Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/83708
Title: Internship Reports and Monograph titled "Anti-Inflammatory Effects of Physical Exercise: Protective Mechanisms and Implications in Metabolic Diseases"
Other Titles: Relatórios de Estágio e Monografia intitulada “Anti-Inflammatory Effects of Physical Exercise: Protective Mechanisms and Implications in Metabolic Diseases”
Authors: Neto, Maria Joao Ferreira 
Orientador: Mendes, Alexandrina Maria Ferreira Santos Pinto
Freitas, Ana Margarida
Gomes, Rita Maria Henriques
Keywords: exercício físico; atividade física; inflamação de baixo grau; citocinas; doenças metabólicas; exercise training; physical exercise; low-grade inflammation; cytokines; metabolic diseases
Issue Date: 26-Sep-2017
Serial title, monograph or event: Internship Reports and Monograph titled "Anti-Inflammatory Effects of Physical Exercise: Protective Mechanisms and Implications in Metabolic Diseases"
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: As doenças metabólicas estão associadas a uma inflamação crónica de baixo grau e continuam com grande prevalência e mortalidade globalmente. A inflamação de baixo grau está relacionada com o aumento dos marcadores inflamatórios no sangue, presumivelmente, devido à produção aumentada de citocinas pro-inflamatórias por vários tecidos e células. Os efeitos do exercício físico nas doenças metabólicas são muito especulados, mas é largamente aceite que este consiste numa medida não farmacológica bastante eficaz no tratamento destas doenças como a diabetes ou obesidade. Todos os órgãos parecem demonstrar adaptações em resposta ao exercício físico no entanto, as mais visíveis ocorrem no tecido adiposo, fígado, sistema cardiovascular e músculo esquelético. Os efeitos da atividade física são dependentes do tipo, intensidade e duração desta assim como de outros fatores pobremente estabelecidos, mas os mecanismos por de trás destes efeitos ainda são desconhecidos. Contudo, especula-se que os efeitos estejam relacionados com a perda de peso e com a libertação de citocinas anti-inflamatórias na corrente sanguínea. É notoriamente necessário mais investigação nesta área uma vez que os efeitos do exercício físico podem ser potenciados e adequados às necessidades individuais. Adicionalmente com o conhecimento de como estes mecanismos se processam, a inibição dos efeitos inflamatórios associados às doenças metabólicas pode vir a ser possível. Como estudante da Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra tive oportunidade de, no segundo semestre do 5º ano, realizar um estágio curricular em Farmácia Hospitalar e Farmácia Comunitária. Optei por estagiar no Hospital CUF Descobertas e na Farmácia Mouraria em Lisboa. O estágio hospitalar decorreu entre 9 de janeiro e 3 de março de 2017, já o estágio em farmácia comunitária decorreu entre 6 de março e 30 de junho do mesmo ano. Após a conclusão de ambos os estágios realizei um relatório onde faço uma análise SWOT descrevendo, sumariamente, os pontos fortes e fracos, as ameaças e as oportunidades sentidas e observadas ao longo passagem pelo hospital e farmácia.
Metabolic diseases are associated with a low-grade chronic inflammation and continue to be among the most prevalent diseases and cause of rising mortality worldwide. This low-grade inflammation is associated with an increase of inflammation markers in the blood probably due to the augmented production of pro-inflammatory cytokines by several tissues or cells. The effects of exercise training on metabolic diseases have long been speculated. It is widely accepted that exercise training is a very effective non-pharmacological treatment for metabolic diseases, like obesity and diabetes mellitus. All organs seem to have health-related adaptations in response to exercise although, the most visible occur in adipose tissue, liver, cardiovascular system and skeletal muscle. The effects of exercise are dependent of its type, duration and intensity, as well as on several other less well established factors, but the underlying mechanisms are still largely unknown. Nonetheless, these effects are probably mediated by both weight loss and the release of anti-inflammatory cytokines into the blood circulation. Further investigation in this field is worthy because we will be able to potentiate the physical exercise effects and adequate to the individuals’ necessities. Moreover, with the knowledge on how this mechanisms work, possibly, we will be able to inhibit the inflammatory signals associated with metabolic disorders. As a student of the Faculdade de Farmácia da Universidade de Coimbra I had the opportunity, on the second semester of the 5th year, to attend to a curricular internship in Hospital Pharmacy and Community Pharmacy. I chose to do the internship at the Hospital CUF Descobertas and at the Farmácia Mouraria in Lisbon. The hospital internship took place between January 9 and March 3, 2017, and the internship in community pharmacy took place between March 6 and June 30 of the same year. Upon the conclusion of both internships it was written a report where a SWOT analysis briefly describing the strengths and weaknesses, the threats and opportunities experienced and observed throughout the hospital and pharmacy is done.
Description: Relatório de Estágio do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas apresentado à Faculdade de Farmácia
URI: http://hdl.handle.net/10316/83708
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Final Maria Neto.pdf14.68 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

404
checked on Dec 21, 2021

Download(s) 50

439
checked on Dec 21, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons