in vocational courses of 3rd cycle of basic education.
Description: Dissertação de Mestrado Integrado em Psicologia apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/84191
Rights: closedAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat Login
TESE_Rita_Antonio__.pdf807.18 kBAdobe PDF    Request a copy
Show full item record

Page view(s)

337
checked on Jul 2, 2020

Download(s) 50

329
checked on Jul 2, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons