Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/83574
Title: Sleep apnea syndrome and obesity : undraveling the role of intermittent hypoxia on adipose tissue physiology = Apneia obstrutiva do sono e obesidade : o papel da hipóxia intermitente na fisiologia do tecido adiposo
Authors: Salgado, Joana Margarida Rosmaninho 
Orientador: Carvalheiro, Manuela
Cavadas, Cláudia
Keywords: Obesidade; Apneia obstrutiva do sono; Hipóxia
Issue Date: Mar-2013
Abstract: A obesidade é definida como um estado patológico que é caracterizado por um aumento excessivo de tecido adiposo. Uma situação de obesidade pode ocorrer quando a quantidade energia que é ingerida é superior à que é despendida. Cerca de 60 a 90% das pessoas obesas tem a síndrome da apneia obstrutiva do sono (OSAS), que é caracterizada por ciclos de apneia e/ou dispneia durante o sono, e deste modo caracterizada por períodos de hipóxia intermitente (IH). Em murganhos, foi descrito que a HI conduz a uma diminuição do peso corporal dos animais, no entanto sabe-se que Homens adultos com OSAS normalmente desenvolvem excesso de peso. Apesar de existirem várias evidências que sugerem que a HI tem um papel importante na obesidade, o papel da IH na fisiologia do tecido adiposo branco (WAT) e no tecido adiposo castanho (BAT) ainda não está esclarecido. Os resultados do grupo de Neurogénese e Neuroendocrinologia do Centro de Neurociências e Biologia Celular, indicam que o cloreto de cobalto (CoCl2), um agente que mimetiza uma situação de hipóxia, inibe a adipogénese e a expressão de PPAR-γ2 numa linha celular de pré-adipócitos de murganho, 3T3-L1. No entanto, sabe-se que existem diferenças fisiológicas na resposta a uma situação de hipóxia contínua, como a descrita anteriormente, comparativamente à situação de IH O papel da IH na adipogénese do WAT e do BAT ainda não é conhecido. Por outro lado, sabese que quando ocorre a reoxigenação depois de um período de hipóxia, esta situação funciona como um insulto para diferentes tipos de células, conduzindo ao aumento da produção de espécies reativas de oxigénio (ROS). No entanto, o papel da reoxigenação nos adipócitos do tecido adiposo ainda não é conhecido. Com base nestes conceitos teóricos, o projeto atual pretende esclarecer o papel da HI na fisiologia do WAT e do BAT. Por outro lado, pretende-se também perceber se é a condição de hipóxia ou a situação de reoxigenação que funciona como principal responsável pelas alterações metabólicas no WAT e no BAT. Para alcançar estes objetivos, o projeto apresenta dividido em 3 tarefas: Tarefa 1) Será que a IH é um modulador da função do WAT? Tarefa 2) Será que a IH influencia a diferenciação e a fisiologia do BAT? Tarefa 3) Qual é o papel da reoxigenação no tecido adiposo? No final espera-se que o projeto contribua definitivamente para um melhor conhecimento do papel da IH na fisiologia do adipócito e perceber de que modo esta contribui para a formação e desregulação da formação do tecido adiposo
Obesity is defined as a state of pathologically excessive adipose tissue mass. Obesity comes about when energy intake exceeds energy expenditure. It was described that 60-90% of obese people have Obstructive Sleep Apnea Syndrome (OSAS), which is characterized by cycles of apnea and/or hypopnea during sleep leading to intermittent hypoxia (IH). In mice, IH induces a decrease on body weight but OSAS patients usually display weight gain. Although there are strong evidences suggesting that IH may be a key factor in obesity, the role of IH on white adipose tissue (WAT) and brown adipose tissue (BAT) physiology is not yet clarified. Results from the group of Neuroendocrinology and Neurogenesis of the Center of Neuroscience and Cell Biology (NN/CNC), using a hypoxia mimetic agent, CoCl2, suggest that hypoxia inhibits adipogenesis and PPAR-γ2 expression in 3T3-L1 cells. However, there are remarkable differences in the response of the physiologic systems to sustained hypoxia and IH, and the effect of IH on adipogenesis of WAT and BAT is not yet clarified. Additionally, the reoxygenation after hypoxia (HR) is a cell injury that has been described to induce reactive oxygen species (ROS) in different non-adipocyte cell models, but its effect on adipocytes is not known. With this project we aim to clarify the role of IH on WAT physiology and also on BAT physiology. Moreover, we aim at understanding whether hypoxia or reoxygenation (HR) are responsible for the metabolic alterations observed in WAT and BAT. To achieve these aims our project will have three different tasks: Task 1) Is IH a modulator of WAT function?; Task 2) Does IH change BAT differentiation and BAT physiology? and Task 3) What is the role of HR on adipose tissue? With this project we expect to contribute to a better knowledge of the role of IH on adipocyte physiology and how it contributes to adipose tissue formation and dysregulation.
Description: Trabalho final de mestrado integrado em Medicina área científica de Endocrinologia, apresentado á Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10316/83574
Rights: openAccess
Appears in Collections:FMUC Medicina - Teses de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
CAPA_JSalgado.pdf67.87 kBAdobe PDFView/Open
TESE Mestrado JSalgado.pdf1.12 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s)

96
checked on Jul 9, 2020

Download(s)

17
checked on Jul 9, 2020

Google ScholarTM

Check


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.