Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/82325
Title: Determinantes da experiência e da satisfação no caso do Turismo Médico em Portugal
Other Titles: Determinants of experience and satisfaction in the case of medical tourism in Portugal
Authors: Antunes, Verónica Rodrigues 
Orientador: Coelho, Arnaldo Fernandes Matos
Keywords: Turismo Médico; Turismo de Saúde e Bem-estar; Portugal; Antecedentes da Experiência; Turistas; Medical tourism; Healthcare and well-being tourism; Portugal; Tourists
Issue Date: 30-Sep-2017
Serial title, monograph or event: Determinantes da experiência e da satisfação no caso do Turismo Médico em Portugal
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Nas últimas décadas, o setor do turismo médico tornou-se cada vez mais reconhecido e, por consequência, tem sido cada vez mais recorrente em diversos países. Este setor, já existe desde os tempos primórdios, porém, inicialmente era visto apenas como uma forma de aumentar a esperança média de vida, sendo considerado atualmente uma forma de turismo de saúde e de bem-estar.Recentemente, os clientes de turismo médico estão dispostos a deslocarem-se a outros países para procurar tratamentos ou outro tipo de procedimentos médicos, como por exemplo cirurgias, tratamentos de spa e de termas. As razões que os levam a deslocar são diversas: a procura de melhor qualidade de serviço, as longas listas de espera, os custos elevados em alternativas mais próximas ou a carência de determinados serviços médicos no seu país de origem. O presente estudo pretendia analisar o setor do Turismo Médico em Portugal. Primeiramente analisou-se o conceito de turismo médico, de saúde e bem-estar, distinguindo-o de outros conceitos. Posteriormente, seguiu-se uma breve revisão sobre as variáveis identificadas como potencialmente influenciadoras deste tipo de turismo. Uma vez que o universo populacional do presente estudo eram turistas de diversas nacionalidades, que tenham visitado Portugal para tratamentos/diagnósticos de saúde, como uma alternativa ao sistema de saúde no próprio país. Deste modo, o modelo de investigação proposto constitui um contributo académico. Considerando que a presente investigação permitiu compreender que o turismo médico português tem forte potencial. Nesse sentido, para recolha de dados utilizou-se um questionário online que permitiu a recolha de 45 inquéritos. Assim, os resultados obtidos permitiram a nível do modelo final a apresentação de algumas diferenças em termos dos antecedentes e consequentes das variáveis experiência e satisfação. Relativamente aos antecedentes em termos empíricos identificaram como antecedentes da satisfação o desempenho, a imagem de destino, o valor percebido e as instalações, sendo que estas demonstraram uma significância estatística que permitiu a corroboração de algumas das hipóteses. No que concerne a experiência foram identificados como antecedentes a imagem do destino do país é relevante, assim como as competências percebidas pelo paciente/turista. Averiguou-se que os consequentes da satisfação são a intenção de troca, o bem-estar subjetivo e a lealdade.Portanto, as instituições devem-se consciencializar que apesar dos seus turistas ou pacientes fiquem satisfeitos, esta não seja condição suficiente para garantir que o cliente volte é essencial ter em atenção outros fatores.
Over the last decades, the medical tourism has gathered more and more recognition and practitioners and is now practiced in many countries. This sector, that has been around for a long time, used to be seen as a means to achieve a longer life span but is now turning into a well-known and accepted form of healthcare.In recent years, patients are more willing to travel to other countries searching for treatment or other medical procedures, such as surgeries, spa treatments or thermal baths. There are many reasons for the patients to look for medical tourism: the search for a better quality medical service, to avoid long waiting lists or high cost closer alternatives, or the lack of certain procedures in the countries of origin.The objective of this document is to analyse the medical tourism sector in Portugal.First and foremost, it’s important to analyse and distinguish the concepts of medical tourism, healthcare and wellbeing. Afterwards it will be presented a brief analysis of the variables that are possibly influential in this sort of tourism.The focus group in study are the people from different nationalities that have come to Portugal looking for treatment/diagnosis as an alternative to their own countries health care system.This study, as well as the methodology used to see it through, has provided a scientific and academic contribution given that it helps medical institutions to understand how much potential does Portugal have for the medical tourism.In order to gather useful information about said potential a query was created and delivered online to a sample group of 45 people. The results have shown some changes between the levels of satisfaction before and after the experience. Before the experience what the focus group identifies with is the performance satisfaction, images of the destination, apparent added value and the installations. These variables have shown a great significance in terms of statistics allowing for the validation of some hypotheses. The most valued variables beforehand are the image of the country in foreign nations and the perceived competence of the medical institution. After the experiment the variables that are affected the most are the patient/tourist inclination to change, the well-being and loyalty.Therefor the institutions most recognise that despite the tourists being pleased with the healthcare provided, it is not enough the ensure their return and it is crucial to pay attention to other factors.
Description: Dissertação de Mestrado em Marketing apresentada à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/82325
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
dissertação_Determinantes da experiência e da satisfação.pdf8.36 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

407
checked on Jul 14, 2020

Download(s) 50

404
checked on Jul 14, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons