Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/82920
Title: Emergence and development factors of renewable energy cooperatives: A cross-country comparative study of Germany and Portugal
Other Titles: Fatores de surgimento e desenvolvimento das cooperativas de energias renováveis: Um estudo comparativo entre Alemanha e Portugal
Authors: Schwark, Adrian 
Orientador: Correia, Patrícia Carla Gama Pinto Pereira da Silva de Vasconcelos
Keywords: Cooperativas de energias renováveis; Economia social; Política de energias renováveis; Diretivas da UE; Transição Energética; Renewable energy cooperatives; Social economy; Renewable energy policies; EU directives; Energy Transition
Issue Date: 17-Jul-2017
Serial title, monograph or event: Emergence and development factors of renewable energy cooperatives: A cross-country comparative study of Germany and Portugal
Place of publication or event: Coimbra- Faculdade de Ciencias e Tecnologia
Abstract: Nos últimos anos, vários governos e organizações incentivaram a participação ativa dos cidadãos em projetos comunitários de energia. Em particular, as cooperativas de energias renováveis surgiram e contribuem bastante para conseguir atingir os objetivos nacionais de energias renováveis. No entanto, a pesquisa existente focou-se principalmente nas condições de países específicos, sem uma explicação abran-gente para a prevalente distribuição geográfica desigual das cooperativas de energi-as renováveis entre os países.Portanto, a intenção da dissertação é examinar os fatores económicos, organizacio-nais e regulatórios de surgimento e desenvolvimento das cooperativas de energias renováveis. Finalmente, propõem-se recomendações de políticas, por um lado, para a Alemanha, onde apesar de terem sido criadas numerosas cooperativas, as recen-tes alterações legais levaram à deterioração das condições. Por outro lado, no caso de Portugal, avanço destas organizações socioeconómicas é ainda residual, apre-sando estádio muito embrionário quando comparado com o caso alemão.Em primeiro lugar, apresentamos uma visão geral do movimento cooperativo e do papel dos cidadãos na estratégia de transição energética. Segue-se uma análise da literatura com o objetivo de desenvolver uma compreensão dos fatores influentes e de angariar o conhecimento necessário para a preparação do estudo experimental. Foi desenvolvido um questionário online para a aquisição e análise de dados sobre atividades de cooperativas estruturas internas e os facilitadores e obstáculos exter-nos. Esta etapa foi complementada com duas entrevistas com líderes cooperativis-tas. Os resultados indicam que as cooperativas de energias renováveis estão expostas aos inúmeros obstáculos que podem ser reduzidos através de um quadro claro e estável, reconhecendo as suas características distintivas. Além disso, fatores particu-larmente influentes apresentam o envolvimento de atores locais, o apoio das asso-ciações e disponibilização de uma infraestrutura de conhecimento e instituições financeiros locais.
In recent years, various governments and organisations have encouraged the active participation of citizens in community energy projects. Especially renewable energy cooperatives (RE cooperatives) emerged and have contributed greatly to achieve national renewable energy targets. However, the existing research has focused mainly on the specific characteristics of countries, lacking a comprehensive scope and explanation for the unequal spatial distribution of RE cooperatives among countries. Therefore, the purpose of this dissertation is to identify and assess the economic, organisational and regulatory emergence and development factors of RE coopera-tives in a comparative cross-country analysis. The ultimate aim is to develop tailored policy recommendations and thereby realizing the full potential of citizen’s engage-ment and positive environmental and societal impacts. Firstly for, Germany, where RE cooperatives are well established, but recent policy decisions lead to deteriorat-ing conditions, and secondly, Portugal, where these organisations struggle to make a headway. First of all, an overview of the RE cooperative movement and the role of citizens within the EU energy transition strategy outlines the current context. Thereafter, a literature analysis aims to develop a sound understanding of the influencing factors and gain required knowledge for the preparation of the experimental study. An online survey was conducted to acquire and examine data on RE cooperative activi-ties, internal structures and external drivers and barriers, complemented by two qualitative interviews with RE cooperative experts.Findings indicate that RE cooperative are exposed to a multitude of obstacles that can be lowered through a clear and stable framework, recognising their distinctive characteristics. Moreover, the engagement of local actors, the support of associa-tions and availability of a well-developed knowledge infrastructure as well as local financial institutions constitute particularly influential factors.
Description: Dissertação de Mestrado em Energia para a Sustentabilidade apresentada à Faculdade de Ciências e Tecnologia
URI: http://hdl.handle.net/10316/82920
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Show full item record

Page view(s) 50

410
checked on Jul 9, 2020

Download(s) 50

465
checked on Jul 9, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons