Title: Team Autonomy and Team Effectiveness in an organizational context: the mediating role of Supportive Behaviors
Other Titles: Autonomia das equipas e eficácia das equipas no contexto organizacional: o papel mediador dos comportamentos de suporte.
Authors: Silva, Joana Filipa Alexandrino da 
Keywords: Equipas de Trabalho;Autonomia das Equipas;Eficácia das Equipas;Comportamentos de Suporte;Work teams;Team autonomy;Team effectiveness;Supportive behaviors
Issue Date: 9-Jul-2018
Abstract: Framework: Mais do que nunca, grande parte do trabalho nas organizações é realizado em equipas. Algumas equipas são muito bem sucedidas, enquanto outras são confrontadas com constante fracasso. Existem muitos fatores que podem contribuir para o sucesso de uma equipa. Estudar quais as variáveis que se relacionam com a eficácia das equipas é relevante e fornece um corpo de conhecimento científico importante que contribui para uma melhor compreensão dos grupos em organizações com implicações no nível da pesquisa e da intervenção.Objetivo: Este estudo tem como objetivo analisar o papel mediador dos comportamentos de suporte dos membros da equipa na relação entre a autonomia das equipas e a eficácia das equipas, com base no modelo de eficácia Input-Mediator-Outcome-Input [IMOI]. Seguindo uma abordagem multidimensional da eficácia, os seguintes critérios serão utilizados: desempenho da equipa, viabilidade da equipa, qualidade da experiência do grupo e melhoria de processos da equipa.Metodologia: Esta pesquisa é não-experimental, transversal e adota uma análise ao nível grupal. A amostra é composta por 535 participantes de 90 equipas, incluindo 90 líderes de equipas e 445 membros de equipas de 40 organizações portuguesas de diferentes setores. Para a análise dos dados utilizou-se a análise de regressão, nomeadamente, o produto do método de coeficientes, proposto por MacKinnon, Lockwood, Hoffman, West e Sheets (2002).Resultados: Encontrou-se uma relação positiva e significativa entre autonomia das equipas e comportamentos de suporte que, por sua vez, está positivamente relacionada com os quatro critérios da eficácia da equipas. O modelo de mediação proposto, mostra o efeito indireto da autonomia das equipas na eficácia da mesma, através do papel desempenhado pelos comportamentos de suporte.Conclusão: Destacando a relação entre a autonomia e a eficácia por meio do papel mediador dos comportamentos de suporte, esta pesquisa contribui para enriquecer nosso conhecimento sobre os antecedentes da eficácia das equipas. Assim, esta pesquisa também contribui para a importância de incentivar as organizações a incorporar a autonomia no desenho das equipas como uma estratégia para melhorar os comportamentos de suporte e a eficácia das equipas.
Framework: More than ever, much of the work in organizations is accomplished in teams. Some teams are very successful, while others are confronted with a series of failures. There are many factors that can contribute to the success of a team. Studying which variables relate to team effectiveness is relevant and provides a framework of important scientific knowledge that contributes to a better understanding of groups in organizations with implications at the research and intervention level. Purpose: This study aims to analyze the mediator role of team members’ supportive behaviors in the relationship between team autonomy and team effectiveness, based on the Input-Mediator-Outcome-Input [IMOI] effectiveness model. Following a multidimensional approach of team effectiveness, the following criteria will be used: team performance, team viability, quality of group experience and team process improvement. Methodology: This research is non-experimental, cross-sectional and adopts a group level analysis. The sample is composed by 535 participants from 90 teams, including 90 team leaders and 445 team members of 40 Portuguese organizations from different sectors. To analyze the data regression analysis was used, namely the product of coefficients method, proposed by MacKinnon, Lockwood, Hoffman, West and Sheets (2002).Results: A positive and significant relationship between team autonomy and supportive behaviors which, in turn, is positively related to the four criteria of team effectiveness was found. The mediation model proposed, showing the indirect effect of team autonomy on team effectiveness through the role played by supportive behaviors was supported.Conclusion: Highlighting the relationship between team autonomy and team effectiveness through the mediating role of supportive behaviors, this research contributes to enrich our knowledge on the antecedents of team effectiveness. Accordingly, this research also contributes to encourage organizations to incorporating autonomy into teams’ design as a strategy to enhance supportive behaviors and team effectiveness.
Description: Dissertação de Mestrado em Psicologia do Trabalho, das Organizações e dos Recursos Humanos apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10316/81471
Rights: openAccess
Appears in Collections:UC - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Master Thesis Final Version Joana Silva.pdf525.01 kBAdobe PDFView/Open
Show full item record
Google ScholarTM
Check
This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons