Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/82408
Title: Relação entre Síndrome de Fragilidade e Depressão
Other Titles: Relationship between frailty syndrome and depression
Authors: Nelas, João Rafael Batista de Loureiro e 
Orientador: Verissimo, Manuel Teixeira Marques
Keywords: Idoso fragilizado; Depressão; Saúde mental; Idoso; Envelhecimento; Frail elderly; Depression; Mental health; Aged; Aging
Issue Date: 18-Jun-2018
Serial title, monograph or event: Relação entre Síndrome de Fragilidade e Depressão
Place of publication or event: Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra
Abstract: A síndrome de fragilidade define-se por um estado de maior vulnerabilidade a eventos adversos causadores de grande incapacidade, constituindo um importante problema de saúde na população geriátrica. Também a depressão em idades mais avançadas foi caracterizada pela resposta inadequada a eventos adversos, assumindo formas atípicas muitas vezes difíceis de diagnosticar. Até ao momento, não é ainda clara a associação existente entre estas entidades nas faixas etárias mais avançadas. Deste modo, são objetivos do presente estudo analisar a relação de comorbilidade, causalidade, sobreposição de diagnóstico e mecanismos fisiopatológicos comuns entre ambas.Elaborou-se uma revisão da literatura com pesquisa nas bases de dados eletrónicas MedLine/Pubmed, analisando a evolução do estado de arte sobre a temática em estudo.Atendendo aos objetivos propostos, constatou-se que a comorbilidade entre a síndrome de fragilidade e a depressão é considerável em idades mais avançadas, e que a sua relação de causalidade é recíproca e significativa. A elevada correlação evidenciada entre estas entidades em grupos específicos de indivíduos, mesmo após ponderada a partilha de parâmetros de classificação, demonstrou que a sobreposição de diagnóstico é relevante e deve ser considerada. Notoriamente, vários mecanismos parecem contribuir para o desenvolvimento de ambas as entidades, nomeadamente a depressão vascular, a inflamação sistémica de baixo grau e a desregulação neuroendócrina.Neste contexto, a identificação na prática clínica da condição de idoso frágil associada à depressão e o desenvolvimento de programas que otimizem a saúde deste grupo populacional revela-se fundamental.
The frailty syndrome is defined by a state of greater vulnerability to adverse events causing great incapacity, constituting an important health problem in the geriatric population. Also, depression at more advanced ages was characterized by inadequate response to adverse events, assuming atypical forms often difficult to diagnose. To date, the association between these entities in the more advanced age groups is not yet clear. Thus, the objective of the present study is to analyze the relationship of comorbidity, causality, diagnostic overlap and common pathophysiological mechanisms between both.A review of the literature based on the electronic databases MedLine/Pubmed was carried out, analyzing the evolution of the state of art on the subject under study.Attending to the proposed objectives, it was found that the comorbidity between frailty syndrome and depression is considerable at more advanced ages, and that their causal relationship is reciprocal and significant. The high correlation between these entities in specific groups of individuals, even after weighted the sharing of classification parameters, demonstrated that the overlap of diagnosis is relevant and should be considered. Notably, several mechanisms seem to contribute to the development of both entities, namely vascular depression, low grade systemic inflammation and neuroendocrine dysregulation.In this context, the identification in clinical practice of the condition of frail elderly associated with depression and the development of programs that optimize the health of this population group proves to be fundamental.
Description: Trabalho Final do Mestrado Integrado em Medicina apresentado à Faculdade de Medicina
URI: http://hdl.handle.net/10316/82408
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Trabalho Final.pdf591.92 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

499
checked on Jun 10, 2021

Download(s) 50

487
checked on Jun 10, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons