Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10316/81927
Title: Measuring Public Higher Education Institutions Financial Performance: An application of the EVA® approach
Other Titles: A Medição da Performance Financeira das Instituições de Ensino Superior Públicas: Uma aplicação da metodologia EVA®
Authors: Aguiar, Carlos Alberto Pais de Azevedo
Orientador: Gonçalves, Paulo Miguel Marques Gama
Keywords: Valor Económico Adicionado; Instituições de Ensino Superior; Criação de Valor; Desempenho Financeiro; Custo do Capital; Financial Performance; Cost of Capital; Economic Value Added; Higher Education Institutions; Value Creation
Issue Date: 15-Sep-2017
Serial title, monograph or event: Measuring Public Higher Education Institutions Financial Performance: An application of the EVA® approach
Place of publication or event: Coimbra
Abstract: Atualmente o setor do ensino superior está a enfrentar um período de mudança e turbulência. Impulsionado pela crise financeira, pelas mudanças demográficas e sociais na população estudantil, pelo declínio no financiamento público e pela competição global, o ensino superior tem vindo a transformar-se, de um serviço público, para um serviço orientado para o mercado, e uma abordagem assente na criação de valor começa a surgir nos planos estratégicos destas entidades. Principalmente assentes em scorecards e índices compostos, estes baseiam-se em indicadores de natureza orçamental ou rácios tradicionais, que não são, de todo, os mais adequados para avaliar o desempenho baseado na criação de valor. O Economic Value Added (EVA®) tem sido referido na literatura como uma medida de desempenho privilegiada, não só ao nível da medição do valor criado, mas também na sua integração com o processo de decisão estratégica. Com o presente trabalho pretende-se estender o uso EVA® como uma medida de desempenho financeiro no contexto das Instituições de Ensino Superior (IES) públicas. Inicialmente, o método EVA® foi aplicado ao setor das IES públicas através da metodologia de estudo do caso na Universidade de Coimbra, considerando duas abordagens diferentes do custo do capital e os níveis das contas individuais e consolidadas, no período de 2011 a 2016. Os resultados evidenciaram que, no período em análise, a UC tem vindo de forma contínua a aumentar o valor financeiro criado. Posteriormente, a análise foi ampliada para o setor em Portugal, onde, igualmente se observou um aumento do valor financeiro criado. Considerando que as IES portuguesas tendem a apresentar um EBIT ajustado positivo e uma evolução semelhante ao nível do capital investido, pode-se concluir que o principal determinante da evolução do EVA® no setor das IES portuguesas é, portanto, o custo do capital, sendo negativamente correlacionado com os resultados EVA® das IES portuguesas.Corroborando a afirmação de que o EVA® é adequado para medir e explicar a criação de valor no setor de IES foi realizado um estudo estatístico para determinar quais variáveis podem influenciar a geração de valor ao nível das IES públicas. Os resultados evidenciaram que a eficiência operacional, bem como a produtividade e qualidade na investigação, são as variáveis que, de forma significativa, podem explicar o criado no setor de IES Português. Finalmente, o estudo sugere que uma maior dimensão tende a gerar menor valor, bem como, que o valor criado entre o regime fundamental e o regime de direito público não diferem significativamente.Contudo, o presente estudo encontra-se limitado pela dificuldade em obter informação pública disponível das IES portuguesas num horizonte temporal alargado. O número reduzido de observações tem impacto nos resultados obtidos, nomeadamente na significância e capacidade explicativa do modelo estatístico. Portanto, os resultados atuais exigem investigação futura neste âmbito.
The HEI sector, not only in Portugal but worldwide, is facing a dynamic and turbulent environment. Driven by the economic crisis, demographic and social changes in student population, the decline in public funding and global competition, HEI are shifting now from a public service to a market-driven-one, and a value-driven approach is starting to taking part on these entities strategic plans. Primarily based on scorecard systems or composite indexes, which rely on budgetary and traditional ratio measures, they are unable to evaluate a value-based performance. The Economic Value Added (EVA®) methodology have been referred in the literature as a privileged performance metric for measure value generation and integration in the corporate strategical decision process. The present work pretended to extend the concept and use of EVA® as a financial performance measure in the public HEI context.For this purpose, the EVA® method was initially applied to the public HEI sector using the case study methodology in the University of Coimbra, considering the individual and consolidated accounts levels and two different approaches to the cost of capital, in the 2011 to 2016 time horizon. The results evidenced that, in the study time horizon, UC has been continuously increasing the financial created value.Thereafter, the empirical analysis was extended to the Portuguese public HEI sector. The results evidenced an increasing value creation in the analysis period. The results evidence an increasing of EVA®, and therefore, value creation in HEI. As Portuguese HEI tend to present positive adjusted EBIT and similar invested capital evolution, the main determinant of EVA® evolution in the Portuguese HEI sector is the cost of capital, which is negatively correlated with the HEI EVA® results. Corroborating the claim that EVA® is suitable to measure and explain the value creation in HEI sector was conducted a multivariate study to determine which variables can induce the HEI value generation. The results evidenced that general operational efficiency and productivity and quality in research, are the variables that can, significantly, explain the created in Portuguese HEI sector. Finally, the study suggest that large HEI tend to generate less value than medium and small HEI, and also, that created value between the foundational regime and the public law regime do not differ significantly.However, the study was limited by the difficulty in obtaining publicly available information of the Portuguese HEI in an extended time horizon. The reduced number of observations has an impact on the obtained results, namely in the in the significance and explanatory capacity of the statistical model. Therefore, the present conclusions require further future research.
Description: Dissertação de Mestrado em Gestão apresentada à Faculdade de Economia
URI: http://hdl.handle.net/10316/81927
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat
Dissertação_EVA_Carlos_Aguiar.pdf2.55 MBAdobe PDFView/Open
Show full item record

Page view(s) 50

421
checked on Nov 24, 2020

Download(s) 50

403
checked on Nov 24, 2020

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons